As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 31-03-2013. Acessado 1298 vezes.
Título da Postagem:MANIFESTO DA ACADEMIA BRASILEIRA DE DEFESA - 31 de Março de 1964
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 31-03-2013 @ 07:20 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]
Tags: 31 de março de 1964, revolução democrática militar, defesa, academia, manifesto

 

 

 

 

PRO PATRIA = REPASSANDO A PEDIDO...

Vamos comemorar, sempre, esta data histórica para o Brasil, por todos os benefícios que ela nos proporcionou:

 A libertação de uma ideologia política totalitária, sectária e pagã;

 O avanço da economia nacional, do 48º para o 8º lugar no mundo;

 A fantástica média de 7,5% da taxa de crescimento do Produto Interno Bruto (a maior da História);

 A redução da corrupção pública a níveis desprezíveis;

 As grandes obras de infra-estrutura:

o As hidroelétricas de Itaipu e de Sobradinho;

o A Siderúrgica Açominas e a Ferrovia do Aço;

o A Ponte Presidente Costa e Silva (Rio-Niterói);

o Os Metrôs de São Paulo e do Rio de Janeiro;

o A modernização das Telecomunicações;

o Os portos de Suape e de Paranaguá;

o A Rodovia Transamazônica;

o A implantação estratégica dos Pelotões de Fronteira na Região Amazônica;

o A instalação e o desenvolvimento das Indústrias de Material Bélico e Aeroespacial, tais como ENGESA e EMBRAER;

o A criação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e do Banco Nacional da Habitação;

o A radical Reforma da Educação;

o A implantação do Projeto Rondon;

o A unificação dos Institutos de Previdência, e tantas outras obras importantes.

Não é por outra razão que os brasileiros consideram as suas Forças Armadas as instituições de maior credibilidade do País.

VAMOS LAMENTAR, SIM! NÓS E O POVO BRASILEIRO!

Vamos lamentar os desmandos havidos depois de encerrado o ciclo iniciado em 1964, entre outros:

 A comprovação da corrupção generalizada de membros do governo anterior, punidos pelo Supremo Tribunal Federal, no triste processo dos "mensaleiros";

 A demissão de inúmeros Ministros do atual governo, acusados de corrupção;

 A reinvenção do racismo e a oficialização do preconceito racial;

 A "falência" da Petrobras, a mentira do Pré-Sal e a submissa entrega da refinaria na Bolívia;

 A degradação do Parque Industrial e a volta à posição de exportador de "commodities";

 O desmonte da Indústria Bélica e o conseqüente retorno à condição de simples impor-tador de equipamentos militares;

 O ressurgimento dos apagões, com a deterioração do Sistema Nacional de Energia Elétrica;

 O aviltamento do Ensino Público, como pretexto para instituição de cotas raciais, inconstitucionais, além de imorais;

 A decadência do Serviço de Saúde Pública, obrigando (os que podem) à contratação de dispendiosos planos de saúde;

 O fracasso da obra de transposição do Rio São Francisco;

 A injustificável incompetência administrativa, que retarda a conclusão da Hidrelé-trica de Belo Monte;

 A satanização das Forças Armadas e a manutenção de níveis ultrajantes de remuneração da tropa como Programas de Governo, mais uma vez explicitadas com a criação da chamada Comissão Nacional da Verdade e com a recente concessão dos ínfimos valores de reajuste dos soldos, a fim de enfraquecê-las e dissuadi-las de adotar qualquer reação aos absurdos que têm sido perpetrados contra o Povo Brasileiro;

 Dispêndio de grandes somas do dinheiro público para sustentar e estimular a indolência de milhões de brasileiros por meio da concessão de humilhantes "bolsas-esmola", com o objetivo de comprar a adesão de grande parcela do eleitorado nacional, garantindo, assim, o sucesso em suas eleições fraudulentas.

Este é, infelizmente, o quadro atual da condição do Brasil, que "festeja", neste ano, a portentosa marca de 0,5% de crescimento do PIB nacional e o 38º lugar no mundo, ostentando, ainda, os últi-mos lugares do crescimento do PIB nos países sul-americanos.

Tal situação nos remete aos idos de 1960, quando o descalabro, a incompetência e a corrupção governa-mentais, inspirados por ideologias alheias às nossas tradições, levaram o Povo Brasileiro a sair às ruas, em busca do amparo das Forças Armadas, para reconduzir o Brasil aos trilhos da decência e da responsabilidade pública.

POR TUDO ISSO, E POR MUITAS OUTRAS RAZÕES MAIS, O POVO BRASILEIRO PRECISA LEMBRAR E COMEMORAR, SEMPRE, COM SAUDADE E ESPERANÇA, O DIA 31 DE MARÇO DE 1964.

É assim, pois, que louvamos este quadragésimo nono aniversário do movimento redentor que salvou o Brasil da escravidão de um governo extremado e das arbitrariedades totalitárias de um partido único, poupando, certamente, da morte nos paredões, milhares, talvez milhões, de cidadãos brasileiros.

VIVA O MOVIMENTO VITORIOSO DE 31 DE MARÇO DE 1964!

Rio de janeiro, 31 de março de 2013

Ivan Frota
Presidente

MEMBROS

Prof.ª Dr.ª Aileda de Mattos Oliveira
Alte.-Esq. Alfredo Karam
Cel. Aer. Antônio Celente Videira
Prof. Antoniolavo Brion
Jorn. Aristóteles Drummond
Gen.-Ex. Carlos Alberto Pinto Silva
Prof. Dr. Denis Lerrer Rosenfield
Dr. Emílio A. Souza Aguiar Nina Ribeiro
Gen.-Div. Francisco Batista Torres de Melo
Prof. Dr. Francisco Martins de Souza
Cel. Ex. Gelio Augusto Barbosa Fregapani
Dr. Gustavo Miguez de Mello
Dr. Herman Glanz
Maj.-Brig. Hugo de Oliveira Piva
Vice-Alte. Ibsen de Gusmão Câmara
Ten.-Brig. Ivan Moacyr da Frota
Prof. Dr. Ives Gandra da Silva Martins
Dep. Fed. Jair Messias Bolsonaro
Prof. Dr. João Ricardo Carneiro Moderno
Sen. José Bernardo Cabral
Dr. Luciano Saldanha Coelho
Cel.-Av.Luís Mauro Ferreira Gomes
Gen.-Ex. Luiz Cesário da Silveira Filho
Gen.-Ex. Luiz Gonzaga Schroeder Lessa
Econ. Marcos Coimbra
Emb. Marcos Henrique Camillo Côrtes
Prof.ª Dr.ª Maria Helena de Amorim Wesley
Prof.ª Dr.ª Mina Seinfeld de Caracushansky
Ten.-Brig. Octávio Júlio Moreira Lima ✝
Vice-Alte. Othon Luiz Pereira da Silva
Dr. Paulo Antônio Uebel
Gen.-Ex. Paulo Cesar de Castro
Ten.-Brig. Reginaldo dos Santos
Gen.-Ex. Rubens Bayma Denys
Desemb. Semy Glanz
Ten. R/2 Sérgio Pinto Monteiro
Vice.-Alte. Sérgio Tasso Vasquez de Aquino
Maj.- Brig. Umberto de Campos Carvalho Netto
 




Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!