As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 11-02-2012. Acessado 1059 vezes.
Título da Postagem:Comunicações Operacionais II, entendendo e seguindo instruções
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 11-02-2012 @ 05:34 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]

Comunicações Operacionais II: entendendo e seguindo instruções

Tags: Origami, instruções, operacionais, comunicações, processos, produção, controle, administração, segurança, ambiente, concentração, atenção, engenharia, Juse, Japão, Aots, operários, técnicos, engenheiros, estagiários, RH, recursos, humanos, recrutamento, seleção, perfil, psicologia, socioeducacional, critério, ciência, científico, contratações  
 
Nas empresas de engenharia no Japão todos os estagiários participam de um seminário sobre “Entendendo e seguindo Instruções”, de suma importância que visa identificar dentre os novos trabalhadores, técnicos e engenheiros, quantos são capazes de entender uma instrução e seguir a sua execução com prática consciente.
 
Em 1991 meu instrutor japonês explicou-me que cada turma de novos estagiários tinha um problema de “Origami” para resolver. Em verdade os mestres de Origami do Japão preparavam instruções sobre dobraduras em papéis de maneira diferente de turma para turma e de ano para ano.
 
 
“Origami (do japonês oru, "dobrar" e kami, "papel") é a arte tradicional e secular japonesa de dobrar o papel, criando representações de determinados seres ou objetos com as dobras geométricas de uma peça de papel, sem cortá-la ou colá-la.”
 
Mas, para as turmas de operários, técnicos e engenheiros as instruções continham determinações para se cortar o papel com as mãos, além do conjunto de instruções Origami para dobrar o papel.
 
Embora o Origami seja uma forma de arte popular japonesa, o pessoal da administração das empresas de lá chegou a usar instruções de Origami para criar, a partir de folhas de papel A4, ou papel retangular, várias determinações do tipo Comunicações Operacionais, para se avaliar o grau de concentração, compreensão e de ações sob instruções, dos estagiários, em certa velocidade, como as que acontecem em muitos processos e operações industriais japonesas.
 
O objetivo era o de usar a dobragem do papel dentro de uma seqüência de instruções, a certa velocidade, para ver quantas formas de dobragem, e cortes de papel, surgiriam com certa geometria e tipificações de furos e cortes revelando a diversidade característica daquele grupo de estagiários e de quantas maneiras as instruções foram “entendidas e seguidas”.
 
Em minha turma as instruções foram às seguintes abaixo:
 
Comunicações Operacionais - Entendendo e seguindo instruções
 
Será que sabemos seguir INSTRUÇÕES? Esta pergunta veio como desafio ...
 
O Instrutor nos disse:
 
1.  Peguem um papel Tamanho A4;
2.  Dobrem-no ao sentido longitudinal;
3.  Agora o dobrem ao sentido transversal;
4.  Na ponta do encontro das dobraduras cortem-na em meia lua;
5.  Agora o dobrem no sentido transversal;
6.  Na ponta do encontro da dobradura com as bordas, sem dobras, cortem-na em meia lua;
7.  Agora cortem o lado oposto, de menor distância, em meia lua;
8.  Agora abra a folha de papel e veja como ficou o “seu serviço”.
 
Opa! Deu certo? Compare o perfil do seu papel com o perfil do papel de seus colegas ... Tudo certo?
 
Veja o MODELO CORRETO a seguir no Link indicado:
 
 
E agora? As instruções estavam CORRETAS ou você seguiu de modo ERRADO as instruções? Ou as instruções estavam ERRADAS? Quantos colegas erraram em %, em relação ao modelo correto que os mestres Origami elaboraram?
 
E as questões são muitas desde aquelas relacionadas à capacidade dos superiores em darem ordens, sem RISCOS de desvios interpretativos. Pois, em ocorrências reais as instruções NÃO eram bem caracterizadas para o objetivo pretendido.
 
São lições para líderes e seguidores ...
 
Estes testes têm a finalidade de avaliar qual tipo de dispersão haverá em relação ao modelo determinado pelos mestres Origami. Quanto maior o número de visões diferentes, maior terá que ser o nivelamento em interpretação de instruções, lingüística, terminologia, orientações espaciais e geométricas, concentração e tranqüilidade executiva do estagiário.
 
Depois de 10 a 15 dias numa imersão sobre o ambiente de trabalho, e da fábrica, os estagiários são direcionados para os respectivos setores, enquadráveis em seu perfil característico: analítico, concretismo, matemático, laborioso corporal e mental e etc.
 
Este artigo complementa o do Link a seguir:
 
 
Engº Lewton Burity Verri
CREA 74-1-01852-8 UFF – RJ
Copyright © 2012 - Engº Lewton Burity Verri
Ex- Aluno da AOTS / JUSE - Number: 91-14-143 / Japan – 1991



Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!