As opiniõess expressas neste blog particular e seus comentários não representam a opinião do Portal Militar, das Forças Armadas e Auxiliares, ou de qualquer outro órgão governamental, mas tão somente a opinião do usuário blogueiro. Os comentários e respostas são moderados pelo blogueiro.

 
   Olá Visitante! Junte-se a nós ou Entre. Principal | Anuncie Já | Hinos | Fórum | Colabore | Novas | Todos 
  Onde estou? Página Principal >> Blogs Hospedados no Portal Militar  
  Quem sou eu? Clique e conheça meu Perfil
Blog
Snitram - Todas as Postagens
 
   
 
Acompanhe os Blogs da sua conta no google, yahoo e outros. Você pode escolher receber por email informação de novas postagens nos blogs. Fique Ligado.
 
 
Tempo de Serviço 30 para 35 anos

10 de Fev. de 2009 com 11964 Visualizações
 

 
Amigos militares

O ministro da defesa, Nelson Jobim, determinou a criação de uma comissão para estudar por que os militares estão se aposentando tão cedo.As regras de aposentadoria devem mudar.Uma das opções é aumentar o tempo de serviço de 30 para 35 anos.

É preciso alertar que o tempo de serviço menor para militares se deve ao fato dos mesmos trabalharem em escalas de serviço de 24 horas, cumprirem jornadas ininterruptas de vários dias durante exercícios de instrução, treinamentos de manobras militares de cada força singular e em conjunto das três forças, no território nacional e ainda cumprindo missões de caráter social ou de pacificação no território nacional e em paises amigos.
É importante lembrar que os militares não recebem remuneração por horas extras e são obrigados a gozar suas ferias,conforme as necessidades do serviço de suas unidades.

O outro ponto que produz desgaste físico e psicológico nos militares são as constantes transferências, as vezes, para regiões inóspitas, privados do conforto de seus lares e do convívio de seus familiares.
Nilo Cardoso Daltro;Coronel de infantaria reformado por invalidez permanente após 30 anos de serviço ,tendo aberto mão de dois períodos de ferias regulamentares ,por imperiosa necessidade do serviço na fronteira amazônica e no 1º Batalhão de Guardas.

REPASSEM, pode chegar até um dos membros desta comissão e ele lembrar e levar em consideração esses argumentos,alem de outros que vocês possam anexar.



Recebi e repasso




Este Blogueiro NÃO permite que VISITANTES comentem nesta postagem.
Junte-se a nós ou Entre para comentar!
 
 

aldebaram comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - aldebaram - 10 de Fev. de 2009 às |1 C
Eu que o diga, como marinheiro da ativa... Passo quase metade dos meus dias a serviço da pátria.

Zaryj comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - Zaryj - 10 de Fev. de 2009 às |2 C
Até 1980, os oficiais tinham que cumprir 35 anos de serviço para solicitar transferência para a RESERVA REMUNERADA. As praças cumpriam 30 anos de serviço.

O tempo de serviço das Escolas Militares não contavam para efeito de reserva remunerada.

Com o Estatuto dos Militares de 1980, os oficiais passaram a ter direito de solicitar a Reserva Remunerada com 30 anos de serviço.

ESPERO SINCERAMENTE QUE ESSA COMISSÃO FAÇA A COISA CERTA DESTA VEZ! OU SEJA, COMPUTE OS DIAS TRABALHADOS DE PLANTÃO (24 HORAS) E OS TRANSFORMEM EM TRÊS DIAS PARA EFEITO DO CONTAGEM DE TEMPO DE SERVIÇO! NÃO ESQUECENDO QUE OS ACAMPAMENTOS E SERVIÇOS FORA DE SEDE EM MANOBRAS E OUTROS TIPOS DE SERVIÇOS E OU EXERCÍCIOS TAMBÉM SEJAM COMPUTADOS CADA 24 HORAS (TRÊS DIAS DE SERVIÇO): RAZÃO DESSA MINHA COLOCAÇÃO: OS MILITARES NÃO GANHAM HORAS EXTRAS, PORTANTO, SE O PAÍS QUER TER MILITARES COM DIREITOS SOCIAIS TAMBÉM, A HORA É ESSA DE SOLICITAR E OS MILITARES DEVEM DEIXAR DE SEREM BOBOS. DEVEM PEDIR TUDO O QUE É DO SEU DIREITO! TENHO DITO!

A CONSTITUIÇÃO GARANTE!!!!!

Um abraço a todos os MILITARES de VERDADE!

Zaryj comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - Zaryj - 10 de Fev. de 2009 às |3 C
Até 1980, os oficiais tinham que cumprir 35 anos de serviço para solicitar transferência para a RESERVA REMUNERADA. As praças cumpriam 30 anos de serviço.

O tempo de serviço das Escolas Militares não contavam para efeito de reserva remunerada.

Com o Estatuto dos Militares de 1980, os oficiais passaram a ter direito de solicitar a Reserva Remunerada com 30 anos de serviço.

ESPERO SINCERAMENTE QUE ESSA COMISSÃO FAÇA A COISA CERTA DESTA VEZ! OU SEJA, COMPUTE OS DIAS TRABALHADOS DE PLANTÃO (24 HORAS) E OS TRANSFORMEM EM TRÊS DIAS PARA EFEITO DO CONTAGEM DE TEMPO DE SERVIÇO! NÃO ESQUECENDO QUE OS ACAMPAMENTOS E SERVIÇOS FORA DE SEDE EM MANOBRAS E OUTROS TIPOS DE SERVIÇOS E OU EXERCÍCIOS TAMBÉM SEJAM COMPUTADOS CADA 24 HORAS (TRÊS DIAS DE SERVIÇO): RAZÃO DESSA MINHA COLOCAÇÃO: OS MILITARES NÃO GANHAM HORAS EXTRAS, PORTANTO, SE O PAÍS QUER TER MILITARES COM DIREITOS SOCIAIS TAMBÉM, A HORA É ESSA DE SOLICITAR E OS MILITARES DEVEM DEIXAR DE SEREM BOBOS. DEVEM PEDIR TUDO O QUE É DO SEU DIREITO! TENHO DITO!

A CONSTITUIÇÃO GARANTE!!!!!

Um abraço a todos os MILITARES de VERDADE!


UM LEMBRETE: O PERÍODO DA ESCRAVIDÃO NO BRASIL ACABOU EM 1888!

Zaryj comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - Zaryj - 10 de Fev. de 2009 às |4 C
OBSERVAÇÃO:

Se não quiserem contar essas 24 horas de plantão como três dias trabalhados!

TUDO BEM! ENTÃO PAGUEM 16 HORAS EXTRAS PARA OS MILITARES QUE CUMPRIREM ESSA JORNADA DE TRABALHO E FIM DE PAPO!

A ESCRAVIDÃO ACABOU NO BRASIL EM 1888.

troia173 comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - troia173 - 10 de Fev. de 2009 às |5 C
Duvido que as observações do companheiro Zaryj sejam discutidas por nossos Generais nas comissões que irão debater esse tema.
Quando do criminoso desmonte feito no período FHC, esses senhores negligenciaram sobre tantas coisas e uma delas foi o tempo não computado nos dias de serviços, manobras, instruções, etc.
No interior do Pará, naquele período, encontrei inúmeros Cabos e Sargentos antigos, vivendo precariamente a vida toda e, ao longo da carreira militar, tirando serviços de 3 em 3 dias. Verdadeira escravidão, sim, que nos gabinetes de primeiro mundo em que serão regulados os novos tempos de serviço, ninguém tomará conhecimento.
Havia uma pedra em nossos caminhos; nos novos caminhos há uma pedra. Os nossos representantes. Com certeza.

Dandolo comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - Dandolo - 07 de Mar de 2009 às |6 C
Se não me engano, o limite de idade dos militares de Israel vai até os 50 anos.
Serve para nós como referência.
Carlos Carlos - 29 de Jul de 2014 às 10:12 |1 R - Aguardando moderação do blogueiro

bilrj comentou. Clique aqui para ver seu perfil. - bilrj - 28 de Nov. de 2009 às |7 C
MATEMÁTICA DA CARGA HORÁRIA DOS MILITARES PRAÇAS:
(Porque das Praças? Em virtude dos Oficiais após um determinado tempo de serviço ou Posto, em sua maioria serem dispensados de serviço devido as funções que assumem. O que basicamente não ocorre com as Praças, que normalmente tiram serviço do Primeiro dia do serviço militar até a vespera da aposentadoria).

Serviço 2x1 (dois por um)
Explicando:
Um militar esta escalado de serviço no Domingo dia 1, tem de regressar impreterivelmente até as 07:30h, caso chgue atrasado provavelmente estará preso, assume o serviço as 07:50h. Na segunda-feira as 07:50 passa o serviço, caso sua rendição não falte por algum motivo sério e o mesmo tenha que dobrar de serviço, pensa que vai para casa descançar, se enganou, pois, já esta atrasado para dar continuidade nos serviços de reparos e preparação dos meios militares ou para cumprir o expediente quando se trabalha em setores administrativos, por volta das 17:00h poderá ir dormir em casa, caso não apareça alguma emergência, que o obrigue a permanecer por mais tempo na unidade, na terça-feira, Retorna a unidade impreterivelmente até as 07:30h já sabe oque acontece se o onibus furar o pneu, se tudo der certo as 17:00h poderá ir dormir em casa. Na quarta-feira o ciclo começa novamente, pois esta de serviço outra vez.

O militar é obrigado por força de Lei a concorrer a uma escala básica de serviço 2x1 ou 3x1 que corresponde a no minimo 3 serviços de 24 horas por semana = 72 horas + 4 dias de expedientes de no mínimo 8 horas diárias que é = 32 horas total da semana 72 + 32 = 104 horas por semana, não considerado os 30 minutos em que é obrigado a chegar com antecedencia, em quanto um CIDADÃO comum trabalaha no maximo 44horas semanais, e tem uma tolerancia de 15 minutos diários para chegar atrasado.

O mês tem quatro semanas (4X7=28 para facilitar as contas não consideraremos 2 dias do mês que já é perda semelhante aos 30 minutos diários), basicamente, então vejamos:
4 x 104 = 416 horas que o militar trabalha por mês, em quanto um CIDADÃO comum trabalha no maximo 176horas mês,.

O ano tem 12 meses, então vejamos:

12 x 416 = 4992horas por ano, em quanto um CIDADÃO comum trabalaha no máximo 2112horas por ano.

Divide-se por 8 horas de trabalho diarias determinadas por lei, nessa transformação teremos a real quantidade de dias que se trabalham.

4992 / 8horas = 624 dias trabalhados em apenas um ano. Como pode se o ano so tem 365 dias?
Isto siguinifica que os militares trabalham no minimo 259 dias por ano a mais que o CIDADÃO comum, sem quaisquer tipo de compensação remuneratorio ou folga prevista.
Quer saber em horas por ano?
Consideraremos que o Cidadão Civil comum também se aposenta-se com 30 anos de serviço e trabalha-se as mesmas 8horas diarais:
é so multiplicar por 30 ANOS DE SERVIÇO e teremos a quantidade de HORAS trabalhados por cada Um dos militares e do CIDADÃO em 30 ANOS.

MILITAR – 4992 X 30 = 149760 horas por ano

CIDADÃO COMUM - 2112 X 30 = 63360 horas por ano

Agora divide-se por 8horas que basicamente saberemos quantos dias se trabalha realmente em 30 anos:
MILITAR - 149769 / 8horas = 18720 dias trabalhados em 30 anos
CIDADÃO COMUM - 63360 / 8horas = 7920 dias trabalhados em 30 anos.

Será que consegui explicar o motivo do militar se aposentar com 30 anos de seviço?

Se acham que o militar tem muitas regalias, de a ele os direitos trabalhistas, façam duas Leis uma para época de Paz e Outra Para Estado de Guerra,


Agora só falam de regalias, mas onde estão as compensações pecuniárias por viagens para missões, treinamentos, manobras, exercicios, etc.... Não se ganha horas extras, nem fundo de garantia por tempo de serviço, nem salubridade, nem periculosidade, nem gratificação por risco de vida, etc... trabalhamos lado a lado muitas vezes na mesma função que servidores civis, (exemplo: Controlador de Vôo), alguns também funcionarios da união, que recebem todos esses direitos + tecnologia Militar, e para os Militares só arrocho, aperto e cadeia, em fim é uma classe com muitos deveres e obrigações a cumprir, ferrada financeiramente e socialmente, pois não ver o filho nascer porque esta em missão, licença paternidade na maioria dos casos so quando o navio chega ao porto, porém se for em porto fora a sua sede tem que esperar o navio retornar, caso consiga a licença deve arcar com despesas de retorno, festa de aniversario dos filhos, da esposa, dos pais, dos irmãos ou de amigos talvez se o navio não estiver viajando, se a aeronave não estiver voando em missão, e se não estiver de Serviço ou ainda escalado para alguma formaturas, desfiles, representações de datas comemorativas tais como: 11 de junho, 7 de setembro, 19 de novembro, 13 de dezembro, e inumeras outras datas comemorativas e historicas de cada FFAA e do País, já ia esquecendo, em caso de desastres, calamidade públicas, greves da policia e de entidades de segurança públicas, tomar conta e guardar a fazenda de presidentes quando os sem Terras a querem invadir, em eventos de grandes proporções, forum mundias, reuniões de cupulas, etc... quando querem melhorar a segurnça, os militares são lembrados e convocados, só não lembram de pagar um justo Salário.

Viva as FFAA do Brasil, Em rumo ao Primeiro Mundo.
Espero!