A maior desgraça de uma Nação. | Blog Intervenção Cívica Militar | Portal Militar

Blog Intervenção Cívica Militar

Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.

Exrcito

A maior desgraça de uma Nação.

Publicado em 30 de Jul de 2017


1240 Visualizações


 

EXÉRCITO DE TERRACOTA

Resultado de imagem para exercito chines estatuas
 

 

 

A maior desgraça de uma Nação.

Sarides Freitas

                                     

A maior desgraça de uma nação, não são seus políticos corruptos...

A maior desgraça de uma nação, não são os seus magistrados corruptos...

A maior desgraça de uma nação, não é a indiferença de seu povo...

Os políticos corruptos ficam sujeitos ao rigor da justiça, se os magistrados são corruptos, a impunidade reina e patenteia o dito popular: “o crime compensa”.

A indiferença do povo é fermento vigoroso para a decadência moral, mãe de todas as mazelas da humanidade.

Uma nação sob o guante da decadência moral vê seu povo eleger políticos, desprovidos de compromissos com o povo, ou com a nação. Estes políticos representam a si mesmos, e só trabalham em prol de se locupletar.

Esta nação não poderá fugir do estigma, de que seus filhos, será “produto do meio”; logo, o magistrado, o político, o empresário, o policial, o comerciante, o professor, o médico, o advogado, enfim, todos os nativos, ou são desprovidos de moral, ou são indiferentes.

Nesta nação, como será possível interromper o ciclo vicioso na política, se os candidatos, são a escória moral e o povo é amorfo. A única opção é se valer da Intervenção Militar prevista na Constituição Federal.

O Art 142 da CF/88/RFB, afirma que na falência moral, ou na falência do estado democrático de direito, os presidentes de cada um dos Três Poderes, pode convocar as Forças Armadas para Intervenção Militar.

Porém os representantes dos Três Poderes, são produto “do meio”, avocar a Intervenção Militar, é suicídio. Logo, esta iniciativa está descartada.

Destarte, cabe de forma inalienável às Forças Armadas, tomar para si a iniciativa de aplicar o artigo 142, da CF/88/RFB.

 

Fica então patente, que a maior desgraça de uma Nação, é ter um Exército inoperante...

 

 

Este Blogueiro NÃO permite que VISITANTES comentem nesta postagem.
Junte-se a nós ou Entre para comentar!