As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 22-12-2015. Acessado 637 vezes.
Título da Postagem:Juízes aposentados preveem queda do STF e desmoralização total da justiça
Titular:Lewton Burity Verri
Nome de usuário:Lewton
Última alteração em 22-12-2015 @ 02:24 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]
Tags: STF, credibilidade, corrupção, desvio da aplicação, direito, democracia, golpe

Juízes aposentados preveem queda do STF e desmoralização total da justiça

Está havendo um movimento sub-reptício sobre o grau de exposição do STF, mediante as contradições em seus ritos jurídicos.

Não há nada técnico, como dito por Barroso.

Não há nada, conforme se revela, segundo os interesses no Brasil como pátria.

Juízes aposentados temem a desgraça total do STF, em caso de DESOBEDIÊNCIA civil e administrativa de instituições que lhe servem, e que terão que lhes dar suporte às decisões "juridicularizadas".

·         Quem vai dar voz de prisão?

·         Qual grande reforço institucional para abafar desobediências, se não pelas Forças Armadas?

·         Quem de fato dará suporte a permanência do STF, como o Monte Olímpico da Justiça Nacional?

Está havendo uma conduta inocente dos ministros na crença de que o STF é inabalável, inviolável e possuidor de todos os recursos de persuasão, coação e confrontações, para determinações ao cumprimento das leis e das sentenças expelidas. E engana-se como o outeiro moral da dignidade nacional. 

Os juízes aposentados alegam que falta transparência quando a lisura e o caráter ilibado de quase todos os ministros do STF.

Para alguns, tais julgamentos teriam que se submeter à abertura de todos os sigilos dos mesmos: bancário, telefônico, fiscal, comercial e de parentescos até 2º grau.

Há prevaricação e falsidade ideológica.

Há conflitos técnicos, filosóficos, morais, institucionais e cívicos no que decidiram, argumentaram e julgaram em relação à realidade do país.

O país vai para a sarjeta da civilização, não bastasse já ter ido por precariedade administrativa e corrupção dos poderes executivo e legislativo.

O conflito total presente, em crise e em calamidades de toda ordem, mostra a completa falta de responsabilidade institucional do STF, e mostra muita contribuição ao status precário dos indicadores socioeconômicos.

A Justiça Olímpica Nacional, em seu Monte de Semi-Deuses colaborou em demasia e com alta gana de má fé e mal caráter, com a desgraça civilizatória que se agrava cada dia, mais e mais.

Se enganam tais ministros de que estão incólumes, de retaliações de agora, amanhã e no futuro – como já disseram generais: Não há poder sem exércitos!

Pelas mudanças da transitoriedade estes ministros estão condenados, e condenando a sociedade brasileira às extremas expiações de uma profunda crise econômica e social, advinda da corrupção do executivo (e do próprio judiciário) a qual eles "abençoam", do mal caratismo administrativo público e da incapacidade intelectual governista, como tantas já registradas na história do mundo. E em qual força eles se escoram – no arrimo do mega-criminoso Lula da Silva? Em Dilma a terrorista de si mesma e do Petismo? Tem agora a justiça olímpica do STF associada ao banditismo de Lula...

Tem cidadão revoltado.

Tem intenções criminais de retaliação na porta da casa deles - ministros - na rua, nas saídas sociais e etc.

Não há só ameaça do Petismo marginal, já quase todos são ministros do Petismo. A ameaça agora é de que há uma visão clara e real de que o STF viola a Constituição.

E como isto é assimilado, o conjunto social, profissional, empresarial da nação NÃO irá respeitar a mesma Constituição e NEM um grupo desajuizado de ministros que fingem fazer a justiça correta, idônea e moral à luz dos critérios profissionais do Direito Democrático. E sem contaminações ideológicas e sem defender ilícitos de criminosos.

Pode estar vindo o fim do STF, uma vez que a coletividade de associações de juízes e magistrados começam a entender que será necessária uma ação mitigadora desta escalada de insanidades jurídicas, para que não deixe associar a desgraça econômica e social do país a uma justiça pouco ilibada, ainda e antes, lenta, cara e imprevisível.

Tem juventude estudante do Direito e jovens advogados mirando os exemplos do STF, não como exemplos dignos, mas como uma quadrilha encastelada a fim de colaborar com o retrocesso de um país.

E os modelos de ministros atuais do STF estão ensinando o viés intolerável de uma prática jurídica de levantar aversão até em Hamurabi.

Juízes aposentados preveem queda do STF e desmoralização total da justiça.

E se houver alguma revolução de justiçamentos, sem dúvidas estes ministros, políticos e colaboradores poderão estar sob a mira de revolucionários justiceiros.

Então, os estúpidos irão dizer que um novo golpe desabou sobre a república, quebrando o princípio do Estado Democrático de Direito - mas, todos os esclarecidos perceberão, que os atuais poderes instituídos fizeram por merecer em vista dos resultados evidentes da má fé, da má justiça e da má governabilidade.

Abraços,

Lewton




Bookmark and Share
Outas colaborações de Lewton
Veja Mais
Perfil de Lewton
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!