As opiniões expressas neste artigo e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer
outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário. Os comentários são moderados pelo usuário.
 
Denuncie | Colaboradores: Todos | Mais novos ] - [ Textos: Novas | Últimas ]

O autor decide se visitantes podem comentar.
 
Postada em 03-26-2008. Acessado 1394 vezes.
Título da Postagem:Pobre classe média
Titular:Sandra M. D. da Silveira da Silva
Nome de usuário:sandrasilva
Última alteração em 03-26-2008 @ 01:23 am
[ Avise alguém sobre este texto ]

Agoniza a classe média brasileira. Na aflição da morte ainda busca alguma possibilidade para ser atendida por um convênio particular, pois teme que o SUS lhe dê a extrema unção antecipadamente.

Quando o atual partido político que dirige o país assumiu o poder, a bandeira maior era o programa Fome Zero que foi abortado em poucas semanas. Sentindo que o barco navegava em mar com tempestade, a cúpula dirigente agarrou-se ao projeto do governo antecessor que havia criado a Bolsa Escola, uma forma de manter na escola milhares de crianças vagantes em biscates para auxiliar a sobrevivência familiar.

De Bolsa Escola o programa tomou corpo e se transformou na Bolsa Família absorvendo outras bolsas tantas destinadas aos que nasceram e cresceram desafortunados das mínimas condições de vida. O programa cresceu e milhares de brasileiros sentiram-se privilegiados.

O novo cenário deu êxtase ao governo e a elite nacional. Mais consumo, mais lucro nos bancos e o início do sepultamento da miserabilidade provocada lá atrás pela abolição da escravatura que jogou no “olho da rua” milhares de brasileiros que até então só sabiam obedecer e utilizar a força física. Foi nesse longínquo 1888 que iniciou a favelização brasileira. Da escravidão do tronco nasceu a escravidão da subserviência.

No Brasil a classe média cresceu sob a bandeira da União Democrática Nacional – UDN, derrubando Getúlio, elegendo JK e Jânio Quadros e se pondo contra Jango até sua derrubada. Apoiou freneticamente o movimento revolucionário de 64 porque estava impregnada dos efeitos da guerra fria, exorcizando os comunistas e assemelhados. Nos estertores do regime militar deu-lhe as costas e conduziu Fernando Collor ao poder e, posteriormente, o sociólogo Fernando Henrique. Rejeitava Luis Inácio, que vinha das camadas populares. Isto até o dia em que um intelectual da comunicação e do marketing o vestiu como classe média. De imediato fascinou-se pelo novo modelo. Agora paga juro de mora por essa atração que lhe foi fatal. Perdeu poder de mando e financeiro e jaz no leito, moribunda.

             A classe média é quem paga os impostos, mas deles pouco usufrui necessitando buscar na iniciativa privada uma melhor saúde, escola, segurança e transporte. O que está posto nessas áreas não atende suas necessidades, mas acolhe as dos que se encontram na base da pirâmide social.

             No Brasil poucos defendem a classe média tampouco seus valores e sua postura política porque ela não é de direita nem de esquerda. É um centro liberal de onde emanam créditos na autonomia, na responsabilidade pessoal e social, na poupança e nos valores familiares.

             A classe média brasileira perdeu sua mobilidade e hoje é quem paga a maior parte dos impostos além de arcar cada vez mais com os serviços que teoricamente o ente Estado deveria fornecer. É sobretaxada e excluída das prioridades desse mesmo Estado sendo a camada mais sensível aos escândalos de corrupção tão freqüentes nos últimos tempos e com particular intensidade no atual governo.

           A apatia e insatisfação desse extrato não auxiliam no crescimento econômico do país e sem ele a sociedade faz um expressivo retrocesso. Empurrada cada vez mais para fora do sistema de proteção social a classe média já não é mais o fiel da estrutura e a continuar a prática política que está posta, brevemente será apenas uma lenda.

 

E-mail: sandrasilva33@yahoo.com.br

 

 




Bookmark and Share
Outas colaborações de sandrasilva
Veja Mais
Perfil de sandrasilva
Perfil do Usuário
Junte-se a nós!
Junte-se a nós!