Reestruturação Salarial das Forças Armadas Para 2017 | Blog Paranaense | Portal Militar

Blog Paranaense

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Salrio dos Militares

Reestruturação Salarial das Forças Armadas Para 2017

Publicado em 15 de Jan. de 2017


78305 Visualizações


 

Auxílio MORADIA e mais alterações no Salário dos MILITARES das Forças Armadas para 2017

 

Auxílio MORADIA e alterações no Salário dos MILITARES das Forças Armadas para 2017

Militares das Forças Aramadas estão atentos e espera-se que ainda nas próximas semanas sejam anunciadas modificações no que diz respeito aos limites de idade para a transferência para a reserva remunerada.

Os próprios comandantes militares teriam condicionado a aceitação de midificação nos limites de idade à reestruturação renumeratória dos militares das Forças Armadas. No final de 2016 o próprio MINISTRO da DEFESA (Veja o vídeo) informou que modificações devem ser implementadas em breve.

Jungmann disse: “… há compromisso do Presidente da República de que a defasagem deve ser objeto de um projeto que reveja as carreiras militares. No devido momento será trazido ao conhecimento do congresso nacional uma proposta que envolve exatamente essa defasagem. Um general no topo está ganhando um salário líquido de 13 mil reais. Esse é o salário inicial de muitas das carreiras de estado. Isso é algo que foi construído em cima da disciplina e do compromisso”.

Algumas propostas para reestruturação remuneratória dos militares das Forças Armadas – ainda em fase de elaboração – vazaram para as redes sociais e, embora a mídia não as tenha obtido de forma oficial, a Revista Sociedade Militar disponibiliza abaixo algumas imagens recebidas de informantes confiáveis. Ressaltamos que as imagens e tabela seriam propostas dos comandos para elaboração de Medida provisória e que acredita-se que o governo deve esperar momento oportuno, com menor potencial de desgante político com a divulgação das alterações a ser implementadas

 

 

 

Fonte: Sociedade Militar

 

56 comentários


paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

15 de Jan. de 2017 às 18:09

paranaense
Em tempo: O cálculo do auxilio moradia para todos os postos e graduações é sobre o soldo de Gen Ex......R$ 12.076,00.


Jaqueline

15 de Jan. de 2017 às 20:35

Jaqueline
ridiculo a diferença de aumento de sargento de escola para os sargentos QEs, alem de inconstitucional pois sao a mesma graduação, resta aos sargentos qes de todo brasil entrarem cada um em seu estado com uma ação coletiva contra essa bizarrice e monstruosidade das forças armadas. Verifica-se ai todo o ódio dos oficiais (generais) sobre os sgt qes terem sido promovidos a 2º Sgt

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

15 de Jan. de 2017 às 21:54

paranaense
Senhora Jaqueline! A diferença é causada pela Habilitação Militar. Os Sargentos de Escola possuem o Curso de Formação de Cabo e o Curso de Formação de Sargento. Receberão sobre os dois cursos, enquanto que os QEs somente pelo Curso de Formação de Cabo. É uma proposta, talvez nem seja aprovada. Forte abraço!


MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

15 de Jan. de 2017 às 22:36

MARMOSILVA-RIO
Prezado Amigo PARANAENSE! Boa Noite! Gostaria de agradecer pela postagem oportuna e que trás no seu texto uma esperança para todos os militares das Forças armadas, mesmo sabendo que ainda não é a equiparação com as demais categorias do executivo e servidores públicos, isso creio que só acontecerá quando tivermos um presidente patriota e que saiba e queira valorizar a única instituição que pode garantir e manter a Lei e a ordem desse e nesse país. Sobretudo, ficaremos na expectativa de que dias melhores virão, até porque, mês de fevereiro receberemos, ironicamente falando um grande aumento de salário, que chega a perder de goleada para a inflação acumulada no ano, baseado na taxa Selic de 2016. A verdade é que precisamos nos organizar e fazer valer os nossos direitos e valores, esse Brasil ainda vai precisar muito dos nossos serviços, quando essa corja de canalhas, bandidos, apedeutas, meliantes, apátridas e saqueadores do erário público forem presos e o MST achar que são um exército e sair às ruas para agredir e matar cidadãos civis do bem. Esse cenário que agora, apresento ao amigo e a todos os bogueiros deste portal não é utopia, é a mais pura e genuína realidade. Não há espaço para piorar a situação do país, só mesmo uma revolução civil seria pior do que estamos vendo nas cidades e nos presídios, em nenhuma guerra moderna se viu tantos mortos em tão pouco espaço de tempo. A vida urbana virou um suicídio controlado, saímos e não sabemos se voltamos para as nossas casas. É O FIM DO DIREITO DE IR E VIR NO BRASIL! ISSO É GUERRA CIVIL VELADA. Chega a ser Pior, porque, numa guerra ambos os lados estão armados e que vença o mais bem preparado. Sem mais, um forte abraço e segue nessa sua força que Deus é contigo. " QUEM POUPA LOBOS, SACRIFICA OVELHAS! "

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

15 de Jan. de 2017 às 23:26

paranaense
Grande amigo MARMOSILVA-RIO! Como sempre com os seus comentários que enriquecem as nossas postagens. Os meus mais sinceros agradecimentos. Pedir a Deus e as nossos Santos protetores para que essa proposta seja aprovada. Pelo menos uma parte das perdas salariais, desde o nefasto governo FHC, será corrigida. Olhando com bons olhos e analisando a situação que o Brasil se encontra, acho que essa reestruturação será muito bem-vinda. Fraternal abraço!


Claudeci De Oliveira Mesquita

16 de Jan. de 2017 às 2:27

Claudeci De Oliveira Mesquita
Diferença hoje entre terceiro SGT de carreira e SGT QE, 4%, com os novos índices, a diferença deixa de ser 4% e passa a ser 16%, mas daqui a pouco alguém lembra dos QE e acrescenta mais ums 10 ou 12%. Alguém esqueceu, outro alguém vai lembrar, bem como os índices de CB/SD. Brasil acima de tudo.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 3:07

paranaense
Meu caro Claudeci! O Sgt QE só tem o CFC. O de escola deve ser beneficiado pelos dois cursos. Quem elaborou essa reestruturação tomou todo o cuidado para ninguém ser prejudicado. Você acha justo o QE receber o mesmo percentual que o de escola? Forte abraço!


MARMOSILVA-RIO comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 2:59

MARMOSILVA-RIO
Obrigado! Meu Amigo Paranaense pelas palavras que muito nos lisonjeias. Meu Fraterno abraço. Desejo uma semana abençoada por Deus!

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 3:11

paranaense
Meu grande amigo! Você merece, digo de coração, nada a agradecer. Agradeço e desejo uma ótima semana. Fraternal abraço!


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 8:12

Avassalador
É uma proposta que traz ampla discriminação, isso pela inobservância dos princípios da isonomia o que poderá gerar enxurradas de ações judiciais. PROPOSTAS DE GENERAIS SEMPRE IMORAIS.


Everson

16 de Jan. de 2017 às 9:14

Everson
Isso irreal!!!! Vejam o caso da FAB os taifeiros foram promovidos a SO sem CFC, EEAER e sem o CAS e alguem viu alguma diferença no salario do SO de escola com todos os cursos, para o SO sem nenhum dos cursos citados acima. Esta tabela foi feita por alguem do EB com o intuito de trazer esperança.


Nac52

16 de Jan. de 2017 às 9:48

Nac52
Se for aprovada a tal reestruturação salarial das FFAA, observem que os Sgt QE, Cb e Sd (com CFC), não terão nem um ponto percentual de reajuste no Adicional de Habilitação, por favor parem de criticar esses praças.


verdade_nua comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 10:51

verdade_nua
General com 100% de aumento e de capitão pra baixo com 60%. Por que eu não me surpreendo ?


João Batista De Oliveira Cost

16 de Jan. de 2017 às 13:34

João Batista De Oliveira Cost
Prezados leitores. A proposta não prevê nenhum percentual de reajuste inédito no cenário das FFAA, apenas tentam corrigir uma das tantas injustiças que nos foi aplicada com a MP do mal, todavia a devolução dos adicionais: Hab. Militar, Ad. Militar e moradia não se configura aumento nenhum apenas nos devolver aquilo que nos foi ususrpado indevidamente e covardemente aceito pelos militares. No tocante aos SG de carreira e os QE a proposta não prevê discriminação alguma. Até porque a Hab. Militar é algo que foi construído pelo próprio militar, quando da realização de seus cursos, com isso é justo você receber pelo que você conquistou. Distorções salarias a parte, só seriam minimizadas para todos os postos e graduações com reajuste substânciais no soldo, algo que todos haverão de convir que na atual conjuntura do país seria inviável. João Batista (SO-RM-1).


Araujo

16 de Jan. de 2017 às 14:14

Araujo
Olha pessoal! diante das perspectivas que se encontra em nosso país e embora eu esteja no rabo do cometa, só terei a agradecer se tiver qualquer aumento além do que já está garantido. Acho q tem gente que só sabe reclamar. E se não tiver aumento nenhum não é pior? Se formos fazer comparação com os de cima vai ser difícil prestar alguma coisa. Abraços!!!

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 14:55

paranaense
Meu caro Araujo! Que sirva de exemplo a todos, o seu comentário. Fraternal abraço!


Tito

16 de Jan. de 2017 às 15:03

Tito
Hoje temos que nos contentar com qualquer migalha e melhor que nada, depois da Lei 2215/2000, ficamos a ver o tempo passar sem contar nem os anuênios, muitos saíram sem os 30% por cento, isso no final da carreira faz muita falta, a muitas distorções a ser consertada, mas caro amigos hoje com estes governantes esperamos sentados, porque nem nos nossos comandantes podemos contar, fiquem com Deus,


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 15:27

Avassalador
Inacreditável aceitar tamanha desmoralização e desrespeito aos subordinados, isso conforme tabela exposta;vejam que o auxílio moradia como era, antes da MP 2215, 30%, já produzia valores diferentes, isso em decorrência dos soldos. Do jeito que fizeram, melhor é manifestação pela rejeição.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 16:11

paranaense
Meu caro Avassalador! O cálculo do auxilio de moradia é sobre o soldo de Gen Ex (12.076,00), para todos os postos e graduações Sobre o seu soldo que é de Cabo (1.207,60), pergunto: é pior? Veja a observação que fiz no primeiro comentário. Me desculpe a sinceridade, o seu comentário foi sem fundamento. Forte abraço!


Abraão Gomes Alves

16 de Jan. de 2017 às 15:26

Abraão Gomes Alves
Tenho visto alguns comentários dizendo ser inviável um aumento no soldos dos militares, de modo que possibilitem a sua recomposição salarial que é uma tragédia crônica. Meus amigos não é possível que diante de tantos descalabros do ponto de vista da má gestão e da corrupção ainda nos deparemos com visões dessa natureza. Merecemos, SIM, uma reestruturação que nos ponha em pé de igualdade com as demais carreiras de Estado. O Brasil tem reservas naturais e financeiras, títulos aqui nos exterior que que nos permitem um justo reajuste dos nossos salários sem acarretar um impacto mínimo no orçamento. Basta ver que as carreiras que já se encontram no topo, no que concerne ao salário, não têm essa preocupação. O Brasil sempre soube encontrar o seu caminho e, depois desse dilúvio que estamos passando, a bonança virá á a bonança naturalmente. Não quero nem entrar no mérito das nossas atividades e as outras que nos são impostas como: agentes sanitários, policiais, garis, construtores de estradas, agentes sociais (atendimentos a ribeirinhos e saciadores da sede em algumas cidades do Nordeste) e a última e nada honrosa atribuição do momento - agentes carcerários. Então, para não ser exaustivo, merecemos, SIM, ter a nossa situação salarial corrigida e atualizada como as demais carreiras de Estado e, verba para isso, tem - sem impactar o orçamento.


Jaqueline

16 de Jan. de 2017 às 16:47

Jaqueline
Paranaense agradeço a explicação, mais mesmo assim considero injusto e se nao estiver enganada, se realmente for nesse ritimo nao ira acontecer de um 3 sgt acabar ganhando mais que um 2 sgt qe, tendo vista caso ocorra aumentos sucessivos, pois a diferença e realmente muito grande dos aumentos dos sgt carreira para os sgt qe. mais uma vez obrigado pela explicação.


Adbrasil

16 de Jan. de 2017 às 17:20

Adbrasil
Prezado Paranaense, agradecemos as informações da reestruturações salarial, mas tenho uma duvida. O pessoal da reserva terão direito ao auxilio moradia! Antes da Lei 2215 nos inativos recebia Auxilio inatividade que já estava incorporado o Auxilio Moradia, e como vai ser agora! Se tiver esta informação agradeço. Forte abraço.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 17:36

paranaense
Meu caro Adbrasil! A proposta engloba ativos e inativos. Mais alguma dúvida? Fraternal abraço!


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 17:33

Avassalador
Ate então e com meu baixo nível de conhecimento, ainda vejo que existem pontos obscuros, que vem da proposta em tela e também em muitas outras propostas que estão sendo colocada em redes sociais, cito como exemplo a IND. MORADIA: Vai passar a contemplar o militar inativo, sendo lógico excluir Pensionistas ?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 17:54

paranaense
Meu caro Avassalador! A proposta engloba ativos e inativos. Como é do seu conhecimento, o militar na inatividade não pode receber remuneração inferior aos da ativa. Indenização de Moradia ou Auxilio de Moradia, tanto faz, tanto fez. Fraternal abraço!


Araujo

16 de Jan. de 2017 às 19:36

Araujo
Boa noite a todos! No que diz respeito ao auxílio moradia entendo que é uma indenização voltada ao público da ativa por uma questão lógica: Não tem PNR pra todos. O militar quando vai para a reserva, caso esteja ocupando PNR, tem que devolver o imóvel para alguém da ativa ocupar e segue seu caminho podendo morar novamente perto de sua família ou onde queira. saiu da gaiola! O militar que vai transferido por necessidade do serviço e lá não encontra imóvel funcional teria que ter essa indenização do governo pois, caso contrário, ele fica numa situação de desigualdade em relação aos que ocupam um PNR. Se o inativo fizer jus a Ind Moradia creio não ser difícil ocupar PNR por decisão judicial. Fico imaginando filha de militar fazendo jus a auxílio moradia. Absurdo!!!


Adbrasil

16 de Jan. de 2017 às 19:36

Adbrasil
Prezado Paranaense, agradeço a sua resposta, espero que seja aprovada logo esta reestruturação. Forte abraço.


Amiel Ballistra

16 de Jan. de 2017 às 21:55

Amiel Ballistra
Os Sgtºs QE podem ficar tranquilos, mas alertas. Antes de 1960 havia a contratação de Sargentos VE (voluntários especiais): lubrificadores de máquinas pesadas, ferradores de cavalos, auxiliares de escritório, motoristas, carpinteiros, columbófilos (tratadores de pombos correio) etc. Conheci alguns: Clésio, Eriberto, Oswaldo, Léo, Araujo e outros que alcançaram facilmente as promoções - Subtenentes/Suboficiais, 1º Tenente, Capitão, auxiliar de Adido na França. O único que saiu como 1º Sargento foi o Araujo, aos 37 anos de idade, contando 2 licenças prêmio e 4 anos como auxiliar de faxina na Prefeitura de Fortaleza (dos 14 aos 18 anos). E houve caso de militares formados na ESA e na EEAER que "curtiram" 30 anos e ficaram como 1ºs Sargentos (Nascimento, Oliveira, Mendes, Bertolim, dentre outros). Para ir além de 1º Sargento Eduardo Luiz lutou judicialmente durante 7 anos. Prestem atenção no que ensina o cantor:- " E o cordão dos puxa-saco cada vez aumenta mais".


verdade_nua comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 22:01

verdade_nua
Auxílio Moradia apenas para o pessoal da ativa.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Jan. de 2017 às 22:23

paranaense
Caro verdade_nua! Você está perguntando ou afirmando. Peço confirmação. Abraços!

 

 
verdade_nua comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Jan. de 2017 às 10:47

verdade_nua
Estou afirmando.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Jan. de 2017 às 11:13

paranaense
Tudo bem, desconheço essa informação. Se puder dar mais detalhes para conhecimento de todos, agradeço! Abraços!


Adbrasil

16 de Jan. de 2017 às 22:49

Adbrasil
Caro Verdade_nua, os proventos do pessoal da inatividade tem que ser igual ao do pessoal da ativa, se caso isto não aconteça, vai ter que criar alguma gratificação para igualar os proventos: exemplo a gratificação de inatividade. Forte abraço.


Avassalador comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Jan. de 2017 às 6:45

Avassalador
Percebo que o nosso blogueiro PARANAENSE daria em exemplar Relações Públicas, nossos generais com certeza estão aplaudindo de pé, só assim "tudo continua como antes no quartel de Abrantes" e reclamações jamais deixarão de ser "Atos de Insubordinação", é por essas e outras que existe extrema diferença entre MILITARES,(FA) e POLICIAIS MILITARES, isso em decorrência da evolução.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Jan. de 2017 às 10:44

paranaense
Meu nobre Avassalador! Não, não e não!!! Não estou aqui representando quem quer que seja ou para agradar A, B, ou C. Meus post, este em particular, informar aos amigos sobre um assunto que também é do meu interesse. Sempre pautei a minha vida pela verdade. Pelo otimismo, mas, acima de tudo pela minha sinceridade e honestidade. Extremamente justo também. Acho que cada um deve receber por aquilo que fez por merecer. Minhas respostas muitas vezes são desagradáveis, porque nem sempre falo o que as pessoas gostariam de ouvir. Quero dizer que fui de família humilde e com poucos recursos financeiros. Nunca passei fome, graças a Deus. Na minha juventude sonhava em ser tanta coisa, em se tratando de profissão.....médico, dentista e outras. Nem pensar.....profissões para famílias abastadas na época. Me perguntava, o que posso fazer então? Concurso para a Receita Federal, Banco do Brasil, Correios, CEF, etc. Comecei a trabalhar aos 12 anos e estudava à noite. Gostava muito de esporte, jogava futebol nos finais de semana. Aos 17 anos me alistei para o Serviço Militar. Pensei, que tal ser militar de carreira? Aos dezenove incorporei, fiz o curso de cabo, fui promovido e engajei. Logo em seguida fiz um cursinho preparatório para prestar concurso para Sargento. Graças a Deus e ao meu esforço, passei. Fui para a Escola de Material Bélico, em Deodoro, Rio de Janeiro, fazer o curso de sargento. Resumindo, aos 22 anos fui promovido a 3º Sargento. Depois fiz um curso de especialização, na mesma escola. O de Aperfeiçoamento tinha que fazer seleção na minha época. Consegui passar após várias tentativas. Depois fiz outros cursos menos relevantes. Meu amigo, comecei como soldado e consegui chegar ao topo da carreira. Fiz essa pequena explanação para dizer que hoje eu recebo o que mereço, porque fiz por merecer. Aproveito a oportunidade para dizer que na ativa, nunca exerci a função de relações públicas. Não tenho jeito para essa função. Gosto sempre de olhar para o meu umbigo. Não poderia ter a pretensão de ganhar como um General ou Coronel. Aceite o meu fraternal abraço!


Araujo

17 de Jan. de 2017 às 10:00

Araujo
Quero agradecer ao Portal Militar, Montedo, Sociedade Militar e A Pérola do Mamoré. Todos os dias praticamente navego nessas redes que vieram, sem dúvida alguma, para agregar valores e manter o público, principalmente militar, informado de notícias que normalmente passam despercebidos pelos grandes noticiários. Obrigado por postar este comentário caríssimo Paranaense!

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

17 de Jan. de 2017 às 10:56

paranaense
Meu caro Araujo! Os meus mais sinceros agradecimentos pelas palavras. Fraternal abraço!


Pereira

18 de Jan. de 2017 às 15:41

Pereira
Gente os oficiais generais são inteligentes. Quem tem mais cursos dentro das Forças Armadas? São os Oficiais. Para os praças é só um cala boca, veja a diferença do percentual de cursos de um General e de um CB, que na verdade tem bastante tempo de serviço. A diferença de salário de 3º para 2º já é bastante alta. Poderia ter sido sugerido um outro tipo de reposição.


Gabriel José Rochetti Soares

18 de Jan. de 2017 às 22:00

Gabriel José Rochetti Soares
O Ministro falou que está em estudo uma "readequação" dos soldos... acho que este vocábulo deve ser esquecido. Só se re-adéqua o que está adequado. Os salários dos militares, desde os tempos de FHC + LULA + DILMA vêm sendo corroídos, perdendo feio para a inflação; também há que ser vista a diferença percentual verificada no escalonamento de SOLDO do Gen. Ex. para os postos e graduações de CAP. para baixo.


Gabriel José Rochetti Soares

18 de Jan. de 2017 às 22:06

Gabriel José Rochetti Soares
O Ministro falou que está em estudo uma "readequação" dos soldos... acho que este vocábulo deve ser esquecido. Só se re-adéqua o que está adequado. Os salários dos militares, desde os tempos de FHC + LULA + DILMA vêm sendo corroídos, perdendo feio para a inflação; também há que ser vista a diferença percentual verificada no escalonamento de SOLDO do Gen. Ex. para os postos e graduações de CAP. para baixo.


Luzia

19 de Jan. de 2017 às 10:12

Luzia
Meu caro, gostaria de saber se essa proposta engloba aos pensionistas?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

19 de Jan. de 2017 às 14:20

paranaense
Senhora Luzia! A reestruturação atinge o pessoal da ativa e inativos. Por dedução lógica, as pensionistas também. O Auxilio de Moradia deve ser somente para quem está na ativa. Abraços!


Fabio

20 de Jan. de 2017 às 23:57

Fabio
Boa noite paranaense, gostaria de saber se o auxilio moradia contempla quem mora em PNR. Já que serve para custear auxilio com moradia ou aquisição de um imóvel próprio.Se caso quem já mora em PNR não seja contemplado, fica óbvio que ninguém vai querer mais morar em PNR, pois no caso de graduados com R$1.811,00 daria tranquilamente para pagar a prestação de um imóvel próprio, não sobrando ninguém em vilas militares. Obrigado

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

21 de Jan. de 2017 às 1:18

paranaense
Meu caro Fabio! Infelizmente não tenho essa informação. Sobre a ocupação de PNR, concordo com a sua suposição. Resta saber se os Comandantes aceitarão que os PNR fiquem desocupados. Eu servi numa guarnição de interior, que os aluguéis eram baratos. O Comandante passou a escalar os mais antigos de guarnição para ocupar os PNR. Espero que não venha ocorrer essa situação. Fraternal abraço!


Fabio

21 de Jan. de 2017 às 17:06

Fabio
Caro Paranaense, ser? que vai sair mesmo essa restrutura??o para este semestre ainda. Pois de acordo com a noticia deste link( http://montedo.blogspot.com.br/2017/01/temer-quer-passar-granada.html) ele est? pretendendo empurrar para o pr?ximo presidente a reforma da previd?ncia para os militares, deixando tamb?m a reestrutura??o para n?o causar mal estar na sociedade, diante da crise. Obrigado

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

21 de Jan. de 2017 às 18:01

paranaense
Meu caro Fabio! Pelo que o Ministro da Defesa havia falado, sim. A reforma da previdência não tem vínculo com a reestruturação. Este link sugerido por você, o assunto está publicado no meu Blog. Veja que o site é desconhecido.....sem credibilidade. A nossa previdência é um assunto que requer muito tempo para ser analisado, dificilmente sai este ano. Forte abraço!


Fabio

21 de Jan. de 2017 às 17:11

Fabio
Caro Paranaense, ser? que vai sair mesmo essa restrutura??o para este semestre ainda. Pois de acordo com a noticia deste link( http://montedo.blogspot.com.br/2017/01/temer-quer-passar-granada.html) ele est? pretendendo empurrar para o pr?ximo presidente a reforma da previd?ncia para os militares, deixando tamb?m a reestrutura??o para n?o causar mal estar na sociedade, diante da crise. Obrigado


Antonio Tomazetto

22 de Jan. de 2017 às 3:30

Antonio Tomazetto
Deixemos somente metade dessa pens?o para a viiuva e pague-se um mais pouco para o vivo que se rebentou,doando sua pr?pria vida quando na ativa.......................

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

22 de Jan. de 2017 às 23:27

paranaense
Meu caro Antonio! Falou pouco e disse tudo. Forte abraço!


Martins

31 de Jan. de 2017 às 18:04

Martins
Boa noite. Estou com uma d?vida referente aos adicional de Habilitação de 2 Ten. Pois, no meu holerite, o meu ADC Habilita??o informa 16% do meu soldo de R$ 6.673,00 e n?o 20% como consta nas informa??es acima. Quem poder tirar essa duvida serei grato. Atenciosamente,

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

31 de Jan. de 2017 às 20:14

paranaense
Meu caro Martins! O correto atualmente é 20%. Você deve dirigir-se ao seu órgão de vinculação e solicitar a alteração. Fraternal abraço!


Sgt_alex

31 de Jan. de 2017 às 19:37

Sgt_alex
Cumprimento ao companheiro Paranaense pela iniciativa. ..são assuntos relevantes e interessantes para o público militar...gostaria de enfatizar que isso é apenas uma proposta...e vamos concordar que receber um aumento desses num momento de crise econômica seria muito bom...talvez não seja o que realmente merecemos. ..mas uma coisa é certa...não adianta nada criticar porque A ou B teve aumento maior...o Exército é Exército muito antes de existirmos....tenham absoluta certeza se este zum zum zum porque A vai ganhar mais....com certeza ganhará ecos e não será bem ouvido pelos nossos Cmt ... lembro de um amigo que nao ocupou PNR porque outro que estava atrás na fila apenas falou que ele tinha casa na guarnição...eu o conhecia...e ele nao tinha...o grande problema de praca é esse...olhar pro outro praca e apontar que está errado....já os Of...são muito unidos...deixemos de olhar pro lado e vamos cuidar do que é nosso...Paranaense...está de parabéns ...se aprovarem a proposta eu e minha família estaremos muito satisfeitos...

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

01 de Fev. de 2017 às 23:19

paranaense
Meu nobre Sgt_alex! Você fez um comentário brilhante, ilustrando muito bem o que acontece na caserna, principalmente entre os ST e Sgt. Pertenci a esse círculo, mais ou menos 24 anos, com muita honra. Tudo o que você descreveu no seu comentário, é pura realidade. Na minha época, pelas OM onde passei, tentava conscientizar sobre o assunto. Quantos anos se passaram e a situação continua a mesma. Intelectualmente houve uma evolução muito grande, a maioria possui curso superior. Não há explicação......deve ser "praga" de madrinha. Se não leu todos os comentários do meu post, veja que vergonha. Alex, esqueça tudo......pense nos trocados que vamos receber. Ontem fiz uma postagem do INFORMEX nº 003, de 31 Jan 17, com a mensagem do CComSEX, informando a todos os militares, sobre a Previdência dos militares e a Reestruturação Salarial. Agora é a palavra oficial do Comandante do EB. A imprensa estáva distorcendo muito o assunto. Fraternal abraço!


Antonio Barros Palandi Cap R1

02 de Fev. de 2017 às 3:55

Antonio Barros Palandi Cap R1
So acredito quando ver no contra cheque. Na atual conjuntura, ta bom demais. Espero que saia do papel.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

02 de Fev. de 2017 às 4:51

paranaense
Meu caro Antonio! Você está mais para São Tomé. Eu sou muito otimista, principalmente depois que o CCSEx se manifestou, através do INFORMEx nº 003, de 31 Jan 17. Veja esta última postagem no meu Blog: Sobre a Previdência e a Reestruturação da Remuneração das FA, considero como a palavra oficial do Comandante do EB. Considero também que onde há fumaça, há fogo. Ainda mais com esses políticos desmoralizados, a maioria com o rabo preso. Este é o momento mais oportuno para colocar em dia a nossa remuneração, tão defasada. Os comandantes deviam ter pressionado a dona Dilma. Me desculpe a expressão.....esses políticos estão pregando moral de cueca. Fraternal abraço!


Jonatas Sousa

10 de Fev. de 2017 às 12:07

Jonatas Sousa
Alguma novidade sobre esse assunto?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

10 de Fev. de 2017 às 18:16

paranaense
Meu caro Jonatas! Ouvi falar que está previsto para este trimestre. Estão deixando a poeira baixar com relação a previdência. Quando eu souber algo de concreto, faço outro post. Forte abraço!


Marco

12 de Fev. de 2017 às 23:31

Marco
Boa noite, gostaria de expor o porque da diferença do Adicional de Habilitação dos Sgt QE para os Sgt de Escola, simples os Sgt de Escola ganham 12% pela formação, fazem um curso de especialização ou Aperfeiçoamento já pulam para 16% e 20% e agora aqueles que terminam o CHQAO pulam para 25%, se a proposta for aprovada eles poderão acumular todos os índices, quanto aos militares do Quadro Especial, ficaram apenas com os 12% da Formação, e não ganharam nenhum índice a mais (especialização ou Aperfeicoanento) porque a força não os reconhece como militares e sim como meros mão de obra barata, não lhes é permitido realizar nenhum curso, mas desempenha as mesmas funções dos sargentos de escola. Esta é a dura realidade.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

13 de Fev. de 2017 às 1:57

paranaense
Meu caro Marco! Perfeito! Fraternal abraço!


Carlos Baiano

13 de Fev. de 2017 às 2:04

Carlos Baiano
O que me parece sobre os QEs e os de escola no tocante ao Adicional Habilitação, ser uma retaliação, porque poderia muito bem, que se não aumentar no mesmo percentual, que se aumente propoorcional ao que está agora. Outra coisa o Sgt de escola naturalmente com seus méritos é claro, ao longo da carreira tem a possibilidade de promoções, algo que os QEs, não tem, além do que as funções no dia a dia são as mesmas.


Francisco S J Filho

16 de Fev. de 2017 às 21:06

Francisco S J Filho
Estaria contido, nessa reestruturação, para contemplar militares inativos, um "Adicional de Inatividade", a fim de substituir o "Auxílio Moradia" dos militares ativos?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

16 de Fev. de 2017 às 22:59

paranaense
Meu caro Francisco! É provável que seja criado algo parecido, para evitar a disparidade entre ativos e inativos. Fraternal abraço!


Comandos

18 de Fev. de 2017 às 18:36

Comandos
Boa tarde,na verda nao precisa de rejuste os militares,pois os oficiais ST SGTmorao em PNR,quem mereci receber auxilio moradia sao cabos e soldados e sargentos QE pois sargento de careira dao tiro com a boca o curso todo e quando vivem uma realidade dao tiro real nas instru?oes,por tanto cabos e soldados e sargentos QE tirao servi?o trabalhao dentro da area pela qual engajarao e estabilizarao,habilita?ao e para quem vivi o dia a dia e perdem a saude,os generais de meia pataca,ficao anos lambendo do PT achando que PT era pistola e tomarao uma pistolada bem dada,rezumindo cade o auxilio invalidez,salario familia,pois quem sofre com doentes sao as esposas,e pelo que vi nenhum oficial se preoculpou com esto pois eles sao imortais e nao recebem auxilio invalidez nem....


Alberto Gomes

20 de Fev. de 2017 às 22:14

Alberto Gomes
Boa noite, aguardo noticias de algo concreto, pois estou cansado de ser enganado, 32 anos na ativa e a história é sempre a mesma, agora estou 8 anos na reserva e a história continua, quando entrei na FAB como Terceiro Sargento, ganhava aproximadamente 18 salários mínimos, hoje sou Suboficial e não ganho 9 (nove). Boa noite a todos.


Rejane Wei-s

25 de Fev. de 2017 às 18:11

Rejane Wei-s
As pensionistas estão incluidas nessa reestruturaçao?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

25 de Fev. de 2017 às 19:43

paranaense
Senhora Rejane! Sim!


Rejane Wei-s

25 de Fev. de 2017 às 22:24

Rejane Wei-s
Caro amigo agradeço pela informação e já lhe pergunto se sobre o ADIC TP SV virá tambem aumento ? Obrigada

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

26 de Fev. de 2017 às 0:25

paranaense
Senhora Rejane! Convém esclarecer que será uma proposta a ser apresentada a equipe econômica do governo, pelo Ministro da Defesa, se for aprovada na íntegra, terá direito "sim"


Edvin Pio Rigotti

01 de Mar de 2017 às 9:32

Edvin Pio Rigotti
Ante as reivindicações sobre diferenças de percentuais do salários das diferentes graduações, peço a compreensão de todos, com relação ao meu comentário: Sou praça de 1960, fui promovido a Cabo, em junho de 1960,na função de Mec Armamento leve, 15 dias após a promoção fui rebaixado, com a alegação de que o curso que havia feito, em General Câmara, não era válido. No mesmo ano fui ao 8º RC, Uruguaiana para fazer o curso básico de Cabo, em dezembro do mesmo ano (1960) fui promovido novamente a Cabo, para engajar na função de armeiro. Sem espichar muito a conversa, Janio Quadros entra de p=residente e cancela os engajamentos e reengajamentos de Cabos. Fiquei na pindura. Com muito jeito dos Cmts consegui engajar. Em 1965 passei no CFS de Segeiro (QMG 09 QMP 048). Não funcionou por falta de candidatos. Meu tempo vencia em Jan 1966, para reengajar fui transferido para Fronteira, 11º RC Ponta Porã. Naquele ano (1966) passei novamente no CFS QMG 09/QMP 042) . Meu colegas de curo, em outras QMs já teriam saídos promovidos, alguns a 2º Sgt e, eu ainda estava como Cabo. Em 1968 houve uma chance para os Cabos possuidores do CFS, de difícil promoções de fazerem um exames de suficiência para promoções independente de vagas. Fiz o exame, em Campo Grande-MS, passei, desculpe a modéstia, em primeiro lugar. Condições para promoção: teria que ter 10 anos de praça e 8 anos na graduação, vejam só, eu tinha o tempo de cabo, mas me fatavam 20 dia para o de praça, ou seja, as promoções eram em 31/12/69 e, eu completaria os dez de praça em 20/01/70. Cheguei a Sub Ten, estou reformado com 2º Ten, amparado pela lei, até 2001. Só reivindicamos o seguinte: No Exército Brasileiro existe duas categorias, Praças e Oficiais, diante disso e baseado no amparo até 2001, os únicos prejudicados, socialmente somos nós Subtenentes, vejam poque: recebemos como 2º Tenente, pagamos todas as obrigações como 2º tenente, porém, não usufruímos dos direitos doas oficiais e, sim das praças. Isto é, não podemos se associar nos Circulos Militares, não podemos se hospedar em Hoteis de Transitos de oficiais, nos hospitais só temos direito as enfermarias, e outros...Isto tudo se resolveria com uma simple promoção, teórica, uma vez que não implicaria em despesas para a Nação, apenas mudanças nos documentos. Sem querer menospresar meus colegas QE, hoje vejo praças sem cursos, sendo promovidos a 2º Sgt. Se é um direito deles que sejam promovidos, mas diante de um caso como o meu e supostamente de outros, embora não tenha conhecimento de outro igual. O que se pode dizer?


Denis

05 de Mar de 2017 às 8:44

Denis
Ol?! N?o tiro raz?o sobre os senhores e senhoras a falar da diferen?a entre o reajusto dos QE's e de Carreiras, m?s se querem falar em justi?a ent?o equipara o interst?cio dos de Carreiras com os dos QE's saindo segundo com apenas 4 anos.


Sgt Dailson

19 de Abr de 2017 às 14:12

Sgt Dailson
Boa tarde Seguinte, entrei como soldado, fiz o curso de cabo e depois o de sargento temporário, sofri um acidente e fui reformado qual percentual eu teria direito? outra coisa esses aumentos tbm entrarão para quem já esta aposentado e paga aluguel? ex o auxilio moradia.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

21 de Abr de 2017 às 0:28

paranaense
Meu caro Sgt Dailson! O Aux Moradia somente para o pessoal da ativa. Quanto aos cursos temos que aguardar a aprovação. Forte abraço!

 

 
sgt-dailson comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

21 de Abr de 2017 às 3:20

sgt-dailson
Obrigado, mas havera algum reajuste p pessoal da reserva??


paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

22 de Abr de 2017 às 12:27

paranaense
Caro Sgt Dailson! Quando sair para o pessoal da ativa, o da reserva será beneficiado também. Abraços!

 

 
sgt-dailson comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

23 de Abr de 2017 às 0:48

sgt-dailson
obrigado guerreiro ....


Skarapepoll

24 de Abr de 2017 às 10:40

Skarapepoll
Vejo muitas discussões sobre uma classe ter direito e outra não. Existem dois grupos bem distintos no EB: Oficiais e Praças. Quanto aos direitos, eles também são distintos de acordo com a exigência de cada função. Os QE querem ser equiparados em um monte de coisas, concordo com algumas, mas outrras não. Já ouvi que deveriam chegar à graduação de Subtenente, ora, fizeram curso pra isso? Não. querem comprações salariais. Muitos optaram em permanecer nas FA apenas engajando, apenas com o CFC (alguns nem isso), estabilizando sem fazer nenhum curso, (não me refiro às funções, pois eles trabalham sim e muito, assim como os outros sargentos), quando eu optei em ir para a ESA, me matei de estudar, busquei meus pontos. Mas o que se está discutindio são as habilitações e não soldo. Habilitação é uma coisa e soldo é outra. quem tem mais cursos tem privilégios diferentes daqueles que não tem. Tenho visto agora os QAO exigindo na justiça os 5% que não tem direito por não terem feito o CHQAO. Ora, não tem direito, não fizeram o tal curso. Mas querem querer. auxilio moradia para o pessoal da reserva? Tá de xyzwhijp. O pessoal só quer direitos. Vi um outros reclamando que quem merece auxílio moradia são cabos, soldados e QE. Lembro que uma das regras para servir, é ser residente da mesma região onde vai servir para não onerar as FA com alojamento e alimentação. Quem vem de fora, são Oficiais e sargentos de carreira, então nãovejo o porquê da reclamação. Mas apesar de tudo, valea choradeira sobre algo que ainda são suposições. Um grande abraço a todos.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

24 de Abr de 2017 às 11:50

paranaense
Meu caro Skarapepoll, bom dia! Você é vidente? ou faz leitura de pensamento? brincadeiras à parte, o seu comentário é exatamente a minha opinião. São coisas do EB, muitos companheiros só pensam em direitos. Essa promoção de "Juruna" foi uma concessão excepcional, para beneficiar motorista de general. Com o passar do tempo, conseguiram promoção a 2º Sgt. Inacreditável querer promoção até ST, sem CFS e CAS. Tem gente que não se enxerga, não vê o papelão ridículo que está se expondo com a exigência de um direito inexistente. Fraternal abraço!


Fabricio Alli Barros

24 de Abr de 2017 às 19:24

Fabricio Alli Barros
Uma dúvida, essas regras valem para os temporários referente a adicional militar, auxílios, benefícios?

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

24 de Abr de 2017 às 22:49

paranaense
Caro Fabricio Alli Barros! Sim. Fraternal abraço!


Junior

26 de Abr de 2017 às 11:23

Junior
Bom dia ! Informação extremamente pertinente. Obrigado pela informação. Porém, gostaria de saber se tem mais notícias sobre o andamento dessa reestruturação ? Desde já, grato.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

26 de Abr de 2017 às 16:27

paranaense
Caro Junior! Aquela Comissão interministerial que foi formada para estudar o assunto, no início do mês de março, deve estar finalizando os trabalhos. Provavelmente o General Villas Boas, Comandante do EB, deve se pronunciar no início de maio, a respeito. Acredito que deve sair alguma coisa ainda neste semestre. Estou monitorando diariamente, assim que tenha novidade, informo através de nova postagem. Forte abraço!


Carlos Eduardo

30 de Abr de 2017 às 15:45

Carlos Eduardo
Os soldados sempre prejudicados com essas reformas. São os que carregam a força e sempre são deixados de lado. Um vigilante ganha mais que um soldado que em resumo recebe uma merreca de salário. Pela proposta receberá o menor índice de reajuste.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

30 de Abr de 2017 às 19:16

paranaense
Meu caro Carlos Eduardo! Porque você ainda é soldado? Faça concurso para corrigir essa injustiça que o deixa indignado. Grande abraço!


Carlos Eduardo

29 de Abr de 2017 às 20:12

Carlos Eduardo
Um soldado ganha menos que um vigilante, isso ? rid?culo.


Rafael Cruz

31 de Mai de 2017 às 15:44

Rafael Cruz
Boa tarde, Há algo de concreto, hoje (JUNHO 2017), que esteja em direção a essa tabela divulgada? Estamos ansiosos esperando uma mísera migalha... Brasil acima de tudo!

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

31 de Mai de 2017 às 16:47

paranaense
Meu caro Rafael Cruz! Acredito que mais alguns dias a nossa previdência entra na pauta, juntamente com a reestruturação. Forte abraço!


Julio Viana

24 de Nov. de 2017 às 12:53

Julio Viana
Sr. Paraense bom dia Eu sou 3QE músico reformado e sou habilitado a 3sgt musico mas não sai promovido musico por causa de uma portaria nº 1135 que cancelou o concurso,mas depois de uma chuva de ação na justiça ela foi revalidada em 1995 mas a maioria dos prejudicados foram promovidos a 3QE e continuaram na mesma função nos temos direito a habitação.

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

24 de Nov. de 2017 às 23:35

paranaense
Meu caro Julio Viana! Se você é habilitado a 3º Sgt músico, com certeza. Abração!


Cátia Pereira

07 de Dez. de 2017 às 8:26

Cátia Pereira
Só acredito nesta restruturação quando estiver no contracheque.


Monica

14 de Fev. de 2018 às 16:10

Monica
Não entendo! Onde está a "Estruturação das Carreiras"? Por que até hoje, 2018 não temos uma Lei de "Carreira do Praça das F.A." uma das maiores categorias de servidores da União, senão a maior??!! Isto é surreal! Quando soube que isso não existia eu não acreditei! E, até hoje tenho dificuldades em contar para amigos que simplesmente riem e não acreditam quando conto! Um absurdo! Como é que o Praça das F.A. do Brasil vive, trabalha, sem um Plano da Carreira?! Isso parece coisa da época da xibata, da Guerra do Paraguai, do século retrasado, dos senhores da Casa Grande, do silêncio da senzala! Só no Brasil mesmo, um país que ainda tem muito que caminhar. Vejam como tratam suas Praças que hoje são consideradas na rua com um adjetivo pejorativo nada agradável: os pau-pra-toda-obra! Lamentável!

 

 
paranaense comentou. Clique aqui para ver seu perfil.

19 de Fev. de 2018 às 3:21

paranaense
Senhora Mônica! O Ministério da Defesa realizou em conjunto com as três Forças, este estudo para reestruturação da remuneração dos militares. Inclusive eu publiquei a tabela das gratificações que seriam alteradas. Esta reestruturação viria junto com a reforma da previdência. Como a reforma da previdência dos civis está emperrada no Congresso, a nossa ninguém sabe quando acontecerá. Tudo isso está acontecendo por causa desse governo corrupto e mentiroso que está no poder. Os seus amigos que não acreditam e riem da sua situação, são bem mal educados. Para que a Senhora entenda melhor, a reestruturação salarial está vinculada à reforma da nossa previdência. Acredito que este ano ainda saia essa reestruturação. Nem dê atenção para seus amigos sobre este assunto. Grande abraço!


DEIXE SEU COMENTÁRIO


O blogueiro não publica comentários ofensivos, que utilizem expressões de baixo calão ou preconceituosas, nem textos escritos exclusivamente em letras maiúsculas. Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor. O blogueiro fará a moderação antes de publicar o comentário.

Aceito receber emails do Portal Militar. Emails de confirmação, avisos, notícias e lembretes. ( Obrigatório )