Notícias normais | Blog Petrocchi: militar pensador militar | Portal Militar

Blog Petrocchi: militar pensador militar

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Eleies

Notícias normais

Publicado em 17 de Set. de 2011


2162 Visualizações



Notícias normais...


 


Já está se tornando corriqueiro. Qualquer dos telejornais que nos entram casa adentro todas as noites trazem, no seu conteúdo, 50 a 60% de notícias que tratam de violência, corrupção, desmandos, impunidades. Já se tornou corriqueiro e nem ao menos nos causam algum tipo de indignação ou revolta. Nós nos acostumamos muito rápido a não dar mais importância a esse tipo de coisas. Sem qualquer intenção de crítica, podem observar: qualquer que seja a notícia a Fátima Bernardes a transmite com um sorriso “Mona Lisa” nos lábios. O semblante grave que uma notícia ruim exigiria não aparece.


Ficaria cansativo listar aqui todas as barbáries que andam acontecendo. Excluindo-se os canais de notícias, os telejornais de canais abertos desfilam atrocidades desde as 17:00 horas e seguem noite adentro. A gama atinge desde crianças – de qualquer idade, sendo estupradas e mortas até políticos dizendo que é normal locupletar-se com dinheiro público.


Essa falácia de que está sendo feita uma faxina já está cansando. Os postulantes a cargos públicos, indicados ou não, deveriam ser alvo de investigações antes da sua posse ou investidura no cargo. Desde muito cedo ouvi falar em “atestado de bons antecedentes”. Será que só vale para alguns?


Entra governo, sai governo e a ladainha é sempre a mesma: o “meu” governo será moralizado. Como seria possível, se para compô-lo eu me cerco de pessoas que já têm um histórico de desonestidades em seu currículo?


Outra coisa que já está cansando é esse negócio de “Comissão da Verdade”. Pára com isso, gente. Investigar um dos lados dos personagens daquela época parece que já começa com vistas a uma imensa dose de parcialidade. Não existe intenção de mostrar “a” verdade: apenas o que interessa a alguns virá à tona. Acredito que a sociedade brasileira pode e deve interessar-se por este assunto. Existe ONG para tudo. Por quê não se criar a ONG “Passando a Limpo”? Ela já começaria sem recursos governamentais para que funcionasse. Estima-se que haja mais de 300 mil associações sem fins lucrativos no nosso país. Quem as gerencia? Para onde vão os recursos arrecadados? Será que existe um controle de funcionamento e de gastos – que envolve dinheiro do povo?


Não estou pregando uma “revolução”. Acho, isto sim, que temos que parar de “aceitar pacificamente” o que estão fazendo com o nosso país e com a nossa gente. Não temos o direito de ficar quietos, vendo a banda (ou o bando) passar. Isso faz parte das mais básicas noções de patriotismo. Indignar-se é parte dos nossos direitos mais básicos. Temos, sim, a obrigação de querer e de lutar (no bom sentido) no sentido de legar aos nossos filhos e netos uma verdadeira NAÇÃO.


Em 2012 teremos novas eleições. Uma das formas de ajudar a fazer um Brasil melhor é a escolha consciente a respeito de quem vamos eleger. Não pode haver aquela história de achar que agora o fulano ou a fulana deve ter “melhorado”. Se a pessoa já esteve lá, com poder a ela delegado, e não fez o que lhe era devido, perdeu a vez. Se “meteu a mão na grana do povo”, vai aproveitar a nova oportunidade e roubar mais.


A Reforma Política passa pelas nossas mãos. As promessas de concretizá-la nunca saíram do papel. Aproveitemos para fazê-la com o nosso voto.


Abraços.   

1 comentários


Tilde comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Set. de 2011 às 16:03

Tilde
50 a 60% de notícias que tratam de violência, corrupção, desmandos, impunidades.
POR CAUSA DE NOTICIAS ASSIM, E NÃO HAVER REAÇÃO DO POVO QUE ME REVOLTO.

Este Blogueiro NÃO permite que VISITANTES comentem nesta postagem.
Junte-se a nós ou Entre para comentar!