Policial federal mata tenente do Exército | Blog Liberdade | Portal Militar

Blog Liberdade

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Nota de falecimento

Policial federal mata tenente do Exército

Publicado em 16 de Nov. de 2014


2684 Visualizações


 

 

Policial federal mata tenente do Exército

Uma discussão no trânsito no centro da cidade de Caxias, a 360 km de São Luís, terminou em morte na noite desde sábado (15). O crime envolveu um escrivão da Polícia Federal e um tenente do Exército.
De acordo com informações dos policiais do DP de Caxias, o segundo tenente do exército, José Ramos Correia Júnior, estava com o carro estacionado no meio da rua, impedindo a passagem de outros veículos. Bastante irritado com a atitude do militar, o escrivão Isnardo Francioli decidiu tomar satisfações, e assim os acabaram iniciando uma discussão.
Após várias ofensas entre ambos, Isnardo decidiu desferir um golpe no rosto do tenente, e sem que a vítima pudesse se defender ele acabou disparando um tiro de pistola na região do peito da vítima.
José Ramos ainda foi socorrido e encaminhado para o Hospital Geral, porém não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo a caminho do hospital. O escrivão foi preso em flagrante e levado para o 1º Distrito Policial, situado na região de Caxias. A Polícia Civil já iniciou o inquérito contra Isnardo Francioli.

13 comentários


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 10:39

Avassalador
É sempre assim, quando militares das FFAA como "in casu" se envolvem em situações que terminam em discussões com policiais, a tendencia é do militar das FFAA levar a pior, pois os militares das FFAA possuem melhor formação, com isso mais equilíbrio, já a maioria dos policiais agem com covardia e quase sempre sacam arma e atiram, pois alem de possuírem péssima formação, quase sempre são acobertados pelos superiores. Quero distância.

 

 
Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 10:41

Avassalador
Sou do tempo em que o Exrcito iria buscar o criminoso(marginal) seja l onde estivesse.


 

 
rjraposa comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 11:06

rjraposa
Se ns militares tivssemos direito ao porte de arma, a situao poderia ser diferente, pelo menos teramos chance de defesa , enquanto essa hipocrisia dos comandantes militares em no pedir ao governo a autorizao para os militares das Foras Armadas usarem armas, isso ser comum e como sempre ns militares levamos a pior. Eu duvido se exista algum general que no use arma, quando est s, ou com a famlia e sem segurana militar.

 

 
Carlos

16 de Nov. de 2014 às 11:07

Carlos
mesmo, provavelmente, o nobre oficial da FFAA achou que estava tratando com praa. Ai voc j viu, a PF no tem sangue de barata.

 

 
Jailson

16 de Nov. de 2014 às 11:16

Jailson
Falar que esta ou aquela instituio tem melhores agentes, mais equilibrados e com melhor formao, demonstrar no mnimo falta de conhecimento. O que foi divulgado talvez no retrate bem o que realmente ocorreu. Sabemos que as notcias divulgadas nem sempre retratam a realidade. De toda forma, analisando o que foi relatado, ambos demonstraram desequilbrio. Uma situao inicial de prepotncia de algum foi o estopim para o desencadeamento de aes desproporcionais. O fato que a estupidez de certas pessoas no distingue a sua origem profissional. H idiotas em todas as corporaes, e despreparados idem. No porque um tem formao militar e o outro formao civil, que qualifica um e desqualifica o outro. Certamente o agente PF tem que receber a devida punio por tirar a vida de outra pessoa, no importa quem seja. Digo tudo isso, considerando o que foi postado na matria da imprensa, pois repito, nem sempre o que divulgado a realidade!!!


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 10:44

Avassalador
Meus Pêsames á família enlutada. Força Terrestre. Avante...


Wagner

16 de Nov. de 2014 às 12:24

Wagner
Tem que pegar esse assassino e dar o troco!


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 13:16

Avassalador
Joílson eu tenho conhecimento do que digo e o acontecimento em apreço serve como prova inequívoca para o meu entendimento, pois nada justifica tirar a vida de alguém, não sou eu que digo é o dia a dia são os fatos.


Wagner

16 de Nov. de 2014 às 13:35

Wagner
O Carlos, larga xyzwhijp e frustrado profissionalmente e possivelmente, na vida pessoal, de falar xyzwhijp e atacar um cidadão que independente ser ele ser Oficial, foi assassinado. Gostaria de ver se fosse alguém da sua família. Seu mané!


Sidinei

16 de Nov. de 2014 às 14:11

Sidinei
Brasil em decomposição célula e anticorpos. resta saber se vai haver a aplicação de antibiótico.


Sidinei

16 de Nov. de 2014 às 13:59

Sidinei
O corpo Brasileiro em plena decomposição: institucional e moral.


Aluisiomaster

16 de Nov. de 2014 às 14:33

Aluisiomaster
Concordo em gênero número e grau com o comentário do Jailson - 16 de Nov. de 2014 às 11:16. Bom senso, coerência e equilíbrio, tornaram-se produtos extremamente escassos hoje em dia. Nenhuma Instituição é melhor ou pior do que outra, é sempre o material humano que faz a diferença, embora, saibamos disso, dificilmente damos o devido valor ao maior patrimônio de qualquer uma delas, em alguns casos priorizamos os muros, as árvores, os meios-fios e outras coisas mais aparentes. Aluisio Ribeiro Lucas


tropa comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 16:26

tropa
Se fosse o contrário estava o maior bafafá na imprensa em todo pais.


ciciclope comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 16:33

ciciclope
Ilustre Amigo, A Polícia Federal é desequilibrada não tem formação militar. Os pracinhas das FFAA sabem aguentar desaforos dos Oficiais, nem por isso mata ninguém. Devia aprender com os praças aguentar calado e descontar na família depois que volta do trabalho. Um Fraternal Abraço do Ir.`. Ciclope.


Orlando De Oliveira

16 de Nov. de 2014 às 12:49

Orlando De Oliveira
Com militar do Exercito reformado,meus respeitos e mesu sentimentos a toda familia do tenente assassinado covardemente,por um elemento mal preparado para andar armado,e,mais ainda,pertencendo a uma instituiçao como a ppolicia federal,isto mancha a instituiçao,pois,nos da um recado que seus elementos nao estao preparados como deveriam para com equilibrio agir sem ferir ou assassinar cidadaos indefesos.Este policial,eu duvido muito que aconteça,deveria ser expulso,preso junto a marginais da laia dele.Como nada devera acontecer pois,estamos,no brasil,e,ele e policia federal,nao vai dar em nada.Tem e que um membro da familia fazer o mesmo com ele,pois,justiça no brasil nao existe.Do jeito que ta a coisa,vamos ter que importar menbros do estado islamico para tocar o horror aqui e começar a colocar a casa em ordem,pois,ate agora nao apareceu ninguem com culhao para faze-lo.Selva.


tinoco comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 17:33

tinoco
Vamos ver qual será A atitude do Exército.


tinoco comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Nov. de 2014 às 17:33

tinoco
Vamos ver qual será A atitude do Exército.


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )