Ainda não se cadastrou? Junte-se a nós | Entrar Anuncie Já | Bate-Papo | Proposta
Portal Militar - Paixão pelo Brasil
Fórum de assuntos militares

Adicione ao Google Reader ou Página Principal | Adicione ao Yahoo Reader ou Página Principal |
Receba no email as atualizações no fórum: Parceria: FeedBurner
Portal Militar :: Exibir tópico - MAIS Cadeiras para GENERAIS. Isso é mesmo necessário?
 FAQFAQ   PesquisarPesquisar   GruposGrupos   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens PrivadasEntrar e ver Mensagens Privadas   LoginLogin 

MAIS Cadeiras para GENERAIS. Isso é mesmo necessário?

 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Portal Militar - Fórum -> Exército
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
sarbrasil
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 29 Mar, 2012
Mensagens: 14

PostEnviada: 16 03 2013, 22:25    Assunto: MAIS Cadeiras para GENERAIS. Isso é mesmo necessário? Responder com Citação

MAIS Cadeiras para GENERAIS. Isso é mesmo necessário?

Essa semana a presidente Dilma divulgou a criação de mais cargos de generais para o exército brasileiro, agora são 147 vagas. Se antes já havia gente que dizia que há muitos generais para poucos soldados, imagine agora, depois da criação de mais oito vagas! Para um efetivo de pouco mais de 220 mil soldados o número parece absurdo, se comparado com alguns países onde efetivamente as forças armadas estão sempre em combate real. Em Israel para um general existe cerca de 9.000 militares subordinados e na Inglaterra a proporção é de 1.700 soldados por general.

No exército brasileiro agora são cerca de 1.500 militares para cada general. Na Marinha os números são também interessantes, a nova proposta de aumento do efetivo prevê que haja 87 almirantes e uma tropa de quase 70.000 militares, a proporção é de cerca de 800 militares para cada oficial general.
Esse número expressivo de oficiais generais parece ser uma herança lusa, há alguns anos foi amplamente divulgada uma crítica norte americana às forças armadas portuguesas. O embaixador americano à época solicitou os serviços de uma banda militar para um evento oficial, a questão se estendeu muito e para o americano ficou evidente que os oficiais portugueses tinham medo de tomar decisões. O assunto, de pequena monta e que poderia ser decidido até por um sargento ou oficial subalterno teve que chegar até o Chefe do Estado maior do Exército.
O embaixador americano enviou um telegrama para Washington, o título era: "O que há de errado com o Ministério da Defesa português?". Lembramos que como membros da OTAN, as forças armadas portuguesas são assunto pertinente para os norte-americanos.
Vejam alguns trechos do documento escrito pelo embaixador Thomas Stephenson há dois anos e avaliem se também poderia se encaixar em nossa realidade.
Artigo de http://sociedademilitar.com
"... é uma estrutura "rígida" e incapaz de tomar decisões. A imagem de generais sentados sem fazerem nada não é uma mera alegoria."
“...Os militares têm uma cultura de statu quo em que as posições-chave são preenchidas por c ...
[img][/img]
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada
carpa
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 09 Nov, 2008
Mensagens: 11

PostEnviada: 30 03 2013, 12:59    Assunto: Responder com Citação

NA FALTA DE PRAÇA VAI GENERAL MESMO.
_________________
Meu passado não me condena,ele me fez ser o que sou hoje.
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Portal Militar - Fórum -> Exército
Todos os horários são GMT - 3 Horas
Página 1 de 1

 

Ir para:   
Postar no fórum: Não permitido para visitantes anônimos.
Responder Tópicos Não permitido para visitantes anônimos.
Editar Mensagens: Não permitido para visitantes anônimos.
Excluir Mensagens: Não permitido para visitantes anônimos.
Votar nas Enquetes: Permitido.
Permitido anexar arquivos
Permitido fazer download

Powered by phpBB © 2001-2008 phpBB Group