13 de Março de 1964. O Brasil Marcha contra o Comunismo! | Blog Marmosilva-Rio | Portal Militar

Blog Marmosilva-Rio

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Brasil

13 de Março de 1964. O Brasil Marcha contra o Comunismo!

Publicado em 12 de Mar de 2016


2127 Visualizações


 13 de Março de 2016: Democracia X Comunismo

13 de Março de 1964. O Brasil Marchava contra o Comunismo e pedia Intervenção Militar!

 

13 de Março de 2016: Democracia X Comunismo

 

A Mentira do PT, ao invés de perna, tem dedo Curto!

 

A História se repete e só muda os personagens.

 

 

Comício da Central, ou Comício das Reformas, foi um comício realizado no dia 13 de março de 1964 na cidade do Rio de Janeiro, na Praça da República, situada em frente à Estação da Central do Brasil. Cerca de 150 mil pessoas ali se reuniram sob a proteção de tropas do I Exército, unidades da Marinha e Polícia, para ouvir a palavra do Presidente da RepúblicaJoão Goulart, e do governador do Rio Grande do Sul Leonel Brizola. As bandeiras vermelhas que pediam a legalização do Partido Comunista Brasileiro e as faixas que exigiam a reforma agrária foram vistas pela televisão, causando arrepios nos meios conservadores.

Na ocasião, Jango assinou dois decretos, com toda a Soberania que a Constituição de 1946 o possibilitava. O primeiro deles era simbólico e consistia na desapropriação das refinarias de petróleo que ainda não estavam nas mãos da Petrobrás. O segundo - chamado decreto da SUPRA (Superintendência da Reforma Agrária) - declarava sujeitas a desapropriação propriedades subutilizadas, especificando a localização e a dimensão das que estariam sujeitas à medida. O presidente revelou também que estava em preparo à reforma urbana - um espantalho para a classe média temerosa de perder seus imóveis para os inquilinos - e propostas a serem encaminhadas ao Congresso, que previam mudanças nos impostos e concessão de voto aos analfabetos e aos quadros inferiores das Forças Armadas.

A eleição de 1945 é considerada a primeira democracia representativa ocorrida no Brasil, com um sistema de voto secreto fiscalizado pelo Poder Judiciário que elegia o presidente da República, deputados e senadores, foi pela primeira vez na historia do país que se construiu partidos políticos nacionais com programas ideológicos definidos, e que visavam o interesse da população, pois tantos os partidos da época do Império (1822-1889) como os das organizações estaduais da Primeira República (1889-1930) eram voltadas para a elite. O que dizer da democracia de hoje, com suas urnas eletrônicas, com seus universos partidários, e judiciário temerosos. Sobretudo, estamos vivendo os mesmos dilemas e Segundo o historiador Jorge Ferreira o período de 1946-64 foi desqualificado como experiência democrática, pois havia interesses de encobrir a atuação política dos atores sociais, marginalizando os esforços dos trabalhadores sindicais, dos camponeses em suas ligas e outros grupos que atuavam politicamente no período. Ferreira afirma que as direitas que tomaram o governo em 1964 utilizaram a prerrogativa de que o povo era ingênuo e destituído de cultura política, e infelizmente continuam do mesmo jeito, por outro lado, os setores da esquerda desmereceram a experiência democrática do período 46-64, ao afirmar sobre a manipulação da população brasileira por políticos reformistas (uma Corrente política no seio do movimento operário, tal como as de agora, que nega a necessidade da luta de classes sociais, a revolução socialista e a ditadura do proletariado ensaiada no Brasil da época e com continuidade no Brasil de hoje, é favorável à colaboração entre as classes e aspira converter o capitalismo numa sociedade de "prosperidade geral" com a ajuda das reformas aplicadas no marco da legalidade burguesa. Que hoje é representada pela casta de corruptores e corruptos, que Surgiu no último quarto do século XIX e se difundiu entre os partidos socialdemocratas. Em 1954, o Reformismo proclamou como sua doutrina oficial o "socialismo democrático", oposto ao "comunismo científico" e orientado a adaptar o capitalismo às novas condições históricas sem mudar a sua natureza, e isso o PT faz do Brasil um laboratório comuna fascistas.) e promove por meio dos sindicatos do ABC os sindicalistas pelegos. (Portanto, um sindicalista pelego é aquele que finge representar a classe operária, mas na verdade manipula essa massa em nome dos patrões, representando na verdade esses pelegos.).

Neste sentido, a crença do ideário direitista da época era da inexistência do cidadão ciente de seus direitos; enquanto para a esquerda os operários não estariam conscientes de seus verdadeiros interesses de classe. Outros setores que também ajudaram para a desqualificação do período (46-64) vieram da academia e da imprensa. Muitos intelectuais criaram no imaginário acadêmico brasileiro a noção de que a sociedade teria dificuldades em conviver com as instituições democráticas, os próprios historiadores brasileiros mantiveram distância do período, as dissertações de mestrado e teses de doutorado costumam se voltar para temas como escravidão, ou o regime militar, mas pouca atenção com este período, caracterizando-o geralmente, como populista. Esses lobbys socialistas criaram nas escolas e universidades uma cultura antidemocrática, antipatriótica, antiForças Armadas, antiética, antiValores Morais, antiFamília como célula Mater da Sociedade e antiCidadania plena e irrestrita. Defendendo Bolsas qualquer coisa e cotas para pobres e afrodescendentes, ao invés de garantir uma educação de qualidade independentemente de raça, cor, religião, riqueza e status-quo.

Um homem medíocre admira sempre mediocremente. Não tem modéstia, nem generosidade, nem magnanimidade. Está sempre pronto a tirar proveito da fraqueza e da dependência dos outros, sobretudo quando alcança o poder por meios escusos, nada convencionais ou persuasivos e pouco escrupulosos, usando marqueteiros ao invés de trabalhar em favor do povo que deveria representar.

O cidadão brasileiro do séc. XXI, é um herdeiro de todos os conhecimentos acumulados no passado, desfrutamos de grandes benefícios, devidos a grandes sacrifícios de esforços dos trabalharam e tributaram as próprias vidas acreditando em um país com justiça social e liberdade democrática, aonde a corrupção deveria ser tratada como crime hediondo, passivo de pena máxima e rigor das Leis. Esses mártires que trabalharam antes de nós, ao invés de receber os benefícios como os que desfrutamos agora, pagaram com os sacrifícios das suas próprias vidas, ou seja, morreram acreditando na democracia, que defende a liberdade do ser como cidadão e pode usar a sua liberdade de expressão, para dar ocasião à justiça desta república, a fim de construir e instituir uma sociedade que escolhe viver sobre a ética, moral, patriotismo, idealismo, civismo, que jamais foge a luta.

Somos privilegiados, pois nem mesmo os maiores Reis da história tiveram a oportunidade de tamanha liberdade de expressão, manifestação do pensamento, multiplicidade de ideias, acesso a informações diversas em tempo real, utilizando a tecnologia virtual, como a internet, por exemplo, tão temida por nossos algozes, como âncora da divulgação e organização dos manifestos e marchas em favor da moralização, contra a corrupção e toda forma de manipulação da manutenção dos ladrões de colarinhos brancos, que saqueiam o erário público debaixo de nossos narizes e ao arrepio das Leis desta nação.

Podemos triunfar se sairmos das nossas zonas de confortos a partir do dia 13 de Março, pois teremos maiores facilidades que os nossos pais e antepassados; podemos explorar uma voz como eco do passado pela experiência humana, como as marchas de Martin Luther King Jr, na luta pelos direitos civis dois afrodescendentes americanos nos anos 60. O Brasil também espera que cada um cumpra com o seu dever. O Brasil! Que já conhece alguns Slogans como AME ou DEIXE-O; Vocês eram Felizes e não Sabiam! Quem Poupa Lobos Sacrificam Ovelhas!; Eu não temo o Grito dos Maus, mas o Silêncio dos Bons!

A sua vontade uma vez firmada, é como uma bala veloz em pleno curso. Não pode voltar para o cano do seu Fuzil outra vez. Assim deve ser apoiada a operação lava jato, como um trem bala sem freio. Os que não querem viver energicamente, os que fogem à luta, são tratados pela natureza coo se não existissem de fato e de direito. Por que, a seleção natural não tolera indivíduos de segunda categoria, omissos e covardes. Logo serão abatidos ou serão feridos por seus algozes e inimigos. É preferível morrer com dignidade, lutando por um ideal, do que morrer como um covarde, sem valor ou permanecer à margem da sociedade e do mundo e vê-lo partir adiante sem esperança de viver e vê um novo Brasil liberto de seus algozes, sob sua ajuda e exercício da sua cidadania plena e irrestrita.

Aos cidadãos de bem deste país, digo que não importa a sua idade atual, adolescente, jovem, meia idade ou velho. Saiba que a sua idade é um estado da sua mente e seus ideais, seus interesses devem sempre estar voltados para o futuro e o bem comum, apontando e acreditando num amanhã, sempre melhor do que hoje. Se você quer é porque você pode! Creia que você pode mudar o Brasil, ou Luta ou perece. A vida só ama os fortes e destemidos, sorri apenas aos que não fogem e aceitam a luta e se preparam para a guerra. Estamos em guerra contra a corrupção e corruptos, é uma questão de honra, colocar todos eles atrás das grades. Cadeia para todos os ladrões e bandidos institucionalizados, que saqueiam o erário público, a educação, a saúde, a segurança pública, saqueiam as Forças Armadas e seus efetivos de forma aviltante e humilhante, saqueiam a mente do povo pela leniência e omissão, fomentada e subliminarmente por ilusão de marqueteiros que nos enganaram.

No Domingo é dia 13 uma data que marca a marcha da Família com Deus que em 1964 saiu às ruas deste país, para defender a democracia, e banir os comunistas e terroristas, pedindo a intervenção militar. Portanto, ou VOCÊ VAI ou ELA FICA!  VOCÊ SAI ou ELES FICAM! Na verdade, quem não raciocina é um petista ou comunista, pelo fanatismo; agora, quem não sabe raciocinar é um xyzwhijp e quem não ousa raciocinar é um escravo. Entre, hoje mesmo nessa luta pela liberdade e pelo restabelecimento da ordem pública, em defesa da liberdade democrática, da ética, da moralidade, da soberania nacional, dos valores cívicos das Forças Armadas, como guardião da CF/88 na garantia e manutenção das Leis e da ordem pública.

Vem pra rua, agora! Não espere que circunstâncias piores te arrastem pra rua e te faça mudar de rumo, antecipe os contratempos e prepare-se para sentir menos a depressão, humilhação e escravidão social, provocada pelo maior esquema de corrupção de que a história do planeta tem notícia. Uma sociedade não se transforma apenas por meio de Leis, pois estas, como de costumes e tradições são criadas por políticos corruptos e não por legisladores. As Leis nada são ou serão sem a luta dos ideais dos cidadãos de uma nação, ainda mais num país como o Brasil.

Para melhorar a forma de uma sociedade viver e se estabelecer, é necessário, antes de tudo, trabalhar sobre a educação política garantindo conhecimento, inteligência política e social aos seus cidadãos. Isso o regime militar garantiu com O.S.P.B e E.M.C. O Valor democrático e patriótico dos indivíduos era ensinado desde a infância até a idade adulta. Os líderes do PT podem ser mais espertos do que alguém ou muitos, mas jamais será mais esperto do que todos. Segundo Rui Barbosa, Jurista, republicano e democrata. Defendia que o princípio dos princípios é o respeito da consciência, o amor à verdade, dizia que a esperança é aquela atividade moral que nos motiva e nos desafia a vencer o mal. Sobretudo, porque, não precisamos deixar de sermos patriota, enaltecendo outros países, sem lutar para mudar o nosso. Portanto, não precisamos mudar de país, mas trabalhar para mudar o nosso país.

O que se promete e não se cumpre, é recebido como afronta pelo superior ou governante, porém, é recebido como injustiça pelos seus pares e como tirania pelo inferior ou subordinado, como povo, sendo assim, é mister que o governo atual tem sido tirano em todas as suas práticas mentirosas, é mentiroso, por isso é tirano e leviano. Insensível à miséria brasileira, por meio de uma crise política construída por um projeto paranoico, onde se busca o poder pelo poder. Sobretudo, lutamos contra um estado totalmente aparelhado, onde os magistrados não honram suas togas, segundo Rui Barbosa, não há tribunais, que basta para abrigar o direito quando o dever se ausenta da consciência dos magistrados, faltando consciência jurídica, se faz imperar a sensação de caos, anarquia e impunidade em todos os níveis institucionais, salvo raríssimas exceções como o ex- Ministro Joaquim Barbosa que denunciou do STF a sanha reformadora do comunismo petista e o atual Juiz Sérgio Moro no comando da operação lava jato que pela primeira vez fez o país vê ricos e políticos poderosos irem para a cadeia.

É impossível organizar-se uma sociedade com homens destituídos de sinceridade. Fazer acontecer é o desejo de exigir as coisas ao invés de simplesmente pedir com um pires na mão ou ficar a redor da mesa aguardando as migalhas das bolsas qualquer coisa, sempre feitas em detrimento da verdade, pois um homem pobre e que defende o pobre e a sua pobreza, não se contenta com a riqueza da ilicitude e dos favores ilícitos por força do cargo ou função. Um homem que sai dos rincões do sertão, que cresce nos palanques do ABC paulista e hoje, juntamente com seus filhos que assim como ele, do nada passa de assalariado para bilionário, não pode ser um ícone da pobreza deste país e muito menos uma referência para os pobres e oprimidos do país.

Toda a transação entre a mentira e a verdade é sempre a feita em detrimento da verdade, pois é o temor da verdade que dirige o mundo e governo o ser humano. A verdade ainda que de um pobre é mais rica, desejável e adorável, do que qualquer bilionário mentiroso, disfarçado de verdade, mas no fundo, no fundo não passa de um oportunista, bandido, ladrão, meliante, apedeuta, apátrida, insensível e indiferente.

Na verdade a esperança do povo brasileiro jamais venceu o medo dos corruptos e corruptores. O homem Sábio é o que sabe uma só verdade ao invés de hum milhão de mentiras, tudo no Brasil das duas últimas décadas estão na casa dos milhões e bilhões, vivemos no país das mentiras, dos mensalões, do petrolões, dos anões do orçamento e tantos outros pregões da mentira. Precisamos terminar essa limpeza o mais rápido possível, verdadeiramente somente um LAVA JATO para limpar toda mentira que inundou de lama o estado brasileiro.

A felicidade não é um prêmio e sim uma consequência. O sofrimento não é um castigo e sim um resultado negativo. Já dizia Rousseau que o trabalho é indispensável ao homem social rico ou pobre, todo cidadão preguiçoso e que nunca gostou de trabalho é um ladrão. Odiar os militares das Forças Armadas do Brasil ou de qualquer outro país ou nação é o mesmo que colocar fogo na própria casa para se livrar de um rato. O Brasil é a nossa casa guardada e defendida pelas Forças Armadas, então chame os militares para exterminar com os ratos desse país. Intervenção Militar ou  Impeachment . Já! Será que somos tão idiotas ao ponto de não conseguir fazer valer,  sequer a Lei Máxima desse país. Art 142 da CF/88 garante as Forças Armadas intervenção militar, para garantir as Leis e a Ordem interna no País. Sem mais, desejo um excelente Domingo à todos.

 

" Quem Poupa Lobos Sacrifica Ovelhas !"

 

Att. MARMOSILVA-RIO 

 

 

 

 

9 comentários


pixuleco comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

12 de Mar de 2016 às 11:34

pixuleco
Parabéns pelo texto. Posso copiar e repassar aos meus contatos de emails? Obrigado

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

12 de Mar de 2016 às 13:23

MARMOSILVA-RIO
Prezado Amigo. pixuleco. Boa Tarde! Gostaria de agradecer o seu comentrio e dizer que pode copiar e repassar para seus contatos, pois, fazendo assim, iremos destruir e desmontar todas mentiras e esquemas contra a nossa liberdade democrtica. Sem mais, desejo um timo Domingo e Vamos pra Rua Amanh gritar em alto e bom som. FORA PT. FORA DILMA- IMPEACHMENT J! Att. MARMOSILVA-RIO


Luiz Rosemberg Stuart

12 de Mar de 2016 às 15:37

Luiz Rosemberg Stuart
Existe uma vontade pontual da elite dominante no Brasil acolhida com bastante entusiasmo por hipócritas da classe média. Pobres e negros frequentando uma faculdade, por si só, já é um bom motivo para uma grande marcha contra o comunismo, a sombra do altíssimo. OSPB e Educação Moral e Cívica são matérias curriculares do M.O.B.R.A.L, obra intelectual grandiosa da ditadura. Que façamos a marcha da família com "deus", paguemos o dízimo ao "pastor " e entreguemos 70% (setenta por cento) dos nossos soldos ao I Exército de 1964, guardião da moral e do civismo das Entidades Consignatárias do Brasil. Entende? Finalizando, gostaria que o nobre fanático blogueiro enumerasse quantos membros da sua família puderam cursar uma universidade, na época do OSPB E da EMC; E quantos cursam hoje, o ensino superior da época da filosofia e Sociologia?

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 2:00

MARMOSILVA-RIO
Quem pensa pouco, erra muito! Dentro de um silogismo, gostaria de fundamentar alguns pontos deste breve debate, usando a lgica da hermenutica, para me defender sobre o termo : Quanto ao nobre blogueiro fantico, e quantos membros da minha famlia puderam cursar uma universidade nos tempos de MOBRAL ou das disciplinas de O.S.P.B e E.M.C exigidas pelo regime militar. Antes de qualquer coisa gostaria de me apresentar como Bacharel em teologia e em Direito e aproveitar para lembrar que a Marcha da Famlia com Deus, um fato histrico, alm de poltico, que jamais foi ou ensinado nas escolas dos governos ps regime militar. Sobretudo, possuo todos os meus filhos com graduaes em universidades como a UFRJ. A minha primeira Premissa defender que o meu blog teve a inteno de compartilhar a historicidade de 1946-1964 e abrir o debate para fazermos uma leitura dinmica, cronolgica e contempornea, exigindo que cada um de ns recorramos ao passado, para entender o presente e mudar o nosso futuro. Cursei os primeiros trs perodos de Direito me defendendo de professores comunistas e fanticos por um PT fundamentalista e com ojeriza as Foras Armadas e seus pares. Quando voc obrigado a responder o que mentira, a fim de ser aprovado em uma prova de graduao de Direito, onde a disciplina sociologia e antropologia , verdadeiramente e o fim da razo, e , eu ainda prefiro a verdade ensinada pelos professores de O.S.P.B, que nos faziam cientes do que Sistema , Regime e Forma de Governo em uma democracia plena . Hoje! Ouvir comunistas de carteirinha falar em defesa da democracia, quando ele alm de marxista e leninista, foi terrorista e fez de tudo para chegar ao poder e destituir a democracia , de fato uma grande piada e uma afronta a nossa inteligncia poltica. Meu caro amigo, creio que no preciso enumerar quantos da minha famlia cursou uma universidade nesse perodo, mas posso lhe garantir que todos foram patriotas em vida e ainda so os que ainda esto vivos. Sou filho de Pai analfabeto, que sabia cantar o hino nacional, o da bandeira, o do soldado e parava com as mos no peito diante do pavilho nacional em reverncia ao hino nacional. mas que trabalhou duro a vida inteira, para que todos os seus filhos pudessem estudar e se graduar. No se aprende dignidade e patriotismo em universidades, isso deve ser ensinado no seio da famlia, desde a tenra idade, faz parte da essncia da nica educao que forma e sustenta um cidado de bem, como membro e parte de uma sociedade justa e consciente de seus papis : cvico, poltico e militar, porque, no existe sociedade livre, sem Foras Armadas de dissuaso. Todas essas atribuies esto de uma forma ou de outra intrnseca e inseridas no seio familiar como sua clula mater. O respeito a Ptria , por meio de sua bandeira, cores e smbolos, trs em seu bojo o civismo. O respeito a hierarquia do ptrio poder advindo dos Pais, pela disciplina dos valores ticos e morais estabelece uma educao e filosofia poltica de qualidade, porque, a cincia poltica inerente e natural do ser humano, pois, sem o uso da poltica na sociabilizao do ser humano como pessoa, seria impossvel a vida em sociedade, ele seria como um alienado mental. O homem um ser socivel, e a necessidade de nos mantermos unidos a outros seres humanos no um mero capricho ou vontade do acaso como desejo individual, na verdade uma questo de sobrevivncia da prpria espcie orientada pelo instinto animal e referendada pela razo por sermos uma animal racional, o que nos faz diferente de todos os demais seres viventes que tambm vivem em sociedade por instintos de sobrevivncia e perpetuao da espcie. Com ou sem razo o homem moderno ainda o maior predador da prpria espcie e do meio biolgico em que vive, muitas das extines do reino animal se deve a atuao predadora e ambiciosa do cidado moderno em sociedade, sempre haver a necessidade de relacionamento e os outros sempre se relacionam, e as necessidades sociais vo sendo estabelecidas. Elogiamos e somos elogiados; compreendemos e somos compreendidos; amamos e somos amados; vemos e somos vistos; valorizamos e somos valorizados. At as frustraes so mtuas: rejeitamos e somos rejeitados; causamos dor no outro e ele em ns; discriminamos e somos discriminados. O certo que para o bem e para o mal, querendo ou no, o outro parte de nossa vida e nossa vida parte do outro. ser humano viver e conviver com a diferena dos outros, ser diferente natural, agora fazer a diferena racional. Nos tempos ureos da filosofia grega a justia e todas as demais virtudes ticas eram polticas e sociais, o que denota uma certa inseparabilidade entre a tica e poltica, ou seja, est relacionado entre a conduta do indivduo e os valores da sociedade em que ele est inserido, porque, somos parte de um todo: Ler mais: http://www.portalconscienciapolitica.com.br/products/filosofia-etica-e-sociedade/. At podemos ser analfabetos polticos, mas permanecer e morrer como analfabetos polticos, isso inaceitvel em uma sociedade moderna, onde a informao democrtica e acontece em tempo real com relao aos fatos, acontecimentos pblicos e sociais. Que nos norteiam em nosso cotidiano. Sem mais, deixo as minhas parcas palavras como reflexo e continuidade do debate, e espero que exista lgica em minhas assertivas, diante de suas afirmativas e inferncias. Respeitando as suas colocaes e opinies formatadas em palavras, aproveito para agradecer o amigo, porque, no contraditrio que sabemos se estamos civilizados e politizados. Um analfabeto poltico se orgulha em afirmar que poltica no se discute, quando na verdade ele desconhece que cada centmetro de terra e cada centavo de seu patrimnio e renda decorre de decises de polticos e polticas que ele desconhece e jamais busca saber o, porque, de tantos vigaristas e bandidos de colarinhos branco que deveriam estar na cadeia, ao invs de representa-lo, isto por roubar o seu acesso a segurana, sade e educao pblica, por no saber escolher seus representantes para administrar com capacidade, funcionalidade, moralidade e tica , aquilo que ele entrega ao errio pblico como tributo e voto de confiana nas urnas, mesmo eletrnica. Deveramos estar fartos de sermos inocentes teis ou asnos motivados, so tantos os codinomes que o cidado brasileiro recebe por sua lenincia e omisso que j virou chacota internacional. O Brasil passou a ser exemplo negativo do que no se deve fazer como cidado, poltico e governante. Vale lembrar que a Grcia Antiga o bero da Democracia (governo do povo) e, pela primeira vez, os cidados poderiam participar diretamente da coisa pblica (res pblica). Assim surge a Poltica como filosofia e cincia. Ento podemos definir que ser um ignorante poltico to perigoso quanto um poltico corrupto e corruptor, a corrupo o reflexo dessa lenincia, omisso e desarmonia, e no utopia afirmar que essa desejada harmonia entre a filosofia e cincia poltica, s possvel por meio de um trabalho de filantropia e democracia. Um ignorante poltico no pode participar diretamente da coisa pblica, ele est fora da repblica, logo um estado aparelhado e totalitrio, torna-se um tirano, uma cortina de ferro, uma perestroika do sculo XXI, uma ditadura do proletariado, e isso tirania, que o oposto de democracia e repblica. O prncipe de Maquivel como governante deve buscar o sucesso sem se preocupar com os meios. Com Maquiavel surgiram os primeiros contornos da doutrina da razo de estado, segundo a qual a segurana do estado tem tal importncia que, para garanti-la, o governante pode violar qualquer norma jurdica, moral, poltica e econmica. Em 1937 a Teoria Crtica surgiu tendo como horizonte a ideia de transformao e emancipao. Com a publicao da obra Dialtica do Esclarecimento (1947) este diagnstico se tornou bastante sombrio, com uma mudana estrutural do Capitalismo adquirindo um modelo de capitalismo de Estado ou capitalismo administrado (para usar a expresso presente na Dialtica do Esclarecimento). diante desse quadro que o pensamento de Habermas, discpulo de Adorno, vai se propor a redefinir os papis da teoria crtica (PINTO, 2008, p. 75), indo na contramo da Dialtica do Esclarecimento, quer dizer, criticando o diagnstico desta obra e retomando, sob muitos aspectos, o modelo crtico anterior, mas renovando seu pensamento (NOBRE, 2004). Habermas no aceita o pessimismo presente na Dialtica do Esclarecimento e entende que uma teoria crtica da sociedade no pode mais ser formulada exclusivamente em termos de uma crtica da economia poltica [6]. Habermas reconhece que a percepo do mundo contemporneo desses filsofos [Horkheimer e Adorno] carregada de uma forte descrena na possibilidade de vitria do humanismo, sobretudo porque partem de suas experincias com as formas de irracionalidade que desenvolveram a partir da guerra e do fascismo, como exemplos das patologias socioculturais e do ambiente de profundas crises da civilizao ocidental (PINTO, 2008 p. 75). Habermas toma como ponto de partida a constatao de que o Capitalismo passou a ser regulado pelo Estado o que neutralizou a previso pessimista e marxista de um colapso interno do capitalismo, seja em razo da queda tendencial da taxa de lucro, seja em razo da organizao do proletariado contra a dominao do capital (NOBRE, 2004). E mesmo esta constatao estando presente no diagnstico formulado por Horkheimer e Adorno, isso no significa dizer que as oportunidades de uma emancipao possvel tenham sido estruturalmente bloqueadas, mas sim que necessrio repensar a ideia de emancipao da sociedade como pretende a Teoria Crtica. A proposta de Habermas repensar a possibilidade e emancipao presente nos mecanismos de participao do Estado democrtico de direito, que se tornou seu principal objeto de investigao a partir da dcada de 1990, formulando um novo conceito de racionalidade, diferente daquela j apontada na Dialtica do Esclarecimento, que a racionalidade instrumental. De modo geral Honneth, fundamentando sua viso no conceito de reconhecimento do jovem Hegel, destaca que os conflitos no so apenas produzidos pela lgica da auto conservao dos indivduos, como em Thomas Hobbes, mas acredita que esta insero se d por meio de uma luta por reconhecimento intersubjetivo cujas formas so: o amor (mbito privado e reservado ), o direito (relaes jurdicas entre o povo como cidado comum e os magistrados via seus advogados) e a solidariedade (relaes sociais, por meio da famlia tradicional, com as escolas, universidades, associaes, sindicatos, igrejas e comunidades). A auto realizao do indivduo deve se dar nessas trs esferas e as tenses sociais e os conflitos morais se do nessa esfera intersubjetiva de reconhecimento. Um governante tico, moralista e inteligente deve dirigir uma nao igual ou melhor do que a sua prpria casa, ter seus eleitores como seus prprios filhos, am-los e respeit-los incondicionalmente. Uma relao de Pai, Me e filhos(as), Pastor e ovelhas, Mestre e discpulos, Professo e Alunos, Mdico e Pacientes, parece meio estranho, mas o que enxergamos dentro de um prisma antagnico da escola de Frankfurt como Instituto de Pesquisa Social do ps guerra. Existe uma correlao com o capitalismo de estado e o proletariado de Marx, na verdade o que vivenciamos no Brasil um comunismo se valendo do Capitalismo de Estado controlado pelo corruptor e corrupo, e esses agentes e personagens se dizem democratas e fingem governar para o povo. Em contrapartida, tomam o estado democrtico de direito de assalto e por meio de prticas maquiavlicas, esses polticos elegem um colegiado jurdico para que possam conseguir aprovar seus feitos comunistas, totalitrios e tiranos, so os eles como os prncipes de Nicolau Maquivel que hoje, no Brasil rompem com qualquer norma jurdica, a fim de fazer valer suas vontades e projetos de poder pelo poder, como esto dentro de um regime democrtico, um sistema presidencialista e uma forma republicana de governo, aps essa reflexo, preciso emancipar totalmente o povo e torn-lo alienado e ignorante poltico, para que ele no exerce o seu direito de cidado republicano, participando diretamente da coisa pblica. Sem mais, um forte abrao e espero que amanh ou logo mais, 13 de Maro possamos estar nas ruas e compartilhar da nossa indignao com os demais cidados de bem que no suporta mais esse lamaal de corrupo e roubalheira que se tornou corriqueira e comum em nossa sociedade poltica e democrtica. A Repblica Federativa do Brasil, pertence a cada um de ns. O PT no o dono do Brasil e to pouco descobriu essa nao para se intitular libertador e salvador da Ptria, nem a Ptria eles demonstram pertencer saqueando suas riquezas e de seu povo. O Capitalismo uma herana da reforma protestante com sua Liberdade e Moral Judaica Crist ! Podemos abrir esse debate e fech-lo com o apoio da resenha do socilogo Max Weber sob o ttulo de: A tica Protestante e o Esprito do Capitalismo. Contudo, com o advento do protestantismo, a doutrina e portanto, a cultura catlica modificou-se, e a salvao passou a ser para alguns, no mais passvel de ser conquistada, mas sim uma providncia divina, onde o trabalho era meio crucial para glorificar-se. Para o protestante, o trabalho enobrece o homem, o dignifica diante de Deus, pois parte de uma rotina que d s costas ao pecado. Durante o perodo em que trabalha, o indivduo no encontra tempo de contrariar as regras divinas: no pratica excessos, no cede luxria, no se d a preguia: no h como fugir das finalidades celestiais. E, complementando toda a doutrina protestante, ainda crucial pontuar que nesta religio no h espao para sociabilidade mundana, pois todo o prazer que se pe a parte da subservincia a Deus, fora considerado errado e abominvel. Assim, restava a quem acreditava nestas premissas, o trabalho e a acumulao, j que as horas estendidas na produo excediam as necessidades destes religiosos, gerando o lucro. Portanto, quando se fala em uma concepo tradicional de trabalho, trata-se da concepo catlica, que no acumulava e pensava o trabalho como meio de garantir subsistncia. J a concepo que v o trabalho como fim absoluto, a protestante, que enxerga no emprego de esforos produtivos a finalidade da prpria existncia humana, interligada com os propsitos providenciais de Deus. Esta mudana no comportamento social, alm do choque de culturas exposto nos pargrafos acima, suscita uma abrupta mudana no cenrio econmico. Isso decorre do seguinte ciclo: O catlico trabalha para viver, o protestante vive para trabalhar. O protestante gera excedente, e o acumula, investindo-o em cadernetas de poupana, gerando lucro. A finalidade protestante salvar-se, e se o trabalho salvador, empregar outros auxilia na salvao alheia. Logo, o protestante dono dos meios de produo, detm os funcionrios e acumula cada dia mais excedentes, gerando mais capital. E assim, a gnese do capitalismo moderno concebida. O Contrrio o proletariado que no precisa das Leis, pois, as usam em benefcio prprio, no precisa trabalhar e produzir nada , apenas pelo uso da fora do Estado aparelhado, se apossar da riqueza alheia e que conhecemos como setor privado. Conclui-se, portanto, que a cultura segundo Weber, um modo de ser que detm as prticas ao ser modificada, gera novos costumes, um comportamento inusitado, que embora no tivesse como objetivo estabelecer uma nova ordem econmica, poltica e social e sim tica e moral, passou a sustentar a essncia do sistema capitalista atual, que mesmo sendo mau utilizado, ainda a melhor forma de gerar riquezas para si e para outrem. Este ciclo s deveria obedecer as regras crists, onde a obedincia e referncia a um Deus tico, Moral , reto, justo e amoroso, por si s nos ensina a ter tica, moral, retido, o amor ao prximo, como a ns mesmos. O Capitalismo para funcionar, precisa estar um tanto quanto afastado do Estado, se o Estado se apossa do capitalismo, passamos a ter o comunismo disfarado de capitalismo e democracia. Sem mais, um forte abrao e obrigado pela oportunidade do debate, espero estar agregando algum valor literrio ao amigo e estou sempre aberto a novas idias e reflexes. Todo homem trabalhador tem sempre uma oportunidade. A TOTALIDADE DAS COISAS CONSEQUNCIA DA INCESSANTE CONJUNO DO VERBO. ( FAZER)! 13 DE MARO DE 2016. O DIA DE FAZER ACONTECER! Att. MARMOSILVA-RIO


Josef Stalin

12 de Mar de 2016 às 17:57

Josef Stalin
" É melhor ir longe demais, a que não ir o suficiente" Stalin


Vernica

12 de Mar de 2016 às 18:59

Vernica
Senhor Marrom; Boa tarde! Gostaria de lhe convidar para uma profunda hermenêutica e escatológica reflexão no sentido de que se Jesus Cristo tivesse desembargado no Brasil de 1964 ele seria severamente torturado, o que os romanos fizeram com jesus cristo em 33 D.C pareceria trote de universitários, diante da brutalidade da Ditadura, ora defendida pela sua excrescência. Verônica - figura bíblica apócrifa, com hemorragia, e curada pelo seu Jesus, presenteada com a face de cristo, como você, com as minhas palavras e ensinamentos. Verônica : Veros= verdadeiro; Íconos= figura, representação


Bernardo Alves Dinamarco

13 de Mar de 2016 às 0:11

Bernardo Alves Dinamarco
Marmosilva, você esta certo em muitos aspectos. Entretanto não acho que PT, PCB ou PCdoB sejam responsáveis pela situação crítica vivenciada no Brasil. Antes de existir PT os brasileiros já padeciam sob a ganância dos corruptos/corruptores. O PCB e PCdoB jamais assumiram a presidência da república. Quanto às bolsas isto e aquilo, verifiquei que as chamadas "bolsas crack" foram criadas por dois governadores do PSDB, em São Paulo e Minas Gerais. E com valores de R$900,00 e R$1.300,00, muito acima do bolsa família e bolsa escola. E as FFAA não conseguirão acabar com as ratazanas que existem no Brasil, pois elas possuem ninhos também dentro dos quartéis. Aliás, no regime militar que o senhor Paulo Maluf foi levado a prefeito biônico de São Paulo. Você já deve ter ouvido a respeito desta figura.

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 2:07

MARMOSILVA-RIO
A Minha resposta ao amigo acima j faz eco com a sua opinio que eu sou obrigado a concordar, e ainda vou endossar o seguinte comentrio. O PSDB foi muito mais leviano e malfico contra os militares e Foras Armadas por meio da nova LRM 2215 que tirou o escalonamento e todas as demais vantagens, isso sem contar que estamos por conta desta separao do funcionalismo pblico federal sem reajuste a mais de 13 anos. Obrigado ! Pelo comentrio, isso faz o portal militar se reerguer e voltar a ser como a cinco anos atrs. Entende? Perdemos excelentes mentes e blogueiros por falta de valorizao do pensamento e do debate por conta da direo do portal. Att. MARMOSILVA-RIO


Sergio

13 de Mar de 2016 às 19:16

Sergio
Confesso que fiquei curioso em saber quantos membros da família do blogueiro frequentava uma universidade durante a existência da EMC e do OSPB e quantos frequentam hoje, na era do Sociologia e Filosofia. O blogueiro encheu bastante linguiça mais não respondeu a pergunta feita outrora.

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 22:09

MARMOSILVA-RIO
Prezado Srgio. Boa Noite! Gostaria de dizer que esse debate no para saber quantos membros de uma famlia cursava um curso superior de graduao no perodo de E.M.C e O.S.P.B . Sem hipocrisia, estamos discutindo aqui cidadania e patriotismo com defesa dos valores ticos e morais, sobretudo, continuo defendendo que isso no se aprende estudando sociologia e filosofia em universidades. Possuo duas graduaes, uma em teologia e outra em Direito e as universidades ps regime militar esto fazendo lavagem cerebral, em apologia ao comunismo, em detrimento e desmoralizao das Foras Armadas, existe uma mensagem subliminar em torno destas disciplinas. Portanto, poderia me dizer qual era a mdia carcerria da poca, o nmero de divrcios e dissolues da famlia, a quantidade de faces do crime organizado, a violncia urbana suprimindo o direito de ir e vir com segurana, a qualidade do ensino, j que hoje os alunos saem das escolas sem ao menos saber as quatro operaes e o que significa das estrelas, das palavras ordem e progresso da bandeira do seu pas, isso sem falar que sequer sabem o significado de Repblica, Democracia e Presidencialismo, mas com 16 anos so obrigados a votar como ignorantes polticos, porque, no existe disciplina neste pas para politizar o cidado de bem, ensinando-os cincias e filosofias polticas. So discrepncias desta natureza que estou defendendo nesse Blog. Mas aceito a opinio contrria, sem abrir mo de minhas razes, de que apenas graduaes em universidades no constri uma sociedade justa, igualitria e consciente de seu papel cvico. Destarte que um cidado j deve chegar a uma universidade totalmente educado, polido e com todos os valores ticos e morais desenvolvido no dia a dia do seio familiar, onde ele faz parte, isso papel dos pais, quando em famlia, e no do Estado como Repblica. O papel do Estado garantir a educao pblica, dando aos pas o entendimento bsico e a formao adequada cobrando resultados positivos, mas como no governo atual, at o conceito de famlia passa por uma crise de identidade sem precedentes. Na verdade so as prprias universidades que defendem a homofobia como liberdade de escolha em detrimento da essncia familiar, criada por Deus como Macho e Fmea. Dentro das universidades, somos obrigados a responder muitas coisas que no concordamos e que afronta princpios e valores ticos e morais. S gostaria de lembrar que a gerao que possui a mdia carcerria de: Menores infratores que representam 17,4% da populao carcerria do pas. Do total de 345 mil menores infratores e adultos criminosos no Brasil, 17,4% so crianas e adolescentes com menos de 18 anos que esto internados em estabelecimentos de correo ou cumprindo medidas em regime de liberdade assistida. Essa gerao ainda no ingressou em universidades, a gerao ps regime militar. Que so instrudas por professores que acabaram de se formar nas universidades. a gerao do PT, da informao fcil e disponvel, dos feedbacks, do CTRL C: e CTRL V: . Toda a nossa vida depende das pessoas com quem convivemos familiarmente, porque, mais sbio quem sabe uma s verdade do que quem sabe um milho de mentiras. O que aprendemos em poltica no Brasil que os homens que tm os mesmos vcios, apoiam-se mutuamente, isso o que eu chamo de foro privilegiado para certos cargos pblicos em nosso pas. Jamais teremos ERGA OMNES, enquanto no lutarmos por uma reforma poltica e judiciria, ampla e irrestrita. Sem mais, um forte abrao e fique com Deus e obrigado pela oportunidade do debate. .

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 22:41

MARMOSILVA-RIO
Prezado Srgio. Boa Noite! Gostaria de dizer que esse debate no para saber quantos membros de uma famlia cursava um curso superior de graduao no perodo de E.M.C e O.S.P.B . Sem hipocrisia, estamos discutindo aqui cidadania e patriotismo com defesa dos valores ticos e morais, sobretudo, continuo defendendo que isso no se aprende estudando sociologia e filosofia em universidades. Possuo duas graduaes, uma em teologia e outra em Direito e as universidades ps regime militar esto fazendo lavagem cerebral, em apologia ao comunismo, em detrimento e desmoralizao das Foras Armadas, existe uma mensagem subliminar em torno destas disciplinas. Portanto, poderia me dizer qual era a mdia carcerria da poca, o nmero de divrcios e dissolues da famlia, a quantidade de faces do crime organizado, a violncia urbana suprimindo o direito de ir e vir com segurana, a qualidade do ensino, j que hoje os alunos saem das escolas sem ao menos saber as quatro operaes e o que significa das estrelas, das palavras ordem e progresso da bandeira do seu pas, isso sem falar que sequer sabem o significado de Repblica, Democracia e Presidencialismo, mas com 16 anos so obrigados a votar como ignorantes polticos, porque, no existe disciplina neste pas para politizar o cidado de bem, ensinando-os cincias e filosofias polticas. So discrepncias desta natureza que estou defendendo nesse Blog. Mas aceito a opinio contrria, sem abrir mo de minhas razes, de que apenas graduaes em universidades no constri uma sociedade justa, igualitria e consciente de seu papel cvico. Destarte que um cidado j deve chegar a uma universidade totalmente educado, polido e com todos os valores ticos e morais desenvolvido no dia a dia do seio familiar, onde ele faz parte, isso papel dos pais, quando em famlia, e no do Estado como Repblica. O papel do Estado garantir a educao pblica, dando aos pas o entendimento bsico e a formao adequada cobrando resultados positivos, mas como no governo atual, at o conceito de famlia passa por uma crise de identidade sem precedentes. Na verdade so as prprias universidades que defendem a homofobia como liberdade de escolha em detrimento da essncia familiar, criada por Deus como Macho e Fmea. Dentro das universidades, somos obrigados a responder muitas coisas que no concordamos e que afronta princpios e valores ticos e morais. S gostaria de lembrar que a gerao que possui a mdia carcerria de: Menores infratores que representam 17,4% da populao carcerria do pas. Do total de 345 mil menores infratores e adultos criminosos no Brasil, 17,4% so crianas e adolescentes com menos de 18 anos que esto internados em estabelecimentos de correo ou cumprindo medidas em regime de liberdade assistida. Essa gerao ainda no ingressou em universidades, a gerao ps regime militar. Que so instrudas por professores que acabaram de se formar nas universidades. a gerao do PT, da informao fcil e disponvel, dos feedbacks, do CTRL C: e CTRL V: . Toda a nossa vida depende das pessoas com quem convivemos familiarmente, porque, mais sbio quem sabe uma s verdade do que quem sabe um milho de mentiras. O que aprendemos em poltica no Brasil que os homens que tm os mesmos vcios, apoiam-se mutuamente, isso o que eu chamo de foro privilegiado para certos cargos pblicos em nosso pas. Jamais teremos ERGA OMNES, enquanto no lutarmos por uma reforma poltica e judiciria, ampla e irrestrita. Sem mais, um forte abrao e fique com Deus e obrigado pela oportunidade do debate. .


estevamevd comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 22:39

estevamevd
Os usurpadores do Poder e parasitas da nação, sabem também como no jogo de xadrez, realizar os dez lances. Na iminência de seu barco afundar, estão planejando a implantação do Parlamentarismo, para continuar, com o objetivo de fomentar o Foro de São Paulo e assim todos escaparem, lá na frente, das garras da Justiça bem orquestrada pelo Dr. Sérgio Moro. Essa será uma estratégia sutil contra a soberania nacional e acabar de vez com a Democracia Republicana no Brasil. Aplicação do conceito de Maquiavel.

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Mar de 2016 às 23:55

MARMOSILVA-RIO
Meu caro amigo. Boa Noite! Gostaria de dizer que mesmo com a inteno maquiavlica dos polticos ignorantes do Brasil, os cidados e eleitores ignorantes certamente no enxergaro a manobra, mas certamente os poucos polticos cultos e que conhecem e dominam as cincias e filosofias polticas jamais permitiram tal afronta a nossa inteligncia, comeando pela prpria Foras Armadas que acompanha todo esse cenrio passo a passo. Vivemos a sndrome de O PRNCIPE DE MAQUIVEL. que para conquistar o poder pelo poder desrespeita todas e quaisquer normas jurdicas, mesmo sendo elas clusulas ptreas da Carta Magna, com suas interminveis emendas constitucionais. O Brasileiro por desconhecer a cincia, a filosofia e o jogo poltico, vai empurrando com a barriga e trocando a cobrana de seus direitos civis e de cidado, ora pela absteno do voto, ora pela manifestao em massa como a de hoje, pela farra do carnaval e do futebol. Sem mais, um forte abrao e a sua advertncia, quanto a implantao na surdina do parlamentarismo elucidativa e oportuna, mas algo que deveremos discutir e debater, porque, no momento atual, ns no temos nada que possamos chamar de sistema , regime e forma de governo, na verdade somos conduzidos por uma quadrilha de bandidos e ladres de colarinho branco, que saqueiam o errio pblico sem qualquer temor e debaixo de nossos narizes. Att. MARMOSILVA-RIO


Adbrasil

13 de Mar de 2016 às 23:08

Adbrasil
Sr. Marmosilva, parabéns pelos seus comentários e brilhantes resposta. Um não entende nada de política e outra não entende nada de religião. Forte abraço.

 

 
MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

14 de Mar de 2016 às 0:41

MARMOSILVA-RIO
Prezado Amigo AdBrasil. Boa Noite! Antes de mais nada gostaria de agradecer a sua interveno apologtica em meu favor, pois nos dedicamos ao portal militar e damos a cara a tapa, quando expomos nossas opinies e reflexes, ocorre que as vezes precisamos defender nossas idias e pensamentos como fiz no dia de hoje, e nos sentimos lisonjeados com palavras e comentrios como as do amigo. Isso no s para mim, mas para qualquer outro blogueiro uma injeo de nimo e um reconhecimento de um trabalho que desenvolvemos a anos, numa verdadeira guerra com vrias batalhas travadas em defesa da classe militar das Foras Armadas, mesmo sabendo que alguns blogueiros daqui so como melancia, verde por fora e vermelho por dentro. Sem mais, meus sinceros agradecimentos e segue nessa sua fora, pois Deus contigo e conosco tambm, venceremos essa guerra, eu creio " Quem poupa lobos, sacrifica ovelhas ! " Att. MARMOSILVA-RIO


Bernardo Alves Dinamarco

14 de Mar de 2016 às 7:46

Bernardo Alves Dinamarco
Não quero imaginar como ficaria o Brasil, no sistema parlamentarista, com pessoas como Eduardo Cunha e Renan Calheiros presidindo a Câmara dos Deputados e o Senado . Teríamos uma troca semanal de Primeiros Ministros, e acabaríamos em pior situação do que aquela vivida pela Grécia. Poderíamos criar um parlamentarismo particular, com um poder moderador, internacional - por exemplo a ONU - que pudesse cassar o mandato das quadrilhas porventura instaladas no Congresso Nacional, Assembleias estaduais e Câmaras de vereadores. Jornais noticiaram que em 2015 os vereadores da cidade de Nova Lima, MG, gastaram cerca de vinte milhões de reais, o que representaria mais de dois milhões de reais com cada um dos nove vereadores. Em uma outra cidade, todos os vereadores foram presos por corrupção. Dai não tem dinheiro para saúde, educação, ou para contratar pessoal para combater o mosquito da dengue. Tem que chamar o Exército, Marinha e Aeronáutica. O Oswaldo Cruz e o Butantã precisam descobrir uma vacina para peste da corrupção que ataca as figuras públicas brasileiras, em qualquer dos três poderes. Para enganar os eleitores, distribuem gratuitamente abadas verde/amarelo e levam para as avenidas os trios elétricos. Ouvi dizer que em SP também houve, em certos lugares, transporte gratuito e distribuição de pão de queijo e garapa. Será? Só perguntando ao Aécio, Alckmin, Bolsonaro e Feliciano.


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )