Ainda não se cadastrou? Junte-se a nós | Entrar Anuncie Já | Bate-Papo | Proposta
Portal Militar - Paixão pelo Brasil
Fórum de assuntos militares
viewtopic--Onde estou? Página Principal >> yo2 >> Marinha >> Topic > REVISAO DE REFORMA yo2
Adicione ao Google Reader ou Página Principal | Adicione ao Yahoo Reader ou Página Principal |
Receba no email as atualizações no fórum: Parceria: FeedBurner
Portal Militar :: Exibir tópico - REVISAO DE REFORMA
 FAQFAQ   PesquisarPesquisar   GruposGrupos   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens PrivadasEntrar e ver Mensagens Privadas   LoginLogin 

REVISAO DE REFORMA

 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Portal Militar - Fórum -> Marinha
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
tarzan
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 12 Dec 2007
Mensagens: 5

PostEnviada: 26 12 2007, 22:47    Assunto: REVISAO DE REFORMA Responder com Citação

Título: REVISÃO DE REFORMA
Texto:
Venho relatar neste artigo, fato que estou vivenciando há exatamente 408 dias, parece brincadeira mas estou esperando uma revisão de reforma há exatamente este tempo!!!

Fui militar da Marinha por dez anos, após sofrer um acidente de serviço fui reformada na mesma graduação e podendo prover os meios de subsistência, com o passar dos anos, 17 anos, para ser mais exata, o meu quadro fisico se agravou o que levou-me no ano passado a pedir uma Revisão de Reforma para fazer frente as despesas com medicamentos e tratamento de que necessito. Depois de realizar Inspeção de Saúde fui considerada inválida e alguns direitos como remuneração calculada em graduação superior e auxílio invalidez foram a mim concedidos, direitos estes que só passariam a ser implementados após homologação pelo Centro de Perícias Médicas, Diretoria de Pessoal Militar da Marinha e Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha.Infelizmente hoje, passado mais de um ano estou no aguardo de uma solução deveras complicada: As OM não conseguem se entender por causa de uma data, uma diz que colocou a data no TIS e por incrivel que pareça a data some dos documentos de uma OM para outra. Já enviei correspondência por SEDEX para quem achei que devia: Ministro da Defesa, Comandante da Marinha, Comandante do Comando Naval respectivo, DGPM, DPMM, SIPM, CPMM e até agora nada! Alguém por acaso está na mesma situação??? Ou tem uma idéia do que posso fazer? Por favor me ajudem! Não quero entrar via judicial pois tenho medo de que estes atrasados se transformem em um precatório que talvez os meus filhos venham a receber e que eu necessito hoje, por favor me ajudem!!!
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Endereço de AIM
sgtwallace
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 26 Jan 2008
Mensagens: 10
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 26 01 2008, 20:12    Assunto: Responder com Citação

bem, eu tb estou vivendo uma situação quase semelhnate a da minha e[i][b]sti[/b][/i]mada amiga de farda. Fui reformado pela clínica de Psiquiatria com 17 ans de marinha tenho 05 tipos de diagnósticos e tb fui reformado pela nova DGPM 406. eu estou indo para casa sem podendo prover nada ! e com a mesma gradução gostaria de saber até quando seremos tratados pela nossa instituição como simples "Numeros" e mais nada.
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Endereço de AIM Yahoo Messenger
ajudante
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 20 Mar 2008
Mensagens: 2
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 20 03 2008, 9:46    Assunto: Bom dia Responder com Citação

Gostaria de saber se você já conseguiu resolver seu problema para melhoria de reforma. Se não, eu tenho alguns conhecidos no SIPM e veria se tem como te ajudar.
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Endereço de AIM
BAR8601
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 24 Nov 2007
Mensagens: 69
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 21 03 2008, 18:28    Assunto: Re: REVISAO DE REFORMA Responder com Citação

[quote="tarzan"]Título: REVISÃO DE REFORMA
Texto:
Venho relatar neste artigo, fato que estou vivenciando há exatamente 408 dias, parece brincadeira mas estou esperando uma revisão de reforma há exatamente este tempo!!!

Fui militar da Marinha por dez anos, após sofrer um acidente de serviço fui reformada na mesma graduação e podendo prover os meios de subsistência, com o passar dos anos, 17 anos, para ser mais exata, o meu quadro fisico se agravou o que levou-me no ano passado a pedir uma Revisão de Reforma para fazer frente as despesas com medicamentos e tratamento de que necessito. Depois de realizar Inspeção de Saúde fui considerada inválida e alguns direitos como remuneração calculada em graduação superior e auxílio invalidez foram a mim concedidos, direitos estes que só passariam a ser implementados após homologação pelo Centro de Perícias Médicas, Diretoria de Pessoal Militar da Marinha e Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha.Infelizmente hoje, passado mais de um ano estou no aguardo de uma solução deveras complicada: As OM não conseguem se entender por causa de uma data, uma diz que colocou a data no TIS e por incrivel que pareça a data some dos documentos de uma OM para outra. Já enviei correspondência por SEDEX para quem achei que devia: Ministro da Defesa, Comandante da Marinha, Comandante do Comando Naval respectivo, DGPM, DPMM, SIPM, CPMM e até agora nada! Alguém por acaso está na mesma situação??? Ou tem uma idéia do que posso fazer? Por favor me ajudem! Não quero entrar via judicial pois tenho medo de que estes atrasados se transformem em um precatório que talvez os meus filhos venham a receber e que eu necessito hoje, por favor me ajudem!!![/quote]


Prezada colega

Não abra mão de seus direitos, contate um advogado e ingresse imediatamente com ação judicial. Em virtude da realização de perícia médica que atendeu aos preceitos legais para concessão da sua melhoria de reforma, voce deve instruir o advogado para requerer ao Juiz liminar com antecipação de tutela, o que significa determinar que a Marinha pague imediatamente os valores devidos enquanto tramita a decisão final na Justiça. Caso não deseje ingressar na justiça, dê entrada com requerimento no Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha (SIPM), solicitando informações sobre o andamento do processo de melhoria, e guarde a resposta do requerimento, para futuramente após concessão da melhoria de reforma, caso queria, entrar com ação judicial posterior.
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Enviar Email Endereço de AIM Yahoo Messenger MSN Messenger
ninja
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 24 Mar 2008
Mensagens: 2
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 25 03 2008, 23:15    Assunto: Re: REVISAO DE REFORMA Responder com Citação

Estou vivendo a mesma situação, só que até o momento estou reformado com o salário proporcional ao meus 18 anos de MARINHA. Entrei com um requerimento de instauração de ISO e após longo período para se fechar o devido inquérito solicitei cópia autenticada ao CPMM desde DEZ/2007. Tendo visto a dificuldade em conseguir minha cópia, dirigir-me diretamente no setor de auditoria da OM citada, a qual mandou-me pegar o documento no dia 31/03/2008.

Oriento-lhe ir até lá pessoalmente ou ligar para o nº 2253-0420 e pedir para falar com alguém do setor de auditoria.

Outrossim, gostaria de saber se poderia ter acesso ao seu processo de invalidez, pois acho muito contraditório eles me avaliarem com incapacidade, uma vez que nenhuma empresa civil entende este tipo de avaliação, ou seja incapaz não estando inválido.

Minha reforma deu-se por hérnia discal, a qual já foi operada uma vez. GRATO!!!!!



[quote="BAR8601"][quote="tarzan"]Título: REVISÃO DE REFORMA
Texto:
Venho relatar neste artigo, fato que estou vivenciando há exatamente 408 dias, parece brincadeira mas estou esperando uma revisão de reforma há exatamente este tempo!!!

Fui militar da Marinha por dez anos, após sofrer um acidente de serviço fui reformada na mesma graduação e podendo prover os meios de subsistência, com o passar dos anos, 17 anos, para ser mais exata, o meu quadro fisico se agravou o que levou-me no ano passado a pedir uma Revisão de Reforma para fazer frente as despesas com medicamentos e tratamento de que necessito. Depois de realizar Inspeção de Saúde fui considerada inválida e alguns direitos como remuneração calculada em graduação superior e auxílio invalidez foram a mim concedidos, direitos estes que só passariam a ser implementados após homologação pelo Centro de Perícias Médicas, Diretoria de Pessoal Militar da Marinha e Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha.Infelizmente hoje, passado mais de um ano estou no aguardo de uma solução deveras complicada: As OM não conseguem se entender por causa de uma data, uma diz que colocou a data no TIS e por incrivel que pareça a data some dos documentos de uma OM para outra. Já enviei correspondência por SEDEX para quem achei que devia: Ministro da Defesa, Comandante da Marinha, Comandante do Comando Naval respectivo, DGPM, DPMM, SIPM, CPMM e até agora nada! Alguém por acaso está na mesma situação??? Ou tem uma idéia do que posso fazer? Por favor me ajudem! Não quero entrar via judicial pois tenho medo de que estes atrasados se transformem em um precatório que talvez os meus filhos venham a receber e que eu necessito hoje, por favor me ajudem!!![/quote]


Prezada colega

Não abra mão de seus direitos, contate um advogado e ingresse imediatamente com ação judicial. Em virtude da realização de perícia médica que atendeu aos preceitos legais para concessão da sua melhoria de reforma, voce deve instruir o advogado para requerer ao Juiz liminar com antecipação de tutela, o que significa determinar que a Marinha pague imediatamente os valores devidos enquanto tramita a decisão final na Justiça. Caso não deseje ingressar na justiça, dê entrada com requerimento no Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha (SIPM), solicitando informações sobre o andamento do processo de melhoria, e guarde a resposta do requerimento, para futuramente após concessão da melhoria de reforma, caso queria, entrar com ação judicial posterior.[/quote]
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Enviar Email Endereço de AIM Yahoo Messenger MSN Messenger
sgtwallace
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 26 Jan 2008
Mensagens: 10
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 30 03 2008, 0:20    Assunto: Responder com Citação

Olá amigos de farda, nós devemos formar uma comissão e sairmos de maneira civilizada em busca de nossos direitos.
as autoridades Navais precisam entender que nós vivemos mas na maravilhosa MArinha dq as vzs em nossas própias casas.
por tanto, adquirimos problemas de saúde na própia marinha sim.
TEMOS DE NOS MOBILIZAR.!!!
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Endereço de AIM Yahoo Messenger
sgtwallace
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 26 Jan 2008
Mensagens: 10
Estado: Rio de Janeiro

PostEnviada: 05 05 2008, 0:37    Assunto: chega de ficarmos quietos !!! Responder com Citação

[b][size=18][b]Sou Segundo-Sargento e tenho 18 anos de Marinha e com muito orgulho. Mas infelizmente de alguns anos para cá passei a ser portador de problemas Psíquicos adquiridos na ativa desta amada força. O que me levaram a ser reformado pela nova DGPM, mas a maneira que fui reformado VSª, "Sem relação de causas e efeitos” me prejudicou pq eu não pedi a Marinha para sair da ativa não.. pelo contrário fui reformado com remuneração proporcional e isto, esta afetando minha vida em todos os aspectos, financeiros,meu estado de saúde piorou, meu casamento e eu própio. tenho tido crises de depressões constantemente. fui a "UISM" Unidade de Insanidade Mental da Marinha" no Rio e a minha doutora só me passa remédio e diz que eu já tinha predisposição para tal doença. Mas só que se a marinha estivesse como saber disto, eu teria dado com muito orgulho o meu sangue pela minha pátria com a permissão da Marinha. Eu sei que foi servindo a minha pátria que adiquiri este problema de saúde,Gostaria de pedir ajuda a VSª com relação a esta DGPM que parece não cumprir com oq esta escrito na Constituinte e na própia DGPM concernente a reforma por motivo comprovado em laudos que é o que eu tenho na Marinha.

ESTOU PASSANDO NECESSIDADES OQ EU NUNCA PENSEI DE PASSAR EM MINHA VIDA. FUI SINCERO COM A MINHA PÁTRIA E SEMPRE SEREI.

ATENCIOSAMENTE:
2º SG - WALLACE ANDERSON DAS CHAGAS SILVA -
NIP: 86593358
PASSEI PARA A RESERVA COM UMA QUEDA DE 60% em meus proventos.
Estou tendo que comprar os remédios com meu pagamento que este muito defasado. SOU SEGUNDO-SARGENTO E ESTOU GANHDO MENOS QE M CABO.[/[/b][/size]b][color=red][/color]
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada Endereço de AIM Yahoo Messenger
eduardotrindade
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: May 11, 2008
Mensagens: 3
Estado: DF

PostEnviada: 11 05 2008, 23:04    Assunto: Responder com Citação

Companheiros,

Segue um link q pode nos ajudar:

http://jus2.uol.com.br/doutrina/texto.asp?id=6568
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada
rubmylcri
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 08 Dec, 2008
Mensagens: 1

PostEnviada: 08 12 2008, 12:36    Assunto: Re: REVISAO DE REFORMA Responder com Citação

boa tarde caros campanhas estou numa luta constante ja a 3 anos fui reformado nao estando invalido. tenho neoplacia maligna fiz transplante de medula e 33 quimioteraria. quando eu estava de lts ainda em tratamento o medioo me inspecionou do meu batalhao e me encaminhou para junta superior nao estando invalido ja na junta ela homologou a decisao do medico do batalhao. passarao 2 anos fui reformado nma mesma graduaçao. ja estou pelo sipm . sou fuzileiro . ai eu fui no cpes e dei entrada no auxilio invalidez . fui para junta regular . no cpmm ela me pediu um laudo da minha medica ela peguntou se eu tinha cura quanto tempo se eu estava invalido. a minha medica e muito boa colocou todo o hostorico da minha doença e colocou que eu tenho que ficar afastado de todo serviço no minimo 10 anos e por isso a minha doença tem que me torna incapaz ela colocou isso . voltei na junta regular ele leu o laudo a minha de e falou que nao tinha o poder de refazer o meu parecer que me reformou naoi estando invalido e por isso nao poderia me da o auxilo por que uma coisa puxa a outra. ele me encaminhou para a junta superior distrital com base do paracer a minha medica. fui a junta superio elas descutiam entre comigo uma das medicas ate queria refazer o minha reforma mais a outra estva puxando pra tras ela mandaram eu sai . depis eu entrei . elas me caminharam para junta dos almirantes ela de deu um recurso e eu entrei com esse recurso dos almirante . o q me deixou muito assim sem noçao o outro medico da junta regular tinha me falado muito isso rubens se elas nao refizerem sua reforma vc fala que quer para junta dos almirantes
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada
tzlavrog
Newbie
Newbie


Cadastrou-se em: 05 Jan, 2009
Mensagens: 46

PostEnviada: 10 01 2009, 10:39    Assunto: RE: REFORMA NO AMBITO DAS FFAA Responder com Citação

Bom dia,


Pelos pedidos de respostas dos colegas em seus post, observo que cumprindo ainda os requisitos exigidos no Estatuto do Militares para Reforma, estando à maioria dos colegas com mais de 10 anos de serviço, fico pasmo, com a situação que estão passando, parece que vocês estão com “pires na mão”, a pedir um favor que é direito de vocês.

A Reforma com os benefícios que estão estatuídos no Codex Militar (lei 6880/80) e, mais ainda, existe uma Portaria editada pelo Ministério da Defesa que vem normalizar os procedimentos para concessão de reforma no âmbito das três Forças e, pelo que estão definidos nesta Portaria todos que postaram fazem jus aos benefícios bem como, o Auxilio Invalidez, com os proventos acima das graduações em que contraíram as moléstias graves.

Para vocês terem uma idéia, os proventos com reforma para quem não pode prover os meios são calculados da seguinte forma:

Sd – CB: soldo de 3º SGT; 3º SGT – 1º SGT: soldo de 2º Ten - SO/SubTenente – Aspirante: soldo de 1º Tenente.

No que concerne à concessão do Auxilio Invalidez, que é o caso do companheiro Rubmylcri que está com Neoplasia Maligna e faz quimioterapia, isto é, tem tratamento constante e o uso de remédio, faz jus à concessão do Auxilio, da seguinte forma, podendo optar pelo pagamento do soldo de Cabo: R$ 1.089,00, este não foi alterado com os reajustes concedido aos militares, ou ainda, fazer opção pela cota parte do soldo (soldo da reforma) de 7,5, isto é, 25% (vinte e cinco por cento). o que for maior dos dois.

Caso os companheiros estiverem interessados, posso esclarecer e orientar a melhor maneira para requerer esse direito, para isso, vou disponibilizar meu e-mail: tzlavrog@msn.com

Um grande abraço para todos!!!!
Voltar ao Topo
Perfil do Usuário Enviar Mensagem Privada
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Portal Militar - Fórum -> Marinha
Todos os horários são GMT - 3 Horas
Página 1 de 1

 

Ir para:   
Postar no fórum: Não permitido para visitantes anônimos.
Responder Tópicos Não permitido para visitantes anônimos.
Editar Mensagens: Não permitido para visitantes anônimos.
Excluir Mensagens: Não permitido para visitantes anônimos.
Votar nas Enquetes: Permitido.
Permitido anexar arquivos
Permitido fazer download

Powered by phpBB © 2001-2008 phpBB Group