Quem vive de promessa é santo | Blog Veterano | Portal Militar

Blog Veterano

Perfil do tropa
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Carreira Militar

Quem vive de promessa é santo

Publicado em 24 de Dez. de 2011


2154 Visualizações



Defesa em 2012 - Reaparelhamento e reajuste dos soldos


POR MARCO AURÉLIO REIS



Os militares das Forças Armadas encerram o ano sem o esperado anúncio do reajuste dos soldos para 2012. Esperavam índice e data para entrada em vigor do aumento. Levam para o ano novo, porém, sinalização que o reajuste virá com política que prevê recuperação trienal dos vencimentos de oficiais e praças.



Fontes militares apontam cenário favorável para aumento em julho, com efeito financeiro em agosto. Com ele, anúncio de parcelas complementares de reajuste em julho de 2013 e julho de 2014, quando nova revisão trienal seria estudada para os anos seguintes.



Para em 2012 o aumento sair do papel falta uma ponderação, deixada a cargo dos comandos. O Orçamento da União prevê R$ 16 bilhões para investimentos e custeio (exclui pessoal e encargos), uma alta de 5,8 por cento em relação a 2011. Mas prevê também o desenvolvimento das ações que garantam o cumprimento da missão constitucional e das diretrizes da Estratégia Nacional de Defesa, por intermédio dos Comandos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. É nessa rubrica que deve ser incluído o aumento dos soldos, a partir de remanejamento de recursos.



Argumentos para o aumento sair não faltam. Bons em concursos públicos, muitos militares estão deixando os quartéis em busca de melhores vencimentos na carreira civil. A isso, soma-se o assédio da iniciativa privada, em especial sobre pilotos.



Recursos necessários



A esperança de reajuste vem de palavras da própria presidenta Dilma Rousseff na confraternização de fim de ano das Forças Armadas. Ao discursar, falou o que Brasil tem que reconhecer que os homens e as mulheres dos quartéis necessitam de recursos.



Vida digna



Indiretamente, mas ainda em seu discurso, falou da remuneração ao lembrar que os militares não necessitam só de recursos para o reaparelhamento,  mas também daqueles que garantam uma vida digna à família militar.



Valorizar a carreira



A presidenta Dilma também mostrou preocupação com os pedidos de baixa.  Estamos comprometidos com a valorização da profissão militar para que continuemos atraindo, para nossas Forças Armadas, os quadros necessários.


 


Fonte O DIA.


 



 


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )