As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 05-02-2014. Acessado 864 vezes.
Título da Postagem:Quem sabe não vem aí a QUEDA do Regime Comunista dos Castro em CUBA
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 05-02-2014 @ 03:35 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]
Tags: Cuba, EUA, invasão, desguarnecimento, mobilização, Venezuela, defesa

 Quem sabe não vem aí a QUEDA do Regime Comunista dos Castro em CUBA?

CUBA está "deslocando" contingentes de militares e de civis partidários para a Venezuela, e está correndo o RISCO de uma invasão sobre sua ilha, por PERDA DE DENSIDADE DE DEFESA e de guarnecimento do REGIME CASTRISTA. CUBA, 50 anos de ditadura comunista, numa ilha isolada.

Com seus poucos mais de 110.000 km2 de área, afastada boa distância do continente americano. É difícil “fugir” do seu comunismo, a menos sob alto risco de vida, para atravessar o oceano até o continente. 

Em Cuba, também, é difícil a “deterioração do poder militar e de controle”, por estar cercada de água por todos os lados. É tão difícil fugir de Cuba quanto invadi-la sobre a superfície da água… Diz-se, que o comunismo cubano, dura há muito tempo, por esta razão peculiar de sua situação geográfica e de ilha. 

Portanto as fronteiras internacionais de Cuba são suas águas oceânicas e seu mar territorial, não tendo fronteiras contínuas sobre o terreno e nem coligadas a outros países. O que produziria a “deterioração do seu poder militar e de controle”, por movimentos em fronteiras avançadas e pouco reforçadas. 

A densidade populacional de Cuba, com mais de 100 habitantes por km2, cria um confinamento semelhante ao da extinta prisão de Alcatraz (baía de São Francisco - EUA). 

Para Fidel Cuba é seu quintal, e para apanhar “galinhas” do próprio quintal Fidel não precisa correr atrás… Bastam os “olheiros e ouvidores” do regime para desmontar “conspirações”. 

As forças armadas cubanas são de uma densidade de defesa na ordem de 11 soldados - militares para cada 25 km2 de célula territorial de defesa (são 4.434 células de defesa), com gastos equivalentes a us$ 41 mil por soldado-ano. Os estrategistas militares acusam que os regimes comunistas apresentam uma grande concentração militar para dar “sobrevida” ao regime. E nesta conjuntura se enquadra a Coréia do Norte - comunista, ao lado da Coréia do Sul-capitalista. 

Ambas com alta concentração militar e com quase a mesma quantidade de células de defesa. 

A Coréia do Norte tem 225 soldados/25 km2, por célula de defesa (igual a 25 km2). E tem cerca de 4.910 células para defender. Sua política é de reforço militar interno, para resistir aos levantes dos “reacionários” e externo para reprimir invasões ou facilitar sua invasão à Coréia do Sul (esta capitalista).

E Cuba por ter menos “massa humana de combate” (população bem menor), e não ter fronteira terrestre, gasta 7 vezes mais em armamentos e tem “apenas” 11 soldados por célula de defesa… Para quase a mesma quantidade de células de defesa do que a Coréia do Norte.

Um regime comunista necessita de uma forte força militar, para lhe dar sustentação e coibir revoltas internas, com uma concentração militar entre 10 (se for território insular) a 100 soldados (se for território contíguo e com grande extensão de fronteira) por 25 km2 - nas células de defesa convencionadas, aqui - e ter um gasto com as mesmas entre us$ 30 mil a us$ 45 mil por soldado/militar. Onde não há liberdade individual, e direitos humanos legítimos, a repressão e a tirania precisam estar em permanente alerta e municiadas com um poderoso e moderno aparato militar. O que encarece a manutenção do regime comunista…

Certos critérios de "controle social" são adotados no regime comunista, tais como: 

1. promoção da deterioração dos laços da FAMÍLIA, em face de se obter "fiscais" dentro dos lares, em que filhos denunciam pais, irmãos entregam irmãos e etc, e 

2. criação de uma REDE de "fiscais comunitários" na razão de 1 "fiscal" para cada 5 habitantes até o máximo de 10 habitantes por "fiscal", 

3. sistema de repressão por julgamentos em tribunais de exceção, com "licença para torturas e até execução" e finalmente,

4. um contingente de forças armadas de alta densidade de defesa e armamentos, para os mesmos fins gerais: "Manutenção do sistema comunista".

A fragmentação na URSS deu-se pelo seu “enfraquecimento” bélico, relacionado à perda contínua de recursos militares confiáveis, da precariedade de manutenção dos equipamentos, da quebra econômica de seu PIB, do empobrecimento do povo soviético, da perda da competição tecnológica, da percepção da inadequação da ideologia comuno-socialista, como inspiradora de políticas e do regime irracional de produção - segundo os cadernos e textos de engenharia.

Está chegando uma boa HORA para os EUA invadirem CUBA pelo enfraquecimento de seu guarnecimento MILITAR. E LIBERTAR o POVO CUBANO do jugo fidelista-comunista de mais de 50 anos. Fidel está deslocando contingentes de quase 100.000 pessoas, civis e militares, para a Venezuela. Tirando seu PODER de defesa territorial.

Quem sabe não vem aí a QUEDA do Regime Comunista dos Castro em CUBA?

Engº Lewton Burity Verri
Bisbilhoteiro militar e corneteiro de turno...




Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!