Militares citam música de Geraldo Vandré em apoio a Manifest | Blog Liberdade | Portal Militar

Blog Liberdade

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Homenagem

Militares citam música de Geraldo Vandré em apoio a Manifest

Publicado em 24 de Jun de 2013


1594 Visualizações


 



Militares citam música de Geraldo Vandré para apoiar manifestações pelo País


Fonte:  http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2013-06-24/militares-citam-musica-de-geraldo-vandre-para-apoiar-manifestacoes-pelo-pais.html


Comissão Interclubes Militares citou trecho da música “Pra não dizer que não falei das flores”, clássico contra a ditadura militar, para declarar seu apoio aos movimentos populares atuais



Ricardo Galhardo - iG São Paulo 





A Comissão Interclubes Militares divulgou na quinta-feira, 20 de junho, uma nota de apoio às manifestações que tomaram as ruas do País nas últimas semanas. Os clubes militares representam oficiais da reserva, muitos deles defensores da ditadura militar (1964-1985). Ironicamente a nota termina com o verso “quem sabe faz a hora, não espera acontecer”, trecho da música “Pra não dizer que não falei das flores”, de Geraldo Vandré, um clássico da canção de protesto contra a ditadura.


Reprodução





Reprodução da carta divulgada pela Comissão Interclubes Militares


Segundo a nota assinada pelo general Renato César Tibau da Costa, presidente do Clube Militar (Exército), Almirante Pauilo Frederico Soriano Dobbin, presidente do Clube Naval (Marinha), e brigadeiro Ivan Moacyr da Frota, presidente do Clube de Aeronáutica, a onda de protestos “diz respeito às legítimas aspirações da sociedade”.


Na leitura dos clubes militares, as manifestações são uma reação da sociedade à “impostura e impunidade” e ao “descaso das autoridades governamentais”.


 general Benedito Lajoia Garcia, representante do Exército na Comissão Interclubes Militares, evitou comparar o atual momento do Brasil com outras situações críticas da história. "Estamos acompanhando o que está acontecendo. Existe uma inquietude mas a gente ainda não sabe onde vai descambar isso tudo", afirmou.


Segundo o general, por enquanto o maior risco é o de inflitrações de pessoas ou grupos mal intencionados entre os manifestantes. "Grupos radicais de baderneiros se infiltraram nestas manifestações que são da sociedade", disse ele.


No documento, os militares afirmam também que estarão sempre atentos acompanhando a “evolução dos fatos”, antes de encerrar com o verso de Vandré. A música que ficou em segundo lugar no Festival Internacional da Canção de 1968 se tornou rapidamente o hino da resistência à ditadura militar. No mesmo ano, com a decretação do AI-5, Vandré teve que fugir para o Chile e só retornou ao Brasil em 1973.


Hoje afastado da vida artística, ele atua como advogado. Em 2010 concedeu uma entrevista controvertida no Clube da Aeronáutica.



 




     


     


     


  •  



4 comentários


Cap Manoel Florncio - Nathan

24 de Jun de 2013 às 16:42

Cap Manoel Florncio - Nathan
Na época da ditadura militar, essa música, "Pra não dizer que não falei das flores”, foi censurada pelo regime e seu autor, Geraldo Vandré, teve que se exilar do país. Agora, é exaltada pelos mesmos que ajudaram construir a ditadura.
Vá entender essa velharada de pijama!
E vamos, que vamos!

 

 
Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

24 de Jun de 2013 às 17:30

Avassalador

Eu no compartilho, mais respeito o comentrio do visitante Cap Manoel Florncio - Nathan.


Jos

24 de Jun de 2013 às 17:35

Jos
"Armados ou não" todos os Brasileiros Honestos se unem para dar um basta nesta enrolação de corruPTos.

Agora as máfias dominantes viram o povo não só como votos a cabresto por esmola o emotividade e sim como seres pensantes que não querem mais ser enganado.

Está chegando a hora do povo reconhecer a força que tem e não se submeter a mentiras, roubalheiras e desacatos em nome da democracia.

O povo vota e elege representantes "do Povo" não de facções como está hoje.

Contrariando o Ruy Barbosa, o Homem não pode sentir vergonha de ser honesto.

À Corda Brasileiros Honestos.


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

25 de Jun de 2013 às 8:53

Avassalador

Admirável Gado Novo

Zé Ramalho


Vocês que fazem parte dessa massa,
Que passa nos projetos, do futuro
É duro tanto ter que caminhar
E dar muito mais, do que receber.
E ter que demonstrar, sua coragem
A margem do que possa aparecer.
E ver que toda essa, engrenagem
Já sente a ferrugem, lhe comer.

Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado, ê
Povo feliz
Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado, ê
Povo feliz

Lá fora faz um tempo confortável
A vigilância cuida do normal
Os automóveis ouvem a notícia
Os homens a publicam no jornal
E correm através da madrugada
A única velhice que chegou
Demoram-se na beira da estrada
E passam a contar o que sobrou.

Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado, ê
Povo feliz
Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado, ê
Povo feliz

O povo, foge da ignorância
Apesar de viver tão perto dela
E sonham com melhores, tempos idos
Contemplam essa vida, numa cela
Esperam nova possibilidade
De verem esse mundo, se acabar
A arca de Noé, o dirigível
Não voam, nem se pode flutuar,
Não voam nem se pode flutuar,
Não voam nem se pode flutuar.

Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado e,
Povo feliz
Eh, ôô, vida de gado
Povo marcado e,
Povo feliz



Comentário:

Realmente só rindo da democracia utilizada para firmar o império,dos corruptos que estão no poder político, destruindo a esperança do Brasil.


sidinei

28 de Jun de 2013 às 22:46

sidinei
PIOR CORRUPTO É AQUELE QUE NADA SABE E VEM DIZENDO QUE VAI RESOLVER OS PROBLEMAS MAS NÃO CITA COMO FARA NENHUM DELES.
PIOR POVO CREDO E OMISSO É AQUELE QUE NÃO SABE COMO SE FARA O TRABALHO NA RESOLUÇÃO DOS PROBLEMAS E LOGO ACEITA AQUELE QUE LHE PÕE UM PRATO DE SOPA COMO PROPOSTA DE SOLUÇÃO PARA SEUS PROBLEMAS.
E MAIS MALDITO AQUELE QUE SE VENDE SABENDO QUE VAI ENGANAR A TROCO DE TRINTA MOEDAS.


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )