Olá Visitante! Junte-se a nós! ou Entre para inserir uma História Militar.
[ Anuncie Já | Fórum | Blogs | Bate-Papo | Ajuda | Proposta ]
 
Página PrincipalPortal Militar Escute hinos e canções militares na Rádio do PortalHinos Fórum do Portal MilitarFórum Blogs Hospedados no PortalBlogs Converse no chat com militaresBate-Papo Videos do YoutubeVideo ArtigosArtigos AgendaAgenda Hotel de TrânsitoHotel Deixe um mensagem para todos do portal.!Fonoclama EntrarEntrar! Junte-se a nós!Junte-se a nós!
  Ir para Página Principal do Portal Militar
 
   
 
[ Todos as Histórias | Todos os Colaboradores | Os últimos 20 Colaboradores ativos ]

[ Dúvidas | Política de Publicação | Busca avançada ]

Usuários Colaboradores podem enviar Histórias Militares ou relacionadas, além de poder comentar as Histórias enviadas por outros usuários!
© Todos os direitos reservados aos seus autores. Esta material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização de seus autores. As opiniões expressas ou insinuadas nesta revista pertencem aos seus respectivos autores e não representam, necessariamente, as do Portal Militar.com.br ou de quaisquer outros órgãos ou departamentos do governo brasileiro.
 

 
Sinopse Caxias e a unidade nacional
Inserido por: ClaudioBento
Em: 07-04-2006 @ 02:56 pm
 

 

    

  A Academia de História Militar Terrestre do Brasil(AHIMTB) em seu 7 o ano de atividade, em comemoração ao bicentenário de seu patrono, o Duque de Caxias, esta promovendo a edição da obra Caxias e a Unidade Nacional de autoria do historiador militar e seu presidente, Cel Cláudio Moreira  Bento .Obra  apresentada por seu 3 o vice presidente, acadêmico e seu delegado no Rio Grande do Sul, Cel Luiz Ernani Caminha Giorgis e prefaciada por seu 2 o vice presidente, o acadêmico emérito e seu Delegado em Brasília, Gen Arnaldo Serafim e com orelhas do acadêmico Dr Flávio Camargo, pela Editora Genesis.

Obra a cargo da editora Genesis e impressa pela Gráfica Metrópole, ambas de Porto Alegre e patrocinada, por subscrição popular, entre os membros e amigos da AHIMTB, admiradores do Duque de Caxias  

Caxias e a Unidade Nacional se constitui em instrumento de trabalho do pesquisador e historiador ,por agregar em seu conteúdo informações  das mais variadas relativas ao Duque de Caxias e Marechal de Exército Luiz Alves de Lima e Silva, .E além , o aborda  nas mais variadas projeções de sua vida e obra. Se constitui obra referencial por excelência ,por aumentar  expressivamente o seu alcance pela citação de inúmeras fontes que remetem o leitor e pesquisador interessados a aprofundamentos de aspectos militares, pessoais e públicos que se desejar, sobre este grande brasileiro.

Aborda uma visão integral  sintética da Significação histórica de Caxias, na interpretação de  intelectuais e autoridades, onde se destaca a sua preocupação, como religião ,com a Unidade Nacional ,o que inspirou o título desta obra.

Ela recorre a Cronologia ,disciplina auxiliar da História, para dar uma visão ao leitor e pesquisador, logo de início, da vida do Duque de Caxias como um todo ,para se sentir a grandiosidade de sua vida e obra relacionada com fatos de sua vida familiar e de homem público .

Ao final relaciona a vasta relação de fontes escritas , focalizando a vida e obra de Caxias ,hoje em grande parte esgotada ou de difícil acesso.

Sendo o Duque de Caxias personagem de vida e obra multifacetadas elas são abordadas, por partes, na forma de  aspectos essenciais das mesmas ,por difícies ou impossíveis de serem tratados integradas, sem prejuízo de aspectos relevantes .

Começa por sua Significação histórica. A seguir abordar sua Cronologia para que se tenha uma idéia global de sua vida e atuação militar e política 1808-1880.Depois apresentamos: As  Bases de sua Cultura em Arte e Ciência Militar; O  Quadro de circunstâncias condicionantes dos tempos em que viveu; Aspectos de sua personalidade e humanos de sua figura, inclusive o seu namoro no Uruguai coma a bela jovem  Angela Furriol, antes de conhecer sua esposa; Vítima da manipulação da História. E como   homem público: Caxias como presidente e senador do Rio Grande do Sul; Sua  projeção como Ministro da Guerra;”0 inspirador da Doutrina Militar Terrestre Brasileira;” Conselheiro de Estado; Comandante- em Chefe e os seus problemas políticos; Chefe do Governo do Brasil; Projeção da sua amizade com Osório no progresso do Exército; Caxias como vítima da manipulação da História; Sua espada e o espadim dos cadetes; Condecorações: Últimos dias, morte e funerais; Centenário de sua morte na AMAN; Pioneiro abolicionista e da Aeronáutica no Brasil  e sua visão da Batalha do Passo do Rosário etc.

Numa Terceira Parte focaliza as Lutas Internas no Período Monárquico 1808-89,nelas  acompanhando ,em paralelo, a situação em que se encontrava Caxias. E aborda expressivamente aspectos de Caxias como o fiador  da segurança do Governo Central no Rio, no comando do Corpo de Policias Permanentes 1832-39,e a sua atuação nas 4 lutas internas em que pacificou no Maranhão, São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul que o consagraram como Pacificador. E mais do que isto, no maior apóstolo da preservação da Unidade Nacional no Império .

Diversos historiadores e autoridades tem escrito sobre Caxias conforme relacionado em fontes consultadas em anexos, as quais   aqui pela primeira vez foram   integradas para  assim proporcionar um melhor entendimento de sua atuação ,ao ponto de ousar o autor  classificar o século XIX no Brasil, como O Século do Duque de Caxias no Brasil .

Numa Quarta Parte apresenta dois cadernos, iconográficos precedidos de legendas, sendo um a cores e outro em preto e branco  com 130 gravuras relacionadas com os mais diversos aspectos da vida do maior de nossos generais.

A obra será lançada em Porto Alegre, em Brasília e Rio de Janeiro na delegacia da AHIMTB.

 


Última alteração em 07-04-2006 @ 02:59 pm

[ Envie esta História para um amigo! ]

 
Comentar
Comentar
Veja mais
Veja mais
Perfil do usuário colaborador
Perfil do usuário colaborador
Envie uma Mensagem Privada
Envie uma Mensagem Privada