As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 31-10-2017. Acessado 418 vezes.
Título da Postagem:"Tempo de ir"
Titular:Alitta Guimarães Costa Reis
Nome de usuário:favodemel
Última alteração em 31-10-2017 @ 08:31 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]
Tags: pai

"Não, pai. Não vá embora. / Como saber, assim, de repente, / o que te dizer? / Ainda não, pai. Demora. / Fica comigo, por prazer, / por todo aquele tempo / que faltou. / Fixa em mim o teu olhar. / Assim sinto a tua presença / nesses dias quietos. / Teu sangue flui. / Tu já tens bisnetos./ Também flui meu amor. / Suave,cheio de luz, / como o bom champanhe / em tuas queridas taças de cristal. / "Prost"! Pruridos no nariz . / Tu eras tão feliz! / Está bem, então. Não choro mais. / Querias que eu fosse forte! / E aqui estou. / Contigo, além da morte. / Mas sei que tens de ir. / Está bem, então. Vai. / Não sou mais criança, / desnorteado amor, / desamparada esperança./ O meu amor te liberta. / Voa pela janela aberta / além de onde minha vista alcança. / Já sei honrar a essência / de tua magia, / que era ser feliz / a cada dia".




Bookmark and Share
Outas colaborações de favodemel
Veja Mais
Perfil de favodemel
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!