Olá Visitante! Junte-se a nós! ou Entre para inserir uma História Militar.
[ Anuncie Já | Fórum | Blogs | Bate-Papo | Ajuda | Proposta ]
 
Página PrincipalPortal Militar Escute hinos e canções militares na Rádio do PortalHinos Fórum do Portal MilitarFórum Blogs Hospedados no PortalBlogs Converse no chat com militaresBate-Papo Videos do YoutubeVideo ArtigosArtigos AgendaAgenda Hotel de TrânsitoHotel Deixe um mensagem para todos do portal.!Fonoclama EntrarEntrar! Junte-se a nós!Junte-se a nós!
  Ir para Página Principal do Portal Militar
 
   
 
[ Todos as Histórias | Todos os Colaboradores | Os últimos 20 Colaboradores ativos ]

[ Dúvidas | Política de Publicação | Busca avançada ]

Usuários Colaboradores podem enviar Histórias Militares ou relacionadas, além de poder comentar as Histórias enviadas por outros usuários!
© Todos os direitos reservados aos seus autores. Esta material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização de seus autores. As opiniões expressas ou insinuadas nesta revista pertencem aos seus respectivos autores e não representam, necessariamente, as do Portal Militar.com.br ou de quaisquer outros órgãos ou departamentos do governo brasileiro.
 

 
Visitando Eternos Heróis
Inserido por: Israel
Em: 07-30-2006 @ 04:37 pm
 

 
Curriculum 
Vitae

 

 

 

Autor: * Dr.ISRAEL BLAJBERG

Nota: texto versando sobre a visita conjunta das Comitivas da ESG e da Associação dos Ex-Alunos do CPOR / RJ a Bda Inf Pqdt.

O clima reinante no evento realizado aos 24 / ago / 2005
ensejou a inspiração para escrever algumas palavras alusivas.

xxx

" ... Enviem precursores a nossa frente para explorar a terra ...

... Que faam um relato sobre o caminho adiante,

e os povoados que encontrarem..."

Deuteronmio 1:22

 

 

O dia mal amanhecia e já estávamos no quartel do CPOR / RJ prontos para embarcar na viatura que nos levaria a Brigada de Infantaria Pára-quedista na Vila Militar.

Durante a viagem ouvíamos as recordações dos colegas da Associação dos Ex-Alunos, que um dia como Oficiais R/2 ostentaram com garbo a boina bordeaux, os coturnos marrons, e ao peito as asas de Pqd.

Logo ao dobrar a estrada de acesso da Colina Longa, uma cena orwelliana:

A Força Tarefa Santos Dumont estava em forma e pronta para entrar em ação, os rostos camuflados, o material em posição. Algumas centenas de guerreiros prontos para o que der e vier.

Chegar a Velha Brigada foi como adentrar a maquina do tempo, retrocedendo 40 anos. Na fisionomia de cada soldado em forma no Campo de Parada vimos nosso próprio rosto, e o de antigos camaradas.

No de cada tenente, o rosto de um antigo Instrutor ou de um antigo colega, no dos Comandantes, aquela mesma determinação.

Os saltos simples e de precisão e a brilhante entrada em posição da Bia O Pqdt demonstraram o excelente grau de aprestamento da tropa. Nós, R/2 traduzíamos fielmente o significado daquelas manobras, os corações artilheiros e Pqds batendo mais forte ao estrondo das salvas e a cada pouso perfeito, operações de que nós mesmos tantas vezes participáramos.

Ah, se o tempo pudesse voltar ... mas foi bom ... recordar é viver.

Tivemos uma oportunidade de ouro, a de passar alguns anos servindo ao Exercito Brasileiro, onde aprendemos pelo exemplo que observamos, junto com nossa turma do CPOR, a sermos sempre positivos, dar sem esperar receber, sermos organizados, disciplinados, bem cumprir as missões, respeitar os superiores e bem conviver com os colegas.

Tudo isso ficou como paradigma para nossas vidas. O Exercito mudou muito desde o nosso tempo, a evolução foi marcante, seja na doutrina, no material, fardamento, rancho, só uma coisa não mudou, aquele espírito continua o mesmo, a mesma dedicação, a mesma vibração, e por que não dizer, cada nova geração melhor do que a anterior conseguia ser.

Não é um que escreve estas palavras, mas apenas traduz o sentimento captado dos colegas, seja nas conversas, seja na simples contemplação, às vezes a verbalização nem se torna necessária...

Algumas coisas na vida não tem preço, e uma foi ter estado com os Pára-quedistas, percorrendo o campo de parada por entre as fileiras, observando as demonstrações, podendo sentir no rancho a atmosfera eletrizante do Badernaço ao final da visita, com todos acompanhando a vibrante Banda de Música nas canções Irmãos do Condor, Dragões do Ar e Eterno Herói, a Canção do Pára-quedista.

 

Fica aqui a nossa saudade, a nossa admiração, e o nosso

agradecimento pelo breve mas enriquecedor convívio.

Brasil Acima de Tudo !!!

 

 

 

Comitiva Ass Ex-Al CPOR/RJ com Gen Bda Ferreira, Cmt

e Cel Cav Marcio, E/5 Bda Inf Pqdt - 24 / ago / 2005

 

(*) Assessor Cultural

Ass. Ex-Al CPOR / RJ

 


Última alteração em 07-30-2006 @ 04:37 pm

[ Envie esta História para um amigo! ]

 
Comentar
Comentar
Veja mais
Veja mais
Perfil do usuário colaborador
Perfil do usuário colaborador
Envie uma Mensagem Privada
Envie uma Mensagem Privada