As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 10-04-2007. Acessado 804 vezes.
Título da Postagem:De quem é a Amazônia Brasileira?
Titular:GTMelo
Nome de usuário:GrupoGuararapes
Última alteração em 10-04-2007 @ 03:20 pm
[ Avise alguém sobre este texto ]
Estamos Vivos! Grupo Guararapes!
DE QUEM É A AMAZONIA BRASILEIRA?  Doc 112/2007           

A pergunta do título cabe, faz sentido, e nos preocupa, quando sabemos que as tribos indígenas estão sendo exploradas por ONGs estrangeiras, tentando viver independentemente, algumas até recusando a cidadania brasileira. E a preocupação se agrava quando vemos e ouvimos na TV Senado, um senador da República, o Sr Paulo Paím, ao fim de um seu aparte a pronunciamento naquela casa do Congresso, repetir a conhecida balela de que  “A Amazônia é um patrimônio da Humanidade”.

Existem, assim, duas ameaças reais e gravíssimas à nossa Soberania sobre a Amazônia Brasileira: - as tribos indígenas não se mostram subordinadas às leis brasileiras, além de muito ligadas – pois recebendo  favores –, a ONGs alienígenas, que tudo fazem para tê-las independentes e, no amanhã, ser-lhes muito mais fácil o bote para a conquista das imensas riquezas de que dispõem, nos três reinos da natureza, sobretudo no mineral, merecendo registro o fato de que, por uma singular “coincidência”, essas reservas guardam, principalmente no subsolo, as maiores riquezas do mundo; - e a isso se junta, e continua a tomar corpo e a se disseminar, no Brasil, com explicável interesse da mídia internacional, a idéia, acima já referida,  plantada por nações estrangeiras – desde o Conselho Mundial das Igrejas Cristãs, com sede em Genebra na Suíça –, com manifesta cobiça sobre a imensa riqueza da Amazônia, na sua incomparável diversidade, de que a Amazônia é Patrimônio da Humanidade. E concluímos que estas ameaças contra a nossa Soberania estão se concretizando porque o Governo, por incompetência ou corrupção, vem cometendo um gravíssimo erro geopolítico, cooptado por poderosas e suspeitas ONGs Internacionais e amparado no absurdo que se contém na Constituição de 88: dando uma dimensão territorial aos valores culturais indígenas, e, de muito, vem  dividindo a Amazônia, criando e homologando reservas indígenas, nos chamados territórios indígenas, havendo dessas reservas que chegam a ser reconhecidas como Nações Indígenas, até no exterior, como é o caso da Reserva Ianomâmi. E o perigo: numa área total de 5,2 milhões de Km², já existem reservas indígenas perfazendo cerca de 1 milhão de Km², ou seja, da ordem de 1/5 do território da AMAZÔNIA LEGAL!

O problema é muito grave. Há que se mudar a Constituição para que se tenha garantido a AUTORIDADE  BRASILEIRA nestas reservas. A unidade territorial é questão prioritária de Segurança Nacional. Mas, como vem sendo feito, o Governo Brasileiro facilita, como num crime de lesa Pátria, a perda da soberania daqueles territórios, de vez que tinha, e tem, o Dever de Saber, e de bem Analisar e Concluir sobre o Grande Poder junto à ONU, das Poderosas Nações com Manifesto Interesse sobre a Amazônia, por isso que terão esse seu Interesse reforçado pelo próprio Governo Brasileiro, ao criar vastas e riquíssimas Reservas  Indígenas, já consideradas por muitos como Nações Indígenas. E como inconcebível agravante, o Governo age como se aceitasse, de fato, tais territórios, chamados de Reservas Indígenas, como Independentes da Nação Brasileira.

À Luz do que se sabe e vê, quem manda na Amazônia Brasileira são as ONG estrangeiras, ao olhar “inocente” e “complacente” do próprio governo brasileiro. A Perda da Soberania do Brasil sobre a Amazônia parece ser, apenas, uma questão de tempo. Que Deus não o permita.

Com a Palavra o Congresso Nacional, o Poder Judiciário e o Poder Executivo, este particularmente através do Ministério da Defesa..

ESTAMOS VIVOS! GRUPO GUARARAPES! PERSONALIDADE JURÍDICA sob reg. Nº 12 58 93, Cartório do 1º registro de títulos e documentos, em Fortaleza.  Somos 1.299 CIVIS – 41 da Marinha – 401 do Exército – 39 DA FAB total 1780   




Bookmark and Share
Outas colaborações de GrupoGuararapes
Veja Mais
Perfil de GrupoGuararapes
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!