As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 30-06-2010. Acessado 600 vezes.
Título da Postagem:O MASSACRE DE ISABELLA
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 30-06-2010 @ 11:53 am
[ Avise alguém sobre este texto ]
O MASSACRE DE ISABELLA FOI UM MASSACRE COM “DARDOS INFORMATIVOS VISUAIS E ESTACAS DE ESTOCADAS SONORAS” EM NOSSAS RAZÕES E CORAÇÕES. DESDE DE 29/03/2008 QUANDO ASSASSINARAM A PEQUENA GAROTINHA ISABELLA NARDONI (DE 5 ANOS DE IDADE, ASSASSINADA EM SÃO PAULO – CAPITAL, SOB SUSPEITA DO SEU PAI E DA MADRASTA) TODO O BRASIL FOI MASSACRADO. IMPIEDOSAMENTE MASSACRADO, TANTO QUANTO FOI ISABELLA EM SEU MARTÍRIO FINAL E SUPLICIOSO.

ESTAMOS CONHECENDO A MALDADE SEM LIMITES E REQUINTADAMENTE PERVERSA. E QUEM PERDE UM FILHO PERDE PARTE DO FUTURO, OU QUEM MATA UM FILHO MATA O PRÓPRIO FUTURO. E ISSO É PENOSO AO VERMOS DIARIAMENTE AS FOTOS DE ISABELLA, EM SUA BELEZA E DOÇURA, E PROMESSA DE UM FUTURO DE INFINITAS POSSIBILIDADES DE REALIZAÇÕES E VIVÊNCIAS.

A CIÊNCIA DIZ QUE NÃO FOSSEM AS DITAS “FEIÇÕES INFANTIS” AS MÃES E PAIS NATURAIS PODERIAM AUMENTAR O “INFANTICÍDIO” POR MOTIVOS TORPES E FÚTEIS, NAS PRIMEIRAS MANIFESTAÇÕES DE PERTURBAÇÕES COMUNS AOS PEQUENINOS. SUAS EXPRESSÕES SÃO ENCANTADORAS, EM TODO O REINO ANIMAL, DOS FILHOTINHOS E APRENDIZES DA VIDA SELVAGEM, AOS BEBÊS E CRIANCINHAS DA RAÇA HUMANA, CIDADÃOS UNIVERSAIS.

DIZ-SE QUE SÓ O FILHOTE DE URUBU É QUE CORRE O RISCO DE “NÃO SOBREVIVER AO CONCURSO DE BELEZA” (É A “PERFEITA” FEIÚRA DIMINUTA E INOCENTE), DA VITÓRIA DA VIDA POR SI MESMA. E, MESMO ASSIM, O CÉU E A TERRA ESTÃO INFESTADOS DE “URUBUS”.

O MASSACRE SE ESTENDE A UM AMPLO ESPECTRO DE SEGMENTOS, ATIVIDADES E CAMPOS OPERACIONAIS, PSICOLÓGICOS E EMOCIONAIS. DURANTES ESSES ÚLTIMOS DIAS (QUASE 30 DIAS DECORRIDOS – TRANSCURSO DE TEMPO PADRÃO, PARA O ENCERAMENTO DO INQUÉRITO POLICIAL – DE 30 DIAS, PRORROGÁVEIS) ASSISTIMOS A FRAGILIDADE DAS ESTRUTURAS TÉCNICAS E SOCIAIS BRASILEIRAS.

SEGUNDO ANDY WHAROL (FALECIDO ARTISTA PLÁSTICO AMERICANO) EM PROFECIA SOBRE O FUTURO DAS TELECOMUNICAÇÕES, DIZIA QUE TODOS NÓS PODERÍAMOS TER “NOSSOS 15 MINUTOS DE FAMA”. E ISABELLA TEVE MUITO MAIS DO QUE 15 MINUTOS DE FAMA APÓS A SUA MORTE EXTREMAMENTE PREMATURA.

TIVEMOS UM MASSACRE SOB MAIS DE 30 MINUTOS DIÁRIOS, PODENDO ATINGIR CERCA DE 900 MINUTOS, NOS 30 DIAS DECORRIDOS, APÓS O CRIME, OU UM VALOR ESTIMADO DE 15 HORAS, EM TODOS OS CANAIS E MEIOS DE COMUNICAÇÃO, EM TODO O BRASIL. MUITAS EVIDÊNCIAS SE EXTRAPOLAM NO FAMOSO ASSASSINATO INFANTIL.

PSICÓLOGOS JÁ FALAM NO INFANTICÍDIO PSICOLÓGICO DAS CRIANCINHAS VITIMADAS PELA “PRESSÃO DAS TELECOMUNICAÇÕES”, SOB UM CASO DE CRIME NA CLASSE MÉDIA, QUE ESTÃO ASSISTINDO NESSAS 15 HORAS DE E SOB O “CONDICIONAMENTO DO MEDO E DA AMEAÇA PATERNAL” – MUITAS JÁ “NÃO SE SENTEM SEGURAS” COM SEUS PAIS E COMEÇAM A APRESENTAR ANOMALIAS PSICOLÓGICAS. QUAIS EXIGÊNCIAS ESSAS CRIANÇAS, QUANDO ADULTAS, EM FUTURO PRÓXIMO, IRÃO FAZER DA JUSTIÇA, DOS POLÍTICOS E DA GOVERNANÇA PÚBLICA?

A COBRANÇA SOCIAL DA APURAÇÃO DO CRIME É ALGO AVASSALADOR COM MANIFESTAÇÕES PÚBLICAS DE REPÚDIO E INCITAÇÕES À VIOLÊNCIA CONTRA OS PROVÁVEIS CRIMINOSOS, EM FRENTE ÀS RESIDÊNCIAS DE PARENTES DOS SUSPEITOS DO CRIME. HOUVE MOBILIZAÇÃO ATÉ DE PATRULHA DA POLÍCIA MILITAR, PARA GARANTIR A SEGURANÇA DESSES PARENTES.

TODOS ESTÃO SOB “PRESSÃO PSICOLÓGICA” DA SOCIEDADE: DESDE POLICIAIS ÀS AUTORIDADES JURÍDICAS, DESDE CONSULTORES E ASSESSORES AOS TÉCNICOS E CIENTISTAS, DESDE OS POLÍTICOS AOS GOVERNANTES.

MUITOS ALEGAM QUE TAL FOCO INTENSO E INSTRUTIVO, EM TODOS OS SENTIDOS, OCORRE PORQUE SE TRATA DE UMA CRIANÇA DA CLASSE MÉDIA PAULISTANA, NO ESTADO DA MAIOR RIQUEZA NACIONAL – SÃO PAULO – SOB AS LENTES OBJETIVAS DAS CÂMERAS DE TV, DE MÁQUINAS DIGITAIS E CELULARES, DE POTENTADOS DE TELECOMUNICAÇÕES E JORNALÍSTICOS.

SÃO PAULO É UM IMPORTANTE CENTRO DE MILITÂNCIA HUMANISTA E DE ALTO GRAU, SEDE DE MUITAS ONG’S DESSE SEGMENTO – HÁ MUITA PRESSÃO. E PODEM EXISTIR MUITAS “ISABELLAS” IMOLADAS IGUALMENTE, OU MAIS INESCRUPULOSAMENTE, NO PAÍS E EM SEUS CONFINS, QUE NÃO TIVERAM SEUS 15 MINUTOS DE FAMA, NOS RECESSOS E LUGARES ESQUECIDOS, PRINCIPALMENTE EM FAVELAS E PERIFERIAS.

MAS, O QUE ASSOMBRA É A FALTA DE DADOS ESTATÍSTICOS DIRETOS, E CONFIÁVEIS, SOBRE A INCIDÊNCIA DE ASSASSINATOS NO BRASIL E SUAS RESPECTIVAS TABULAÇÕES, OSTENSIVAS E PUBLICADAS PERIODICAMENTE, A MENOS EM RELATÓRIOS RESERVADOS E A UM CÍRCULO FECHADO DE LEITORES E INTÉRPRETES.

SE ALGUÉM MENOS CORPORATIVO, E CIENTIFICAMENTE MAIS HABILITADO, QUISER AJUDAR FICA IMPEDIDO DE EXTRAIR CONCLUSÕES E BASES PARA SOLUÇÕES, PELA INEXISTÊNCIA DE TRANSPARÊNCIA, DEBATES SINCEROS E RELATOS FIDEDIGNOS. AFINAL NENHUMA CORPORAÇÃO QUER “PASSAR RECIBO” DE INCOMPETENTE. ISSO SÓ NO BRASIL, O PAÍS DO FUTURO!

NÃO EXISTEM MAIS “SEGREDOS SECRETOS” SOBRE AS INFINIDADES DE MOTIVAÇÕES QUE LEVAM AO ASSASSINATO DE PESSOAS – CRIANÇAS, ADULTOS E IDOSOS.

AS INVESTIGAÇÕES QUE SÃO/FORAM LEVADAS A CABO NOS APRESENTAM SITUAÇÕES “CABEÇAS DE CHAVE” BÁSICAS QUE CULMINARAM EM USO DE MEIOS, INSTRUMENTOS E ARMAS, COMO FORÇAS MOTIVADORAS DO DELITO – ASSASSINATO - QUE CARACTERIZAM A SITUAÇÃO CALAMITOSA DE UMA SOCIEDADE E SUA QUALIDADE DE VIDA SOCIAL:

1. MOMENTOS DE STRESS E DESCONTROLE EMOCIONAL;

2. ATRITOS E DIVERGÊNCIAS PESSOAIS ENTRE PARENTES, VIZINHOS E ESTRANHOS;

3. DISCUSSÕES E BRIGAS NO TRÂNSITO;

4. ALCOOLISMO NAS ESTRADAS E VIAS PÚBLICAS;

5. ALCOOLISMO E BADERNAS EM BOATES E BARES;

6. DEPRESSÃO E DESILUSÕES AMOROSAS;

7. BRINCADEIRAS INFANTIS OU JUVENIS COM ARMAS, DE “FÁCIL ACESSO”;

8. REAÇÃO A CRIMES E A ATOS DE VIOLÊNCIA;

9. VIOLAÇÃO DE PROPRIEDADES, DEPREDAÇÕES E INVASÕES;

10. CRIMES E ATOS DE VIOLÊNCIA;

11. CONFLITOS DO TRÁFEGO DE DROGAS E LUTAS POR FORNECEDORES E PONTOS DE DISTRIBUIÇÃO.

AS ANÁLISES ESTATÍSTICAS CLASSIFICARAM ESSES MOTIVOS E IDENTIFICARAM A FREQÜÊNCIA DE ENQUADRAMENTOS – HOMENS DE BEM, BANDIDOS E CRIMINOSOS. OS ENQUADRAMENTOS PRESUMÍVEIS PELO USO INDEVIDO DE MEIOS, INSTRUMENTOS E ARMAS: (A) HOMENS DE BEM – DOS ITENS 1 A 8 E (B) BANDIDOS OU CRIMINOSOS – EM TODOS OS ITENS, MAS MARCANTEMENTE DOS ITENS 8 A 11.

COMO SE FOSSE “NORMAL” INFERIR ESTATISTICAMENTE SOBRE ASSASSINATOS – DE CRIANÇAS, ADULTOS E IDOSOS – “MATAR CRIANCINHAS É UM EVENTO RARO” E QUE DECORRE DA AFIRMAÇÃO CIENTÍFICA DA PRESERVAÇÃO DOS “FILHOTES” PELAS “FEIÇÕES INFANTIS” (E DE VÁRIOS OUTROS “INSTINTOS”, PRINCIPALMENTE O “MATERNAL”), ELEMENTO DE SABEDORIA DA CRIAÇÃO, PARA MANTER A VIDA NO PLANETA.

A TAXA DE MORTES (ESTIMADA) COM CRIANÇAS NA FAIXA DE IDADE DA ISABELLA, PARA BAIXO, FOI DE 2,7% A 4,5% DA OCORRÊNCIA GERAL DE MORTES POR ASSASSINATO, ACIDENTES E OUTRAS CAUSAS EXTERNAS, TOMANDO POR BASE O ANO 2003, EM RELAÇÃO AO TOTAL DE MORTES VIOLENTAS NAQUELE ANO, QUE FOI DE 122.000 MORTOS.

EM 2003 SÓ POR ASSASSINATO FORAM VITIMADAS CERCA DE 51.000 PESSOAS. ISSO SIGNIFICA QUE DO TOTAL DE MORTOS, POR VIOLÊNCIA, APROXIMADAMENTE 41,8% MORRERAM VITIMADAS POR CRIMES HEDIONDOS – MATAR SERES HUMANOS.

EM UMA DÉCADA DE 1996 A 2006 FORAM ASSASSINADAS NO BRASIL CERCA DE 521.810 PESSOAS. E MUITOS JOVENS NA FAIXA DE 20 A 29 ANOS, ATINGINDO CERCA DE 30,7% DA TAXA DE MORTES, CHEGANDO A 37.000 MORTOS POR VIOLÊNCIA (RAPAZES – ESSES CERCA DE 95% - E MOÇAS), EM GERAL. MAS, DIZ-SE QUE TODOS OS CASOS SÃO APURADOS COM O RIGOR DA LEI. E, POUCO SABEMOS DELES, NÃO FOSSE O MASSACRE DE ISABELLA.

PORÉM EXISTEM MAZELAS OPERACIONAIS NO SISTEMA POLICIAL BRASILEIRO, COMO RETRATADO NO FILME TROPA DE ELITE, COM O DESEMPENHO DO CAPITÃO NASCIMENTO E A EXPOSIÇÃO DA INCAPACIDADE OPERACIONAL DAS POLÍCIAS MILITAR E CIVIL E SEUS DESDOBRAMENTOS COM A CRIMINALIDADE, A CORRUPÇÃO E A MORTANDADE DE PESSOAS.

O MASSACRE DE ISABELLA ACUMULOU VÁRIAS HORAS DE INVESTIGAÇÃO E DILIGÊNCIAS PARA APURAÇÃO DO CRIME, TAMBÉM, TUDO “FILMADO” NAS 15 HORAS DE FAMA DE ISABELLA, ACUMULOU CERCA DE 6 A 7 VOLUMES DE DOCUMENTAÇÃO E INFORMAÇÕES, PARA O INDICIAMENTO DOS AUTORES DO CRIME E LEVOU A UTILIZAÇÃO DE TECNOLOGIA DE PONTA (SEMELHANTE À DO SERIADO DE TV – CSI: INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA DE CRIMES), QUE SE ALEGA ESTAR DISPONÍVEL NO BRASIL, DESDE 2005. PODEMOS INFERIR QUE DE TODOS OS ASSASSINATOS ANTES DE 2006, MUITOS FICARAM SEM O INDICIAMENTO DOS CRIMINOSOS E RESPECTIVAS CONDENAÇÕES?

UM REALITY SHOW EXASPERANTE E TORTURANTE. O QUÊ A MÍDIA ESTÁ FAZENDO PELO BRASIL? NOS PARECE ESTAR “REVELANDO” SUB-REPTICIAMENTE O QUE O BRASIL FEZ COM O BRASIL, NOS ÚLTIMOS 25 ANOS, DE UMA AUTO-ENTREGA ABERRANTE, COM UMA RECIPROCIDADE CRIMINOSA DE GOVERNANTES INEPTOS, CORRUPTOS E HEDONISTAS, QUE NOS ARREMETERAM A UMA IDADE MÉDIA CONTEMPORÂNEA, EM EDUCAÇÃO, SAÚDE, SEGURANÇA PÚBLICA E INFRAESTRUTURA.

ALGUNS ESTUDIOSOS APONTAM VÁRIAS MAZELAS E DEFICIÊNCIAS POLICIAIS E DA JUSTIÇA BRASILEIRAS:

1. MAIS DE 95% (NOVENTA E CINCO POR CENTO) DOS CRIMES COM USO DE MEIOS, INSTRUMENTOS E ARMAS NÃO SÃO RESOLVIDOS;

2. EM CONSEQÜÊNCIA OS CRIMINOSOS FICAM SOLTOS A INFERNIZAR A VIDA DA POPULAÇÃO – COMUNIDADE E NA CIDADE;

3. INEFICIÊNCIA NAS DILIGÊNCIAS E NA COLETA DE DADOS E INFORMAÇÕES PARA CARACTERIZAÇÃO DOS CRIMES E ENQUADRAMENTOS E NA COMPOSIÇÃO DOS PROCESSOS;

4. PARTE DOS CRIMES É COMETIDO POR POLICIAIS CORRUPTOS;

5. CONIVÊNCIA DE POLICIAIS COM O CRIME ORGANIZADO;

6. INCAPACIDADE ADMINISTRATIVA DAS AUTORIDADES PÚBLICAS COM RESPONSABILIDADE PELA SEGURANÇA DA COMUNIDADE E DA CIDADE;

7. COAÇÃO E OPRESSÃO POR EXIBIÇÃO DE PODER E FORÇA ATRAVÉS DE ARMAS E PODERIO BÉLICO;

8. PRECÁRIA PREPARAÇÃO TÉCNICA, E EMOCIONAL, E TREINAMENTO INADEQUADO PARA PROTEÇÃO E DEFESA DA SOCIEDADE;

9. CORREGEDORIA INEFICIENTE, OU CORPORATIVISTA, NA REPRESSÃO AO CRIME POLICIAL;

10. SISTEMA PRISIONAL QUE PROVOCA A EXACERBAÇÃO DA VIOLÊNCIA E DO CRIME;

11. FALTA DE EQUIPAMENTOS, SISTEMAS DE APOIO E ARMAS MAIS INTIMIDADORAS PARA A REPRESSÃO AO CRIME;

12. AUSÊNCIA DE LEIS OU ESTATUTOS MAIS RIGOROSOS COM MENORES DELITUOSOS;

13. PRECÁRIOS PROGRAMAS DE PROTEÇÃO A TESTEMUNHAS, QUE NA VERDADE AS DEIXA EXPOSTAS E “RASTREÁVEIS” PARA VINGANÇAS.

E A JUSTIÇA BRASILEIRA É LENTA, DE ACESSO DIFÍCIL E IMPREVISÍVEL, AINDA DESNUDANDO VÁRIAS “ESCOLAS CONFLITANTES DE INTERPRETAÇÃO DOS CÓDIGOS JURÍDICOS”, DE AVALIAÇÃO DE GRAVIDADE E URGÊNCIA, SEM UM EVIDENTE CRITÉRIO CIENTÍFICO, DE APROFUNDAMENTO DIFUSO E HETEROGÊNEO EM RELAÇÃO AO CONHECIMENTO NECESSÁRIO DOS CÓDIGOS (ALTO DESNIVELAMENTO TÉCNICO) E A “ALTA PROBABILIDADE DE FALHA” EM SUAS SENTENÇAS. UM MASSACRE INSTITUCIONAL APESAR DO ELEVADO ESMERO PARA SE “FORMAR UM JURISTA”. SOB A “PRESSÃO” DOS USOS E COSTUMES RETRÓGRADOS E PERMISSIVOS, ROTULADOS EM LEIS, AVANÇA NA “CINEMÁTICA DA TARTARUGA” (E A VIDA NA “DINÂMICA DO COELHO”).

PARA SE TER UMA IDÉIA DA LENTA EVOLUÇÃO DAS INSTITUIÇÕES BRASILEIRAS, CHARLES DARWIN, O IDEALIZADOR DA TEORIA DA EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES, EM VISITA A SALVADOR – BA, EM FEVEREIRO, E AO RIO DE JANEIRO – RJ, EM ABRIL DE 1832 (PÁG 112 - REVISTA VEJA – 09 DE MAIO DE 2007 – ANO 40 – Nº 18) FEZ AS SEGUINTES ANOTAÇÕES: 1. SOBRE OS ESCRAVOS – OS BRASILEIROS ATÉ ONDE SOU CAPAZ DE JULGAR, POSSUEM APENAS UMA PEQUENA PORÇÃO DAS QUALIDADES QUE CONFEREM DIGNIDADE À HUMANIDADE E DIZ RESPEITO À MANUTENÇÃO DA ESCRAVIDÃO E À FORMA VIOLENTA COM QUE OS ESCRAVOS SÃO TRATADOS, 2. SOBRE A BAHIA – NÃO ESTOU SURPRESO QUE AS PESSOAS SEJAM TÃO INDOLENTES EM UM PAÍS TÃO QUENTE, 3. SOBRE O POVO – ANOTOU SOBRE A FALTA DE EDUCAÇÃO DOS BRASILEIROS E A FORMA COM QUE SE FAZ JUSTIÇA NO PAÍS E 4. SOBRE A JUSTIÇA – SE UM CRIME, NÃO IMPORTA QUÃO GRAVE SEJA, É COMETIDO POR UM HOMEM RICO, ELE LOGO ESTARÁ EM LIBERDADE. TODO MUNDO PODE SER SUBORNADO.

DEPOIS DE 176 ANOS, O BRASIL AINDA SE “ARRASTA” NAS PERSPECTIVAS DE CHARLES DARWIN. PARA ELE A EVOLUÇÃO DAS ESPÉCIES – A HUMANA – NO BRASIL PARECIA SER, EM 1832, UMA “ABERRAÇÃO CIVILIZADORA” QUE PERDURA ATÉ HOJE. NOSSOS USOS E COSTUMES AINDA SÃO “RETRÓGRADOS E PERMISSIVOS”. O QUÊ ESTÁ NOS “OBSTRUINDO”?

SEGUNDO O JURISTA LUIZ FLÁVIO GOMES – IELF/SP - ALGUNS CRIMES LEVAM DE 3 A 5 ANOS PARA SEREM JULGADOS, E CORREM O RISCO DE “DEVOLUÇÃO DOS AUTOS” POR INSUFICIÊNCIA DE PROVAS, MESMO EM CRIMES COM “RÉU-CONFESSO” O JÚRI NÃO TEM UNANIMIDADE DE CONDENAÇÃO, MESMO COM EVIDÊNCIAS “ROBUSTAS”, FORA ÀS “APELAÇÕES” QUE SE INTERPÕEM PARA SE RECORRER DE SENTENÇAS. SÓ EM SÃO PAULO EXISTIAM, EM 24/04/2008, CERCA DE 700.000 PROCESSOS PARA JULGAMENTO ANTES DO CASO ISABELLA.

ASSIM DE 521.810 PESSOAS ASSASSINADAS ENTRE 1996 E 2006 PODEMOS ADMITIR QUE APENAS 5% TIVERAM O CRIME ESCLARECIDO? POUCO MAIS DE 26.000 ASSASSINATOS, DOS QUE “SOBREVIVERAM” ÀS INTEMPÉRIES INSTITUCIONAIS, FORAM REALMENTE ESCLARECIDOS E OS CRIMINOSOS CONDENADOS, SOB O RIGOR DA LEI? E OS OUTROS 496.000 ASSASSINATOS “RESTANTES” TIVERAM DILIGÊNCIAS E INVESTIGAÇÕES? OU FORAM CRIMES “ARQUIVADOS” EM GAVETAS “TUMULARES”, DE DELEGACIAS DECADENTES E ESTAGNADAS?

HÁ INCLUSIVE PRÁTICAS POLICIAIS DE “MASCARAR” OS BOLETINS DE OCORRÊNCIA (OS BO’S), EM CASOS DE QUEIXAS E DENÚNCIAS, MODIFICANDO A ESTRUTURA ESTATÍSTICA DOS EVENTOS E DELITOS. AS TESTEMUNHAS NÃO SÃO INTEIRAMENTE “PROTEGIDAS” E NEM ADEQUADAMENTE TRATADAS, SURGEM IMPREVISTOS E A PROPAGAÇÃO DE INCIDENTES SILENCIADORES E AMEAÇAS À VIDA DELAS E DE PARENTES.

O ESCLARECIMENTO DE ALGUNS CRIMES NÃO É LEVADO A DIANTE, FICANDO ENTRE GRUPOS DE POLICIAIS CORRUPTOS E CHANTAGISTAS A AMEALHAR “CALA-BOCAS” DE BOA COMPENSAÇÃO FINANCEIRA, DOS SUSPEITOS E COMPARSAS. COEXISTEM SIMBIOTICAMENTE TIRANDO PROVEITO MÚTUO, UNS NÃO QUEREM IR PRESOS E OUTROS OS “ACOBERTAM” PARA SE LOCUPLETAREM.

ATÉ QUE SE ESGARCEM ÀS TOLERÂNCIAS DA SOCIEDADE, ESSE “REGIME” AINDA ARRANCARÁ MUITAS VIDAS E ESPERANÇAS. PARA CADA VÍTIMA ASSASSINADA TEMOS EM MÉDIA 5 PESSOAS ACOMETIDAS PELO VAZIO, PELA INJUSTIÇA E PELA INDIFERENÇA DESSE SISTEMA DE COISAS – SÃO PELO MENOS 2,5 MILHÕES DE PESSOAS “ADOENTADAS” POR ESSA EPIDEMIA. QUE SÃO OS FAMILIARES E PARENTES PRÓXIMOS QUE MERGULHARÃO NO INCONFORMISMO, NA DEPRESSÃO E ATÉ NO DESAMPARO FINANCEIRO, EM FACE DA MORTE DO PROVEDOR. MUITOS FICAM DESCRENTES EM JUSTIÇA E EM DIREITOS. E NO SISTEMA POLÍTICO DE GOVERNANÇA.

NUMA ANÁLISE, GROSSO MODO, USANDO A TÉCNICA DE “CUSTOS APLICADOS A ATIVIDADES”, DEDUZIMOS QUE A APURAÇÃO CORRETA DE UM CRIME (DE COMPLEXIDADE MÉDIA), EM SEUS PADRÕES TÉCNICOS DE ALTA EFICIÊNCIA, PODE ATINGIR VALORES DE R$ 75 MIL A R$ 80 MIL EM CUSTOS OPERACIONAIS, PARA CADA CRIME EM APURAÇÃO NO BRASIL. E ANUALMENTE ESSE MONTANTE PODE ATINGIR CERCA DE R$ 4,5 BILHÕES – ANO (PARA 57.000 ASSASSINATOS EM 2006 – PROJEÇÃO). CUSTA CARO ESCLARECER CRIMES! E, TAMBÉM, CUSTA CARO JULGA-LOS E PENALIZAR SEUS AUTORES.

SÓ A SIMULAÇÃO OU RECONSTITUIÇÃO DO CRIME CONTRA ISABELLA, EM 27/04/2008, ASSISTIMOS A SEGUINTE DISPOSIÇÃO MOBILIZADA: 100 POLICIAIS, 1 PROMOTOR, 2 DELEGADAS, 14 ELEMENTOS DA RECONSTITUIÇÃO E DE PERÍCIA, EQUIPAMENTOS, INSTRUMENTOS, INSUMOS E FERRAMENTAS, MAIS DE UMA DEZENA DE VIATURAS E MOTOS, FECHAMENTO DO ESPAÇO AÉREO LOCAL, NUM RAIO DE 3 KM E DURAÇÃO POSSÍVEL DE ATÉ 10 HORAS. CUSTA CARO ESCLARECER CRIMES! E, TAMBÉM, CUSTA CARO JULGA-LOS E PENALIZAR SEUS AUTORES. MAS, QUANTOS CRIMES TERÃO FUTURAMENTE TAL MOBILIZAÇÃO E “INVESTIMENTO” DO ESTADO, COMO NESTE CRIME CONTRA ISABELLA?

SE O MONTANTE DA APURAÇÃO DE CRIMES, NO PAÍS, PODE ATINGIR CERCA DE R$ 4,5 BILHÕES AO ANO, OS SEUS EFEITOS SÃO IGUALMENTE CAROS E CUSTOSOS. NUM “ERRO GROTESCO” DE ESTIMATIVA OUTROS R$ 4,5 BILHÕES SE SOMAM A ESSA HECATOMBE DIABÓLICA: EM REMEDIAÇÕES, “CUSTOS DE TRATAMENTOS”, DESVIOS DE CONDUTAS POR REVOLTA, DESPERDÍCIOS AGREGADOS À INEFICIÊNCIA PRÉ E PÓS-EVENTOS E ETC, CHEGANDO-SE A ATINGIR AO TODO O MONTANTE DE R$ 9 BILHÕES A R$ 10 BILHÕES AO ANO.

HOJE JÁ SE TEM A RELAÇÃO MATEMÁTICA DA PERDA DA EFICIÊNCIA DA EDUCAÇÃO. É DE MENOR CUSTO EDUCAR CRIANÇAS DO QUE MANTER HOMENS PRESOS. E EM SÃO PAULO EXISTEM CÁLCULOS NA ORDEM DE QUE: “UMA CRIANÇA NA ESCOLA CUSTA R$ 100,00 POR MÊS AO ESTADO, AO PASSO QUE UM PRISIONEIRO CUSTA R$ 1.000,00 POR MÊS, NO PRESÍDIO”. A SOCIEDADE, TAMBÉM, PAGA CARO PELA “MANUTENÇÃO” DOS CRIMINOSOS SOB PENA DE RECLUSÃO.

O QUE SE GASTA COM UM PRESO PODE-SE EDUCAR 10 CRIANÇAS, POR MÊS. É MAIS BARATO PREVINIR DO QUE REMEDIAR. HÁ MAIS DE 5.000 ANOS ATRÁS, NA GRÉCIA, JÁ SE DIZIA: “EDUCAR AS CRIANÇAS PARA NÃO PUNIR OS HOMENS”.

A “MORTANDADE BRASILEIRA” COM ASSASSINATOS VEM CRESCENDO “MAIS RAPIDAMENTE” DO QUE O CRESCIMENTO DA POPULAÇÃO, INDICANDO O DIAGNÓSTICO DA “FALÊNCIA DA GOVERNANÇA” DO ESTADO EM GERAL. E ISSO VEM OCORRENDO, TAMBÉM, COM O NÚMERO DE PRESIDIÁRIOS QUE O BRASIL DEPOSITA NAS “POCILGAS” DESUMANAS EM QUE SE TRANSFORMAM AS CADEIAS BRASILEIRAS, DEPÓSITOS DA “ABJETA SECREÇÃO SOCIAL”, SUBPRODUTO DA INCAPACIDADE ADMINISTRATIVA DO ESTADO, DO CURTO AO LONGO PRAZO.

A SUPERESTRUTURA E A INFRAESTRUTURA POLICIAL E JURÍDICA ESTÃO DISPONIBILIZADAS, ONDE PRESTAM SERVIÇOS, E PODEM ESTAR SUBDIMENSIONADAS OU SUPERDIMENSIONADAS, PARA O CUMPRIMENTO DE SUAS RESPECTIVAS MISSÕES DELEGADAS PELA SOCIEDADE.

SÃO MAIS OU MENOS “ACIONADAS” EM FUNÇÃO DO “VOLUME DE CRIMES”. E ESTÃO SUJEITAS À TEORIA DAS RESTRIÇÕES E NÃO PODEM ESTAR EM VÁRIOS LUGARES AO MESMO TEMPO, EM FUNÇÃO DOS RESPECTIVOS RECURSOS E EFETIVOS. SE NÃO HOUVER CRIMES OS RESPECTIVOS RECURSOS E EFETIVOS DEVEM SER REVISADOS E SE HOUVER DEVEM SER COMPATÍVEIS COM O “VOLUME DE CRIMES”. E ISSO ESTÁ SENDO BEM FEITO? E É FEITO REALMENTE, OU SÃO OS RECURSOS E EFETIVOS INCORPORADOS CASUISTICAMENTE? ESTÃO COMO “FIGURANTES” OU “ATUANTES”?

A TEORIA DAS RESTRIÇÕES É MUITO CONHECIDA PELOS ENGENHEIROS E ADMINISTRADORES PRIVADOS:

1 - QUANDO NÃO FALTA DINHEIRO, FALTAM CONHECIMENTOS;
2 - QUANDO NÃO FALTAM CONHECIMENTOS, FALTA TEMPO;
3 - QUANDO NÃO FALTA TEMPO, FALTA INFRAESTRUTURA;
4 - QUANDO NÃO FALTA INFRAESTRUTURA, FALTA LIDERANÇA;
5 - QUANDO NÃO FALTA LIDERANÇA, FALTA DINHEIRO. E ASSIM O CICLO SE REPETE.

UMA COISA É CERTA ESTAMOS ABANDONADOS NA IDADE MÉDIA CONTEMPORÂNEA, SOB UM ESTADO INOPERANTE, PERDULÁRIO E CORRUPTO, CAPAZ DE NOS JOGAR NA SARJETA IMUNDA DA SUBCIVILIZAÇÃO “LATRINA” AMERICANA. A MORTANDADE SOB A DENGUE, TAMBÉM, NOS AFIRMA ISSO!

QUEM SÃO MESMOS OS NOSSOS “HERÓIS” E OS “HERÓIS” DOS GOVERNANTES?

ESSAS CONSIDERAÇÕES COLOCAM EM XEQUE-MATE A GOVERNANÇA DO ESTADO, AS INSTITUIÇÕES POLICIAIS E JURÍDICAS, E SUAS RESPECTIVAS CONDIÇÕES OPERACIONAIS ATÉ O MOMENTO.

E ESSA REVELAÇÃO PODE FICAR CONHECIDA COMO O MASSACRE DE ISABELLA!

PODERÁ SER UM MOMENTO HISTÓRICO DE RUPTURA COM O “VELHO PASSADO” DE USOS E COSTUMES BRASILEIROS – RETRÓGRADO E PERMISSIVO.

ESTAMOS MASSACRADOS!

MAS, “SUA MENSAGEM FOI ENVIADA COM SUCESSO”: HÁ O RECADO VELADO QUE DE AGORA EM DIANTE OS CRIMES TÊM POSSIBILIDADES DE SEREM DESVENDADOS, EM CURTO PRAZO, MESMO QUE SEJAM DE ALTA COMPLEXIDADE, SEM DISTINÇÃO DE RAÇA, MORADIA, RELIGIÃO E CLASSE SOCIAL, COM TOLERÂNCIA SOCIAL ZERO. E A “IMPUNIDADE”, DORAVANTE, “CORRERÁ RISCOS” DE TORNAR-SE “LENDA”, OU PODE-SE DIZER QUE OS POTENCIAIS CRIMINOSOS DEVAM REFLETIR 1.000 VEZES ANTES DE COMETEREM “CRIMES PREMEDITADOS”. E PARA AQUELES ACIDENTAIS, DE NATUREZA CULPOSA, O RIGOR DA LEI ASSUMIRÁ A ESCALA CIENTÍFICA DE APURAÇÃO. ASSIM, PARA AMBOS, OCORRERÁ A MINIMIZAÇÃO DE ERROS E FALHAS NA APURAÇÃO E AUMENTARÁ A CERTEZA DE JULGAMENTOS MAIS “EXATOS E PRECISOS”.

PODERÁ NUM FUTURO BREVE HAVER UM SLOGAN: ESTEJA CERTO QUE LHE PEGAREMOS!

ENGº LEWTON BURITY VERRI

DIRETOR CIENTÍFICO DO IEAQ

ESCRITOR, PROFESSOR E EX-MILITAR

CREA 74-1-01852-8 - RJ




Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!