As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 19-03-2013. Acessado 806 vezes.
Título da Postagem:Reflexões humanistas diante do compromisso político, o regime da empatia
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 19-03-2013 @ 10:03 am
[ Avise alguém sobre este texto ]
Tags: humanismo, política, empatia, compromissos, responsabilidade, eleições, votos
Reflexões humanistas diante do compromisso político

Os políticos no século 21, segundo o “anjo Gabriel”...

Elaborou com sua "lógica construtiva" uma relação de "medidas empáticas" dentro de um regime de exercício em cargos públicos.

Ficou em seu primeiro esboço assim constituída - empatia: é se colocar no lugar do próximo.

O regime da empatia para compromissos políticos - Todo candidato a cargos políticos e públicos deve:

1. Ter atendimento somente em hospitais públicos;
2. Viajar somente pelas estradas;
3. Alimentar se com cestas básicas populares;
4. Morar em conjuntos habitacionais bem populares;
5. Ter vale churrasco e ticket cerveja só para 2 fins de semana por mês;
6. Jejuar 7 dias por mês e firmar o significado da fome;
7. Viver com us$ 10,00 por dia e avaliar e tal linha da pobreza;
8. Acordar às 5h00 da manhã para o trabalho e ir a pé ou de ônibus;
9. Ter uma hora para almoço em marmita fria ou morna;
10. Bater ponto e ter somente 3 dias de faltas abonados por ano;
11. Aguardar consultas médicas por 6 meses, com ou sem doença grave;
12. Ter operações cirúrgicas de emergência programadas 1 vez a cada 3 anos;
13. Ficar nas filas e viajar em transportes urbanos cerca de 4 horas por dia;
14. Chegar do trabalho entre 23h00 e 01h00 todo dia e não ter o que comer;
15. Colocar filhos em escolas públicas e em áreas de risco;
16. Entrar em consórcio de bicicletas ou motonetas;
17. Ter um lote de remédios "padrão" para cada 6 meses;
18. Passar 3 meses por ano sem "emprego" - sem nenhuma assistência;
19. Enterrar parentes em covas rasas a r$ 250,00 o enterro;
20. Ficar sem o uso da água por 5 dias a cada 3 meses;
21. Ficar sem o uso dos benefícios da energia elétrica por 5 dias a cada 2 meses;
22. Aposentar com um salário correspondente à sua contribuição, só reajustado a cada ano e abaixo do valor aplicado ao salário mínimo;
23. Aposentar aos 70 anos "depois que morrer";
24. Requerer aposentadoria e aguardar decisão em 3 a 5 anos;
25. Experimentar a invalidez: andar com tapa olhos, ou cadeira de rodas, ou muletas por 10 dias no ano;
26. Dormir durante o inverno por 10 dias ao relento a cada ano;
27. Quebrar pedras em pedreiras por 2 dias seguidos a cada semestre;
28. Ficar 5 dias a cada ano em cela de presídio;
29. Dividir todo o salário de um mês, a cada ano, com 6 pessoas carentes;
30. Abrigar em sua moradia, 2 mendigos, por 5 dias a cada 3 meses;
31. Ter diploma universitário em administração, economia ou engenharia;
32. Plantar 5 árvores todo mês;
33. Trabalhar 2 dias por semestre num asilo.

Gabriel achou que 33 itens eram uma boa relação e com número - cabalístico - o tal 33 de Cristo.

Abraços,

Lewton



Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!