AFINAL, O STF É FICHA LIMPA OU FICHA SUJA? | Blog Goulart | Portal Militar

Blog Goulart

Perfil do troia173
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Notcia

AFINAL, O STF É FICHA LIMPA OU FICHA SUJA?

Publicado em 25 de Set. de 2010


1943 Visualizações


Adendo: O ex-governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz, declarou ter a fecha mais limpa do que a de alguns juízes que o avaliaram apenas com base em sofismas.


Considerações:


Se os amigos acessarem o espaço destinado aos comentários, abaixo, encontrarão uma postagem antiga com o título, O STF NÃO É DEUS, na qual questiono a preponderância dos onze integrantes do STF sobre os demais cidadãos, em toda cadeia do conhecimento - para julgarem tudo como se deuses fossem -, baseando-me na falta de consenso nas decisões. Por atuarem sobre o ápice das questões jurídicas, para confirmá-las ou não, subentende-se que sejam infalíveis, mas, as discordâncias entre eles (nas quais nenhum admite estar errado), abalam nossa confiança, deixando transparecer também, dependendo do peso dos interesses políticos e econômicos (os sociais ficam de fora, por igualmente transparecer, sejam preocupações menores da Casa), que se igualam aos demais cidadãos, nas possibilidades de serem corrompidos ou de corromperem. Na época discutia-se o emprego das células-tronco em pesquisas científicas e a demarcação das Reservas Indígenas, temas que requeriam excepcionais conhecimentos (desapaixonados) nas áreas da ciência, da ética, da religião, da economia, das relações humanas, das estratégias de defesa interna, de política internacional, entre outras, cujos especialistas deveriam estar presentes para esclarecerem as questões técnicas e opinarem sobre a soberania nacional. Na última aprovou-se a demarcação contínua defendida pelos poderosos e contestada pelos desprezados nacionalistas, porém, sem unanimidade.


Partindo de um rudimentar conceito de lógica, quando dois indivíduos decidem antagonicamente sobre uma verdade, um está correto e o outro não, mas nãosuspeição sobre suas idoneidades, se as diferenças culturais forem muito acentuadas; quando os julgadores não estão sujeitos às pressões políticas, sociais e econômicas, e nãointeresses pessoais. A decisão equivocada, neste caso, ainda que desgoste parte das pessoas, pode ser tolerada.


Quanto ao STF, não. O nivelamento na cultura e nos conhecimentos jurídicos, aliado aos anos de convivência e ao princípio da isenção, deveria nivelar também as decisões dos Ministros sobre todos os temas que se dizem aptos a julgar, porque, todo Projeto de Lei, toda pendência judicial, etc, subordina-se geralmente a duas pequenas variáveis, sim e não, que ficam camufladas, infelizmente, nos criptografados e enfadonhos discursos que as pessoas comuns não entendem. Para a grande maioria, não passam de inúteis demonstrações de retórica, pompa, vaidade, poder e soberba.


Dentre as últimas grandes questões destacam-se a extradição do terrorista italiano, o assassino Battisti, e atualmente sobre a vigência da ficha-limpa para os atuais candidatos. Nos dois casos julgados, os Excelentíssimos Senhores Juízes, com enorme estardalhaço adquirem o Status de iluminados, mas nas sessões se transformam em simples mortais, que se aproveitam da memória curta do povo para embaralharem as questões, deixando-as pior do que estavam. Sequer levam em conta a frustração de milhões de brasileiros e jogam por terra o trabalho de pessoas e entidades honestas, que passaram anos garimpando assinaturas, e daqueles que sonhavam ver um assassino covarde cumprir sua derradeira pena dentro do seu País.


O aparentemente improvável e suspeito empate gerou, nos setores mais cultos, dinâmicos e liberais da mídia, incontido pessimismo. Toda abordagem sobre o desastroso julgamento, feita por internautas comuns, e as que aparecem em inúmeros blogs e nos editoriais, maculam ainda mais a imagem do STF, pela rejeição aos seus integrantes, e ao organismo em si, pela inconfiabilidade. A vastíssima gama de interesses; o histórico do principal interessado, Roriz; os incalculáveis valores envolvidos, oferecidos e aceitos anteriormente por insuspeitos representantes da sociedade, demonstram que a volátil consciência de parte das grandes autoridades é capaz de aderir ao argumento mais valioso.


Como esse trabalho se intensificará eis a minha parte é de se esperar que da próxima reunião na semana que vem, saia uma decisão justa.


Uma boa noite para todos


Goulart.    


            Obs: Na parte destinada aos comentários acrescento algumas postagens que justificam meu trabalho. Cuidado nunca é demais.

8 comentários


troia173 comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

25 de Set. de 2010 às 16:45

troia173
30 de Ago. de 2008 com 249 Visualizações

O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL NÃO É DEUS

O Supremo Tribunal Federal deve desvestir-se de sua pompa e, com humildade, reconhecer que é pequeno demais para se considerar Deus e decidir sobre todas as coisas.

Mesmo que todos membros tivessem incontestável sabedoria nas áreas, técnica, científica, militar, econômica, política, religiosa, muito acima dos simples mortais, não poderiam se dar esse direito; quando um, ou mais, dos seus membros discorda, dá-nos o poder de contestar sua supremacia. Na penúltima votação importante, sobre célula-tronco, assunto debatido por anos á fio, o relator, após um cansativo e desnecessário período de explanação, pede mais tempo para decidir, comprovando que estava alienado e insensível aos milhares de cientistas e doentes que imploravam por uma decisão favorável.

O mundo anda na velocidade da luz e um dia perdido dá vantagens a outros Países com igual credo religioso ou não. Enquanto os outros pesquisam (imaginem que importamos cobaias vivas, por restrições daqui), o Brasil gasta bilhões de dólares em importações de medicamentos (muitos dos quais uma simples caixinha, com alguns comprimidos, chega a custar mais de R$ 1.500,00), enriquecendo laboratórios estrangeiros que cobram o que bem entendem, por falta de concorrência.

Sobre fetos anencéfalos que morrerão, sempre, ao nascerem ou poucos meses depois, creio que seria melhor deixar para a ciência definir do que dizer para as mães: “teu filho não viverá mesmo, mas eu quero que tu o carregues acompanhada de terrível sofrimento e, se ele viver alguns meses, que ele sofra bastante, tu, muito mais ainda e tua família também”.
Sobre eutanásia, não comentarei para não chocá-los, convivo com esse drama, assistam o filme “Mar Adentro”.

Sobre a Reserva indígena Raposa Serra do Sol, além da posição estratégica, das imensas reservas minerais e do seu potencial agrícola, duvido que tenham se detido nos mínimos detalhes a seguir, capazes de qualificar como insano, o “romântico” e descabido voto favorável à demarcação contínua:
A área total do Estado é de 224.298,98 km2 e a população é de 400.000 pessoas
Área das reservas é de 104.007,43 km2 e a população indígena, 44.000 índios.

Vejam agora:
Estado do Rio de Janeiro: área 43.696,06 km2, população 14.387.225, habitantes;
Estado do Espírito Santo: área 46.077,50 km2, população 3.464.285 habitantes;
Estado de Sergipe: área 20.700 km2, população 1.784.475 habitantes.
Área total dos três Estados: 110.473,560 km2, população total 19.635.985.
As reservas representam 94,20% da área conjunta dos três Estados e a população indígena, menos de 0,23%.

Observem agora isto:
Israel: área 20.700 km2, população 6.300.000 habitantes;
Dinamarca: área 43.093 km2, população 5.484.723 habitantes;
Suíça: área 41.285 km2, população 7.581.520.
Área total desses três Países: 105.078 km2 .

Agora, amigos, pasmem!
Área total do Exército para seus campos de manobras, etc: 2.747km2 ou 1,22% do Estado

Isso é o mínimo, existem dezenas de variáveis a serem analisadas por categorias habilitadas, incluindo jovens idealistas (A velhice do Supremo, mantém esse dom?), militares patriótas, empresários honestos, políticos sérios...

Para finalizar: somente a favela da Rocinha que ocupa um pedacinho da cidade do Rio de Janeiro, tem a população 13 vezes maior do que a da Reserva Indígena Raposa Serra do Sol

Tróia173

....................................................

JURISTAS EXPLICAM COMO INDEFINIÇÃO SOBRE FICHA LIMPA NO STF AFETA ELEIÇÃO

Saiba o que pode ocorrer com candidaturas com decisão sobre Ficha Limpa.
Julgamento de recurso pode exigir novos cálculos para determinar eleitos.
Ardilhes Moreira e Mariana Oliveira Do G1, em São Paulo
imprimir
Juristas que atuam na área eleitoral avaliam que a suspensão, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), do julgamento sobre a validade da Lei Ficha Limpa em 2010, traz "confusão jurídica" e explicam quais os cenários possíveis para a eleição. Se a aplicação da lei for votada e aprovada somente após a eleição, candidatos que foram considerados inelegíveis perderão a possibilidade de tomar posse. Em alguns casos, a Justiça Eleitoral pode ter que refazer as contas que determinam quantos deputados cada partido poderá eleger...

........................................................

RORIZ DIZ TER FICHA MAIS LIMPA DO QUE A DOS JUÍZES
Diante de impasse, ex-governador desistiu de concorrer ao governo do DF
Fora da disputa eleitoral, o ex-governador do Distrito Federal Joaquim Roriz declarou ter a ficha mais limpa do que a de alguns juízes que o avaliaram "apenas com base em sofismas".

— Me julgaram apegados às luzes dos holofotes, rasgaram a Constituição. Não sofri condenação — diz Roriz em seu site oficial, em que publicou nesta sexta-feira o documento intitulado "Manifesto de Roriz ao povo de Brasília".

O ex-governador, que desistiu nesta manhã de disputar ao quinto mandato no Distrito Federal, afirmou no documento: "Nunca avancei sobre o patrimônio público, nunca sujei minha mão na lama onde chafurdam os corruptos que infelicitam Brasília e o Brasil".

Ele ainda reafirma sua desistência do pleito e anuncia a decisão de colocar em seu lugar a sua esposa, Weslian Roriz.

— Não posso mais ser candidato. Mas a eleição correrá em meu nome e o povo de Brasília me honrará elegendo governadora minha amada esposa, companheira de meio século, Dona Weslian Roriz, competente, honrada, humana e digna — afirmou


Zaryj comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

25 de Set. de 2010 às 17:52

Zaryj
Meu caro Goulart,

tive a oportunidade de ver o DEBATE dos Ministros sobre o Recurso do Roriz no STF. Fiquei até 1h30min do dia 24 set 2010.

Foi uma aula de direito Constitucional.

5 dos Ministros ficaram com o CLAMOR do POVO (os que optaram pela aplicação IMEDIATA da Lei da "FICHA LIMPA") cá para nós: ISSO É UM PERIGO - O CLAMOR DO POVO.

5 dos Ministros ficaram com o conteúdo puro da CONSTITUIÇÃO (os que NÃO optaram pela aplicação IMEDIATA da Lei da "FICHA LIMPA").

Da minha parte FICO COM A CONSTITUIÇÃO. Pois ela É A ÚNICA QUE PODE NOS SALVAR EM CASO DE NECESSIDADE JURÍDICA!

É isso!

Um abraço


25 de Set. de 2010 às 18:49

Belo texto, parabens. O Brasil é aqui.


25 de Set. de 2010 às 19:09




AMIGO TROIA ACABEI DE ALMOÇAR NA PRESENÇA DE SENHORES QUE POSSO LHE DIZER QUE SE EU FOSSE DA GERAÇAO DELES TERIA SERVIDO NUM GRUPO DE VERDADEIROS HOMENS DE HONRA...............NAO QUE OS DE MINHA GERAÇAO ATUAL NAO O SEJAM ,MAS SOMOS DOMINADOS PELO DOGMA DO MEDO,PELO PAVOR DO ESTATUTO E O SENTIMENTO DE FALTA DE LIDERANÇA(POLITICA) ...................BASTA FALARMOS QUE NECESSITAMOS DE AUMENTO E O MIN. DA DEFESA VEM COM UMA FL. COM 500 DESCULPAS PARA JUSTIFICAR A NAO POSSIBILIDADE DE REMUNUMERAÇAO MELHOR PARA AS FORÇAS ARMADAS............A ASMIR-SC NA PRESENÇA DO TROVEJANTE PETROCHI ,(ME DESCUPE A BRINCADEIRA MAS PARECIA THOR FALANDO)FUTURO VEREADOR DE FLORIPA ...........NOS HONROU COM A PRESENÇA EM UMA CONFRATERNIZAÇAO NO DIA HOJE COM ........TICO LACERDA-12007-CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL(JUSTIFICO)JOVEM INTELIGNTE DE FAMILIA DE POLITICOS INFLUETES QUE MUITO PRODUZIRAM EM SC E COM MUITA INFUENCIA EM EM BRASILIA E O QUE É CHAVE PARA NÓS ESTA ALINHADO COM ESPERIDIAO AMIM 1133 E D .ANGELA 11 ----------AI AMIGO NAO PRECISA DIZER MAIS NADA--------------É UNIRMOS NOSSOS VOTOS NELES E BLINDAR A FAMILIA MILITAR ----POIS NAO VEJO BOAS COISA NO HORIZONTE PARA NÓS!!!!...................CATARINENSES PENSE SOBRE ISSO.........................AFINAL É O NOSSO FUTURO PROFISSIONAL OU VOTAMOS EM MILITAR OU EM QUE NO MINIMO CONCORDA COM NOSSOS IDEAIS DE DEMOCRACIA E NACIONALISMO,OU PERMITIMOS QUE CONTINUEM A NOS TRATAR COMO CIDADOES DE SEGUNDA CLASSE COM REMUNERAÇAO DE TERCEIRA A....................... LUTTA.


EJoseA comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

25 de Set. de 2010 às 19:55

EJoseA
Prezado TRÓIA: Inicio mencionando que retorno agora pois invadiram o PC, sendo obrigado a dura formatação, claro perdendo muito do já salvo. Fique isso como alerta aos demais para se cuidarem.

Mas ao que interessa, seu texto: muito, muito bom, como sempre. Entretanto, permita-me abrir uma discussão, que é um ponto interessante no sistema jurídico vigente em praticamente todo o mundo ocidental, ou seja, a INTERPRETAÇÃO das leis.

De que adianta digamos, ter inserida na Constituição p.ex. a pena de morte para crime doloso tipo estupro, seqüestro, se o juiz tem a permissão do sistema jurídico e até da sociedade para INTERPRETAR? A possibilidade de interpretação tinge, tonaliza as decisões do juiz; as crenças dele, conhecimento, vivência, experiências (e claro a venda da consciência, venda da sentença) com essa autorização para INTERPRETAR permite uma decisão final que possa ir contra todo o bom senso, contra a Inteligência Coletiva da sociedade.

Dessa forma com a permissão de interpretar leis, juízes liberam outros juízes criminosos, liberam homens com diploma universitário e liberam grande parte dos maiores criminosos, para continuarem no seio da sociedade, para continuarem na prática de crimes, fato corriqueiro hoje. Assim, com a tal de INTERPRETAÇÃO pobres vão para a cadeia, e ricos continuam na boa vida, continuam a praticar o mal.

Sugiro que torna-se necessária a proibição da INTERPRETAÇÃO das leis, passando-se a uma política triste, mas imprescindível, que é a TOLERÂNCIA ZERO para todos os tipos de delitos, sejam cívis ou criminais.


AutoIndustrial comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

26 de Set. de 2010 às 8:27

AutoIndustrial
Prezado Troia:

Sua postagem, como sempre, é direta, cristalina, não deixa dúvidas sobre o tema em tela.

E os comentários já postados, idem.

Só me resta dá os parabéns pela excelente postagem e motivá-lo a continuar a nos brindar com suas postagens maravilhosas, esclarecedoras, diretas!

AutoIndustrial
"Ad sumus!".



26 de Set. de 2010 às 20:51



É POR ESSAS E OUTRA QUE INCISTO AMIGOS NAO A MAIS TEMPO A PERDER OU ELEGEMOS EM CADA ESTADO UM MILITAR OU ALGUEM COMPROMETIDO COM NOSSA CAUSA OU SEREMOS AS PRIMEIRAS VITIMAS DO PROXIMO COMANDANTE DO EXECUTIVO É NATURAL LOGO QUE QUEM ASSUME QUER MOSTRAR AO POVO QUE TEM ATITUDE ,LEMBRAM O SR FERNANDO HENRIQUE,,,,,,,,,,,,,,,,MEXEU EM TODOS OS NOSSOS DIREITOS(COM A JUSTIFICATIVA DE MORALIZAÇAO)-porem ficou só em nós-E NUNCA MAIS DEVOLVERAM ,PELO CONTRARIO O ATUAL CHEFE DAS FFAA,NOS DEU UM AUMENTO DIVIDO EM 4 ANOS-JUSTIFICATIVA---a oposiçao nao votou a -CPMF-O QUE SERA QUE O PROXIMO VAI FAZER CONOSCO?????????????OU NOS ORGANIZAMOS ,NOS CONCENTRAMOS VOTOS E PASSAMOS A RESPONSABILIDADE A QUEM TEM CONHECIMENTO DE DIALAGO POLITICO E ACESSO AOS QUE REAMENTE DECIDEM, OU VAMOS PASSAR UMA VIDA DE LAMENTAÇOES E INSATISFAÇOES PESSOAIS..............EM SANTA CATARINA A ASMIR/SC ESTA CONCATENADA COM 3 FERAS DA POLITICA REGIONAL E NACIONAL........D.ANGELA ,para governadora(ja foi deputada federal conhece do assunto)ESPERIDIAO AMIM 11 ,ja foi governador de SC e senador(se tem alguem que vai conseguir fazer passar os projetos de interesse dos militar vai ser ele,portanto para federal ESPERIDIAO AMIM 1133
E NAO MENOS IMPORTANTE ,(digo isso porque o jovem que vou mencionar é filho de ex, dep. BABA e neto do ex gov.Jorge Lacerda)mas lhes garanto que o credencia é o fato de ter reunido com o presidente ASMIR-SC e com muita humildade aceitou ser interlocutor entre nós em BRASILIA e assumido compromissos com essa classe tao despolitizada e abandonada.................aproveito o espaço para desejar sorte aos candidatos militares e pedir aos amigos da caserna,independente de graduaçao que pense no futuro de seus filho pois a muito que observo quanto se sofre para ser um militar,sendo que treinar a adversidade é uma coisa ,mas estar em constante adversidade é outra.-SALARIAL-TRANSFERENCIAS INOPORTUNAS-ASSEDIOS MORAIS CONSTANTES E DISFARÇADOS DE ORDENS-E TANTAS OUTRAS COISA QUE OS ENHORES SABEM MELHOR DE QUE EU. Sendo que estou tentando a reaprender -``que trabalho nao é lugar para sofrimento-`` ............boa semana a todos e a ........................LUTTA.
























DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )