Bahia Secretário Direitos Humanos Acusado de Assédio Sexual | Blog Liberdade | Portal Militar

Blog Liberdade

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Notcia

Bahia Secretário Direitos Humanos Acusado de Assédio Sexual

Publicado em 01 de Jun de 2014


1012 Visualizações


 

Acusado de assédio sexual, Almiro Sena deve pedir exoneração na quarta-feira

Fonte: http://www.bocaonews.com.br/noticias/principal/politica/87965,acusado-de-assedio-sexual-almiro-sena-deve-pedir-exoneracao-na-quarta-feira.html

 

 

Depois de denúncias de assédio sexual e moral protocoladas no Ministério Público por cinco servidores da Secretaria de Direitos Humanos do Estado, o titular da pasta, secretário Almiro Sena, deve pedir exoneração do cargo na próxima quarta-feira (4).

Em relatos feitos ao MP, uma das supostas vítimas diz que Almiro Sena, promotor de Justiça licenciado, entre outras coisas, encostava o órgão sexual em sua perna, “além de tentar beija-la à força”.

A denunciante diz, ainda, que apesar de ter ficado nervosa com o episódio, continuou trabalhando na Secretaria. No dia seguinte, ao encontrar com Sena no corredor da SJCDH, ele a teria ameaçado dizendo que o que tinha acontecido no dia anterior teria que ficar entre eles.

O Bocão News entrou em contato com a assessoria de imprensa da secretaria que não soube informar sobre a exoneração. Ao ser indagada sobre os compromissos públicos do secretário nesta sexta-feira,  disse que não podia dar informação porque a agenda estava bloqueada.

 

RELATOS DA SERVIDORA QUE DECLAROU O ASSÉDIO

 

O site Bocão News teve acesso, com exclusividade, a trechos da denúncia enviada ao Ministério Público da Bahia (MP) contra o secretário Almiro Sena, chefe da Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Estado da Bahia (SJCDH). O documento, que contém cinco páginas, traz relatos em 1ª pessoa, bem como, a transcrição do que a denunciante contou. 
 

No depoimento, uma das supostas vítimas relata a forma como Almiro teria praticado o assédio sexual e moral. "...,sendo chamada diversas vezes em seu gabinete, onde foi constrangida pelo então secretário da pasta em seu gabinete... lá este abraçava, abordava assuntos e atitudes íntimas de maneira continuada, aproveitando o gesto para encostar na perna da servidora seu órgão sexual, além de tentar beijá-la à força".

 

 
Ainda na denúncia, fora registrado que "apesar de muito nervosa com o ocorrido, a constrangida continuou trabalhando na secretaria. No dia seguinte, ao encontrar com o constrangedor no corredor da SJCDH, ele ameaçou dizendo: que o que tinha acontecido no dia anterior teria que ficar entre eles".
 
No outro depoimento, a susposta vítima descreve uma das formas de assédio que teria, segundo a denúncia, sido praticado pelo secretário Almiro Sena. Neste trecho, a denunciante afirma que uma funcionária também fora vítima do promotor e relata o momento em que o fato aconteceu. "Desde então passei por conta e risco a não atender os chamados do secretario para comparecer ao seu gabinete, ligações sempre feitas por sua secretária.., que convoca as vítimas sempre em tom ameaçador de que está em jogo a exoneração".
 
 
A seguir, a suposta vítima prossegue: "Tem sido muito vergonhoso assistir aos desmandos e assédios cometidos pelo secretário, que não respeita nem jovens nem idosas, tornando-se o pesadelo das mulheres que ele julga vulneráveis e não terão condições de denunciar. Principalmente, as que vêm buscar oportunidade de emprego, a exemplo da repórter....., que depois de atacada saiu afônica e aos prantos da sala do secretário".
 

Na manhã desta quarta-feira (29), o secretário, por meio de nota, afirmou que ; font-family: 'trebuchet ms', helvetica, sans-serif; font-size: 14px;">"são levianas e covardes. Só tenho a afirmar e reafirmar que jamais pratiquei, pratico ou praticarei atos desta natureza. Postulo a imediata apuração dos fatos para que a verdade prevaleça". LEIA AQUI A NOTA NA ÍNTEGRA.

1 comentários


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

01 de Jun de 2014 às 7:51

Avassalador
Segundo relatos da servidora, o tarado que também é promotor de justiça do estado da Bahia, ficava encostando o pau nas pernas dela. kkkkkkkkkkk TARADO DA ZORRA.


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )